“Arraiá do Povo em Casa” – TV Assembleia abre segunda edição a partir desta quinta com apresentações inéditas

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

“Arraiá do Povo em Casa” - TV Assembleia abre segunda edição a partir desta quinta com apresentações inéditas

O Boi de Itapera está na programação do “Arraiá do Povo em Casa”, que será transmitido pela TV Assembleia a partir desta quinta

Chegou a hora de guarnicê. Vai começar a festança do “Arraiá do Povo em Casa”. A segunda edição do evento realizado pela TV Assembleia acontece nesta quinta-feira (24), Dia de São João; na sexta (25) e sábado (26), com apresentações inéditas transmitidas ao vivo pela TV Assembleia (canal aberto 9.2), Youtube da emissora (tvassembleiama), Insta e Face, a partir das 19h.

Os amantes das brincadeiras vão poder matar a saudade acompanhando de casa as apresentações dos tradicionais grupos folclóricos do São João maranhense.

Por conta da pandemia, que exige o distanciamento social, a intenção da Assembleia Legislativa, que já realiza um dos mais consagrados arraiais do Maranhão, é manter acesa a chama da tradição de uma das festas mais populares do Brasil.

A Dança Portuguesa Arte e Beleza de Portugal vai encantar os telespectadores com a beleza de sua coreografia e indumentária
A Dança Portuguesa Arte e Beleza de Portugal vai encantar os telespectadores com a beleza de sua coreografia e indumentária

O diretor de Comunicação da Assembleia, jornalista Edwin Jinkings, afirmou que as expectativas para a segunda edição do “Arraiá do Povo em Casa” são as melhores possíveis e que tudo está sendo preparado com muito carinho para os três dias de transmissão.

“É a nossa forma de manter acesa a chama junina que existe em cada maranhense apaixonado pelo São João. Mesmo com a vacinação em andamento, continuam as medidas restritivas, o que nos leva a buscar soluções criativas. Por isso, diante do sucesso que foi o “Arraiá do Povo em Casa”, no ano passado, decidimos realizar essa nova edição já que ainda não é possível guarnicermos novamente ao vivo na grande festa junina que a Casa do Povo sempre faz”, disse Jinkings.

As matracas do Boi da Pindoba vão ecoar na festança junina do “Arraiá do Povo em Casa”
As matracas do Boi da Pindoba vão ecoar na festança junina do “Arraiá do Povo em Casa”

Alegria

Em casa, as pessoas vão poder arrastar o sofá e dançar com as mais de 20 atrações. O propósito é levar toda a alegria das matracas, os sotaques marcantes e cadenciados dos nossos bois, o ritmo contagiante das danças tradicionais e todo o brilho que faz do São João do Maranhão o melhor e mais diversificado do Brasil.

Para conferir um brilho todo especial à segunda edição do “Arraial do Povo em Casa”, foi montado um cenário junino no prédio do Complexo de Comunicação, de onde serão transmitidas as brincadeiras. Durante a exibição, os apresentadores farão, ao vivo, a interação com os internautas nas redes sociais, usando a hashtag #ArraiáDoPovoEmCasa. Também será disponibilizado um contato via whatsApp (98 9972-6181) para o envio de vídeos e mensagens de texto.

Veja a programação completa

QUINTA

BOI DE MORROS
CACURIÁ DE DONA TETÉ
BOI DE NINA RODRIGUES
BOI DE SANTA FÉ
BOI DA MAIOBA
TAMBOR DE CRIOULA DE LEONARDO

SEXTA

BOI PIRILAMPO
DANÇA PORTUGUESA ARTE E BELEZA DE PORTUGAL
BOI NOVILHO BRANCO
BOI UNIÃO DA BAIXADA
BOI DE RIBAMAR
BOI DE ITAPERA

SÁBADO

BOI DE SONHOS
BOI DA PINDOBA
BOI DA LUA
QUADRILHA MOCINHA DO SERTÃO
BOI DE MARACANÃ
BOI BRILHO DA ILHA
BOI BAIRRO DE FÁTIMA

  Publicado em: Política

Para os cientistas de araque e corruptos da CPI não!!! Oxford testa ivermectina como possível tratamento para Covid-19

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

Reuters- A Universidade de Oxford disse na quarta-feira (23 de junho) que estava testando a droga antiparasitária ivermectina como um possível tratamento para Covid-19, como parte de um estudo apoiado pelo governo britânico que visa ajudar nas recuperações fora do hospital definições.

A ivermectina resultou em uma redução da replicação do vírus em estudos de laboratório, disse a universidade, acrescentando que um pequeno piloto mostrou que a administração precoce do medicamento pode reduzir a carga viral e a duração dos sintomas em alguns pacientes com Covid-19 leve.

Chamado de Principle, o estudo britânico em janeiro mostrou que os antibióticos azitromicina e doxiciclina eram geralmente ineficazes contra o Covid-19 em estágio inicial.

  Publicado em: Política

Porra louca!!! Segundo Mandetta, a segunda onda do covid-19 foi culpa do auxílio emergencial…

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

Primeiro disse para procurar médico somente quando tivesse com falta de ar e agora essa desse político mequetrefe que se diz médico… Ora bolas!!! Esse idiota quer que a população passe fome e mora em casa ou quiçá levando ao hospital morrendo!!! 

Segundo Mandetta, a segunda onda do covid-19 foi culpa do auxílio emergencial

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, criticou o governo de Jair Bolsonaro por ter dado “pouco dinheiro” em programa que proporcionou o auxílio emergencial, apesar do programa ter sido considerado o maior programa de transferência de renda do mundo e elogiado inclusive pela ONU, também ajudou a tirar 40 milhões de Brasileiros da extrema pobreza no país.

No Twitter, Mandetta afirmou que o Brasil não tem um programa sustentável para deter a pobreza. Segundo ele, mesmo que a economia se recupere, será de forma desigual.

insuficiente e muito mal pensado, que foi interrompido e praticamente forçou uma segunda onda do Covid-19, ao obrigar as pessoas a irem para as ruas. E de resto, temos uma continuação da gestão política do pobre.”

  Publicado em: Política

Assistam ao vídeo!!! Análise perfeita pelo “Os Pingos nos Is” sobre a CPI comandada por corruptos!!!

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

OSMAR TERRA DESMONTA OPOSIÇÃO/ CHILIQUE DE RANDOLFE/ DRAUZIO CONDENADO – Os Pingos Nos Is – 22/06/21

  Publicado em: Política

Hildo Rocha comprova que falta de legislação tributária moderna faz pobreza aumentar

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

Em pronunciamento na tribuna da Câmara, o deputado Hildo Rocha destacou que o parlamento brasileiro precisa, urgentemente, fazer a Reforma Tributária. Para exemplificar os prejuízos causados pela falta de uma legislação tributária moderna, adequada ao século XXI, o parlamentar citou o desfecho de uma questão que se arrastava no STF há quatro anos. A decisão, de acordo com o parlamentar, retira 250 bilhões dos pobres para dar aos mais ricos.

Trata-se do pedido de exclusão do ICMS da base de cálculo para apuração do PIS e da Cofins. A questão, que ficou conhecida no meio jurídico tributário como “a tese do século”, finalmente foi concluída pelo Supremo Tribunal Federal. A consequência imediata dessa decisão, de acordo com estimativa do Ministério da Economia, é a perda de R$ 258,3 bilhões.

Quem vai pagar o prejuízo?  

Hildo Rocha ressaltou que o governo será forçado a encontrar meios para recuperar os 250 bilhões de reais que serão devolvidos às empresas que pagaram tributos (PIS e Cofins) calculados com base no inclusão do valor do ICMS.

“Quem pagou esse tributo que agora será devolvido? Foi o consumidor. Só que o consumidor vai ter que pagar isso de novo. Ele não vai receber de volta, porque quem vai receber essa diferença do tributo cobrado a mais serão as empresas que entraram com as ações no Supremo Tribunal Federal. O consumidor vai pagar de novo. Por que ele vai pagar de novo? Porque para bancar os mesmos serviços que oferece ao cidadão o Governo Federal vai ter que aumentar outros tributos ou diminuir a qualidade ou a quantidade dos serviços públicos entregues ao cidadão”, argumentou.

Sistema tributário complexo e arcaico  

Hildo Rocha exemplificou citando a metodologia utilizada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). A instituição deliberou que a diferença do tributo cobrado (diferença de PIS e COFINS), terá que ser abatida nas tarifas de energia.

“A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL ) deliberou a favor dos consumidores determinando que a diferença recebida das geradoras e distribuidoras de energia tem que ser devolvida o equivalente em diminuição das tarifas de energia. Ocorre que outras empresas não farão da mesma forma. Por isso que os cidadãos e cidadãs vão ter que pagar novamente por um tributo mal cobrado. E por que isso acontece? Porque o nosso sistema tributário, principalmente no que incide sobre o consumo, é muito complexo, que cria grande insegurança jurídica e enorme injustiça fiscal e tributária”, explicou.

Sistema tributário perverso  

O parlamentar defendeu com veemência a necessidade de se promover uma reforma tributária urgentemente. “O sistema tributário brasileiro precisa ser modificado, precisa ser modernizado, pois só assim será possível evitarmos que situações como essa continuem acontecendo. Esses 250 bilhões de reais não vão para o cidadão simples. O cidadão que comprou arroz para comer foi quem pagou esse tributo, e esse dinheiro que ele pagou vai servir agora para enriquecer os donos de empresas, porque a diferença do tributo pago a maior pelo consumidor será entregue aos donos das empresas. Olhem o prejuízo que o povo brasileiro está tendo, isso vai aumentar as desigualdades sociais! O sistema atual é perverso pois permite que sejam tirados 250 bilhões de reais do pobre para dar para os ricos. Isso contribui para o aumentando as desigualdades sociais”, sentenciou Hildo Rocha.

Forças poderosas impedem o avanço da Reforma Tributária 

De acordo com Hildo Rocha, existem forças poderosas, tanto no âmbito do governo federal como da Câmara dos Deputados, impedindo que as propostas de Reforma Tributária Constitucional que tramitam na Câmara avancem.

“Existem Deputados aqui, Sr. Presidente, inclusive membros da Mesa Diretora, que não querem que façamos justiça tributária. Vejam quem está contra a reforma tributária! Não coloquem esses Parlamentares de novo aqui! O grande trabalho que o eleitor pode fazer em 2022 é procurar saber quem está enganando a população, quem está retirando dinheiro do povo, quem está piorando os serviços públicos em favor do enriquecimento de alguns empresários. Esses Deputados se elegem com a força do povo, mas aqui defendem as grandes empresas e os bancos, contra o povo”, enfatizou Hildo Rocha.

https://youtu.be/ZvRuxL98mMQ

http://hildorocha.com.br/site/hildo-rocha-comprova-que-falta-de-legislacao-tributaria-moderna-faz-pobreza-aumentar/

https://bit.ly/3zQTB0n 

  Publicado em: Política

São José de Ribamar é a primeira cidade do Brasil a implantar pagamentos de Tributos via PIX na modalidade Cobrança

Publicado em   23/jun/2021
por  Caio Hostilio

A cidade de São José de Ribamar avança tecnologicamente e é o primeiro município brasileiro a implantar a modalidade de cobrança de tributos via PIX. A nova forma de pagamento é fruto de um trabalho em equipe realizado pela Secretaria Municipal da Receita e Fiscalização Urbanística (SEMREC), em parceria com o Banco do Brasil, Secretaria Municipal de Planejamento, Administração e Finanças (SEMPAF) e o Sistema Tributário Municipal – TINUS.
Em reunião realizada nesta terça-feira (22), para lançar oficialmente a modalidade de cobrança com o pagamento por meio do PIX, vanguarda no Brasil e consequentemente, em todo o Maranhão, tem como objetivo propor mais facilidade para os contribuintes, porque o pagamento é feito de forma imediata, além de agilizar processos como emissões de notas fiscais, certidões, licenças e muito mais. Todos os tributos já podem ser pagos pelo PIX.
De acordo com o Gerente Geral de Governo do Banco do Brasil, Gilberto Figueiredo, a implantação da cobrança na modalidade PIX traz modernidade para a população ribamarense. “Essa é uma parceria que vai colocar o município em destaque. Além disso, a forma de pagamento visa desburocratizar a vida dos contribuintes, porque os valores são repassados imediatamente”, destacou o gerente.
Segundo o Secretário da SEMREC, Antônio Veras, este trabalho é mais um avanço da secretaria no sentido de viabilizar a vida dos contribuintes, que tanto tem apostado e contribuído com a cidade. “Todo esse arcabouço de desburocratização e implantação de tecnologias serve para aumentar a arrecadação em nossa cidade. E a consequência será mais geração de políticas públicas e assistência para população de São José de Ribamar”, frisou.
Para o prefeito Dr. Julinho, essa forma de cobrança facilita o processo de pagamento na cidade. “A modernidade da forma de pagamento é fruto de uma parceria com o Banco do Brasil. Parabenizo todos os envolvidos, porque essa medida faz com que nossa cidade saia na frente e garanta facilidades aos contribuintes”, argumentou.

  Publicado em: Política

Um pulha amado pelo STF e pelos corruptos CPI!!! Crueldade: com o dinheiro que Lula desviou, daria para comprar todas as vacinas aplicadas no mundo até hoje, ou vacinar a população brasileira 10 vezes

Publicado em   22/jun/2021
por  Caio Hostilio

Crueldade: com o dinheiro que Lula desviou, daria para comprar todas as vacinas aplicadas no mundo até hoje, ou vacinar a população brasileira 10 vezes

A Procuradoria da República no Paraná apontou em denúncia que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva capitaneou um “estrondoso esquema criminoso”.

O Ministério Público Federal acusa o petista de ser “o maior responsável pela consolidação, desenvolvimento e operação do grande esquema de corrupção revelado na Operação Lava Jato, tendo sobre ele domínio de realização e interrupção”.

A Polícia Federal apontou que o conjunto de investigações iniciadas em março de 2014, que contou com mais de 80 fases operacionais, conduzidas inicialmente pelo então juiz Sérgio Moro, encontrou prejuízo de R$ 42,8 bilhões na Petrobras.

Em valores atualizados pela inflação, esse montante corresponderia hoje a R$ 75,67 bilhões.

Vacinas

Considerando os valores de cada dose das vacinas Sinovac Biotech (a Coronavac), Pfizer e AstraZeneca, seria possível imunizar com o valor desviado em esquema comandado por Lula um terço da população mundial, 2,38 bilhões de pessoas, ou seja, todas as vacinas aplicadas até hoje (22), na população mundial, que chega a 2 bilhões e 600 milhões aproximadamente no mundo inteiro, ou seja, poderiam ter sido compradas com esse valor vacinas suficientes para vacinar a população 22 vezes.

Cada dose, portanto, custaria respectivamente R$ 52,73, R$ 51,20 e R$ 16,18, com a imunização (que exige duas doses), custando, nesta mesma ordem, R$ 105,47, R$ 102,40 e R$ 32,36.

  Publicado em: Política

Prefeito Eduardo Braide acompanha dia da vacinação de jovens de 18 anos contra Covid-19 e já destaca próximas etapas da campanha

Publicado em   22/jun/2021
por  Caio Hostilio

São Luís se tornou, nesta terça-feira (22), a primeira capital brasileira a encerrar a vacinação de jovens de 18 anos sem comorbidades. O prefeito Eduardo Braide acompanhou o atendimento nos centros municipais de vacinação. Em cinco meses de campanha, 80,01% da população adulta da cidade recebeu a primeira dose do imunizante.

“São Luís é a primeira capital a vacinar jovens de 18 anos sem comorbidades. Com isso vacinamos todos os públicos prioritários estabelecidos pelo Plano Nacional de Imunização e todas as faixas etárias. Quem ainda não conseguiu tomar a primeira dose da vacina pode ficar tranquilo, assim que recebermos mais doses vamos iniciar um novo calendário de segunda chamada até chegarmos a 100% da nossa população adulta vacinada. Nossa cidade vai seguir sendo a capital brasileira da vacina”, assegurou o prefeito Eduardo Braide, destacando o empenho das equipes de saúde municipais e o seu compromisso em salvar vidas por meio da vacinação.

A estudante Milla Dias, 18 anos, preferiu a comodidade do drive-thru do Espaço Reserva, ao lado do Shopping da Ilha, no Maranhão Novo. Ela chegou ao local nervosa, mas após a aplicação da dose o sentimento era de tranquilidade. “Eu estava ansiosa para me vacinar logo. Todos os dias ficava atenta ao calendário da Prefeitura e vim logo para não perder a oportunidade”, disse.

Já Esther Dutra, 18 anos, recebeu a primeira dose do imunizante no Centro Municipal de Vacinação (CMV) da Universidade Estadual do Maranhão (Uema). “Fiquei muito aliviada por poder me vacinar logo. Na minha família só faltava eu. Agora é esperar a segunda dose”, comentou.

Próximas etapas

Com a vacinação dos jovens de 18 anos sem comorbidades, a Prefeitura de São Luís já se prepara para as próximas etapas da campanha de vacinação contra Covid-19.

“Nossa prioridade será a vacinação dos retardatários. Tivemos pessoas que não se vacinaram por não conseguirem sair a tempo do trabalho ou por terem outro compromisso no mesmo dia. Além disso, muitas estavam gripadas ou contaminadas pelo novo Coronavírus e foi preciso dar tempo para que elas se recuperassem. Todas estas pessoas serão convocadas novamente assim que recebermos mais doses de vacina”, disse.

O prefeito Eduardo Braide também esclareceu como fica a situação dos adolescentes de 12 a 17 anos. “A Anvisa já autorizou o uso da vacina da Pfizer para este público. No entanto, é preciso primeiro que o Ministério da Saúde inclua esta parcela da população no Plano Nacional de Imunização e encaminhe doses específicas para que eles sejam imunizados. Nós temos a estrutura e o planejamento necessário para vacinar todos os adolescentes de 12 a 17 anos assim que tivermos vacina”, afirmou.

Entre as próximas etapas da campanha também está a aplicação da segunda dose, que deve ficar mais intensa a partir do início de julho, que é quando inicia o período de reforço para o público vacinado com AstraZeneca ou Pfizer. De acordo com determinação do Ministério da Saúde, o intervalo entre a primeira e a segunda dose para quem toma qualquer um destes imunizantes é de três meses.

Além disso, o prefeito Eduardo Braide assegurou que toda a estrutura de vacinação montada continuará em funcionamento até o fim da campanha.

  Publicado em: Política

Othelino Neto destaca projetos aprovados na sessão desta terça-feira

Publicado em   22/jun/2021
por  Caio Hostilio

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), destacou, na sessão remota desta terça-feira (22), a importância da aprovação do Projeto de Lei Complementar 004/2021, de autoria do Poder Judiciário, que estabelece medidas para a erradicação do sub-registro civil de nascimentos no Maranhão. A matéria segue para sanção governamental.

Segundo o parlamentar, muitos maranhenses ainda não são registrados e, oficialmente, não existem, o que justifica a importância da matéria. “É fundamental que todos tenham o registro oficial para que as políticas públicas possam atender, efetivamente, a todas as pessoas e ter um diagnóstico mais preciso da realidade e da quantidade populacional em cada município”, explicou.

O PL determina a instalação de unidades interligadas de registro civil de pessoas naturais nos municípios maranhenses em que funcionem estabelecimentos de saúde públicos, privados e conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS).

O objetivo é erradicar os índices de pessoas sem registro no Maranhão e ampliar o acesso à documentação básica por meio de regime de colaboração e articulação com os poderes Judiciário e Legislativo e as serventias extrajudiciais de registro civil de pessoas naturais.

Outras matérias

Na sessão conduzida pelo chefe do Legislativo maranhense, foi aprovado, ainda, o Projeto de Lei 297/2021, de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei nº 10.711, de 8 de novembro de 2017, que regulamenta o Fundo Estadual da Pessoa com Deficiência (FEPD) e cria o Comitê Gestor do referido Fundo.

Também foi aprovado o Projeto de Lei 638/2019, de autoria do deputado Wellington do Curso (PSDB), que dispõe sobre a destinação e a acomodação apropriada de animais domésticos nos processos de reintegração de posse e de demolição de imóveis.

Outro PL aprovado na sessão remota desta terça-feira foi o de número 338/2020, de autoria do deputado Dr. Yglésio (PROS), que estabelece a Campanha Estadual de Prevenção e Combate ao Câncer de Ovário.

  Publicado em: Política

Weverton cumpre agenda no interior do Maranhão no fim de semana; senador participou de inaugurações e entrega de cestas básicas

Publicado em   22/jun/2021
por  Caio Hostilio

O senador Weverton (PDT-MA) cumpriu uma agenda intensa de trabalho no último fim de semana. O parlamentar visitou os municípios de Tuntum e Coelho Neto, participou de inaugurações, viu de perto os avanços e problemas em cada cidade e conversou com a comunidade.
“É importante ter este diálogo com os moradores, saber o que eles precisam. É fundamental ouvir a população local que conhece tão bem a região. É por isso que eu não abro mão de ir aos municípios, de conversar com as pessoas e conhecer a realidade de cada uma delas para saber a melhor maneira de ajudar”, afirmou o senador.
Em Coelho Neto, ao lado do prefeito Bruno Silva, Weverton participou das inaugurações da pavimentação do bairro Olho D´Aguinha, do programa Bem-Estar Educação, da Escola Justino Bastos e do posto avançado do Detran.
“Agora, os moradores vão ter acesso aos serviços do Detran. Isso vai facilitar muito a vida de quem vive na região. Quem quiser tirar a carteira de motorista ou regularizar seu veículo pode fazer tudo aqui, sem precisar ir para outra cidade”, explicou o parlamentar.
Já em Tuntum, com o prefeito Fernando Pessoa, o senador participou das inaugurações das praças Luís Caçapa da Vila da Mata Tuntun e da São José Martins do Mil Reis. Também visitou o mercado municipal da cidade.
“Eu gosto de ser senador e defender os interesses do Maranhão em Brasília. Mas me sinto em casa mesmo é quando estou viajando pelo nosso estado, andando pelas ruas, comendo estas comidas maravilhosas da nossa culinária, aqui no mercado. Aí é bom”, disse Weverton.
Ainda em Tuntum, o parlamentar participou na inauguração do quartel da Polícia, das da UBS Frei Dionísio e do centro de reabilitação Dr.Noruega.
“O prefeito tem feito um pelo trabalho pelo município, investindo naquilo que precisa ser prioridade como saúde e segurança. Este centro de reabilitação é um espaço muito importante para os moradores daqui”, declarou o senador.
Domingo solidário
Já em São Luís, o senador entregou cestas básicas no bairro de Fátima e na Vila Palmeira. O parlamentar foi acompanhado do presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho, do deputado federal Juscelino Filho e do vereador Álvaro Pires.
“Na pandemia, tenho feito a entrega de cestas básicas como uma medida emergencial, para ajudar quem está com fome. Sei que as doações não resolvem o problema, mas são um alento neste momento difícil. Quem tem fome, tem pressa e cada um precisa fazer a sua parte para ajudar”, declarou o parlamentar.

  Publicado em: Política

Busca no Blog

Arquivos