A decisão sobre a soltura de Lula não é jurídica, mas sim política…

Publicado em   25/jun/2019
por  Caio Hostilio

Por Merval Pereira

O presidente Bolsonaro desde o início bancou o apoio a seu ministro, visto como um Super-Homem pelas ruas. Esse é um trunfo político que Moro tem, no momento em que a definição do caso parece ser mais política do que jurídica.

Bolsonaro, por sua vez, só tem a ganhar com o apoio à Lava Jato. Montou-se novamente na sociedade o clima de combate à corrupção contra o petismo. Nesse contexto, a libertação do ex-presidente pode ser interpretada pela maioria da população como leniência com a corrupção.”

Diante dos fatos, observa-se que o tiro pode sair pela culatra, haja vista que a maioria da população brasileira é contra a liberdade para os atos de corrupção e muito menos o fim da Lava Jato…

  Publicado em: Política

Tudo vai depender do volume das manifestações do dia 30…

Publicado em   25/jun/2019
por  Caio Hostilio

O tamanho da adesão popular à manifestação do dia 30 será decisivo para que o Congresso Nacional deixe de querer fazer um governo parlamentarista “branco”, para que o Judiciário tome tenência das necessidade econômicas e sociais, deixando de ser formando por deuses…. Também será decisivo para ditar o ritmo da tramitação do pacote anticrime”, diz O Globo.

“Se os números mostrarem que a popularidade do ministro não foi abalada pelas mensagens divulgadas pelo site The Intercept, o governo planeja colocar pressão no Congresso para que o projeto comece a tramitar formalmente na Câmara”.

Nesse caso, Jair Bolsonaro pode contribuir convocando seus apoiadores nas redes sociais.

  Publicado em: Política

Osmar Filho prestigia o lançamento do Programa Nosso Centro…

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Entre as autoridades que prestigiaram o lançamento do Programa Nosso Centro, está o presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho.
O programa foi lançado nesta segunda-feira (24) pelo governador Flávio Dino e o secretário das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), Rubens Pereira Júnior. A ideia é tornar o Centro da cidade de São Luís, referência em renovação e desenvolvimento sustentável, além de promover a preservação do seu valor histórico e cultural. A abrangência da intervenção compreende áreas de tombamento estadual, federal e Zona Central da cidade, com obras do Governo do Maranhão, Prefeitura e Iphan.
“Esse projeto vai tornar o Centro da cidade, referência em renovação e desenvolvimento sustentável, preservando seu valor histórico e cultural, com ações para desenvolver áreas de habitação, comercial, gastronomia, cultura, artes e tecnologia, além de atividades de infraestrutura e segurança. É disso que precisamos para preservar o patrimônio histórico, estimular o turismo e gerar mais emprego e renda na nossa cidade”, enfatizou Osmar Filho.

  Publicado em: Política

Sul, Sudeste e Centro-Oeste manifestam a favor da posse de armar!!! Senador do DF explica voto pela derrubada do decreto das armas

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Enganam-se aqueles políticos que acham que ir contra o desejo da maioria esmagadora do brasileiros – até mesmo os Nordestinos e Nortistas -, de votar contra a posse de armas em prol de suas presepadas partidárias, além de possuírem todo aparato de segurança pago pelo contribuinte, estarão sempre marcados pelos brasileiros, pois se calam diante do arsenal bélico que possuem as quadrilhas e até mesmo os bandidos que roubam celulares… Eis aí o resultado do senador de Brasília.

Por oantagonista

O senador Reguffe (sem partido) ocupou a tribuna do plenário hoje para, entre outras coisas, relatar “agressões e mentiras” por ter votado pela derrubada do decreto das armas.

“Eu, no primeiro dia do meu mandato, entre as várias coisas das quais abri mão, como aposentadoria especial de parlamentar, plano de saúde vitalício de senadores, abri mão também do carro oficial, da cota de gasolina, de motorista. Eu não tenho segurança. Aliás, abri mão disso tudo, em caráter irrevogável no primeiro dia do meu mandato. Nem que eu queira eu posso voltar atrás. Eu venho para o Senado todos os dias, dirigindo o meu próprio carro e sozinho.”

“Respeito a opinião de todo mundo, mas coloquei a minha opinião, com base no que defendo desde a campanha: uma coisa é posse de arma, outra coisa é porte de armas. Em várias votações, votei com o governo. A sociedade vai ver muito mais convergência do que divergência minha com o atual governo. Já, inclusive, declarei voto favorável ao pacote anticrime.”

  Publicado em: Política

Aviso de Pauta – Manifestação na DG vai reivindicar melhorias para os policiais civis

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Nesta terça-feira, 25, a partir das 9h, Policiais Civis vão reivindicar melhorias para a classe. O evento está sendo organizado pelo Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão (Sinpol-MA) e apoiado pelos Sindicatos da Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF). A concentração será em frente à Delegacia Geral de Polícia Civil, no Centro Histórico de São Luís.

A Ação – que acontecerá em apoio à paralisação nacional da Polícia Civil, convocada pela Confederação Brasileira dos Trabalhadores Policiais Civis (Cobrapol) para esta terça-feira (25) – terá como mote principal a Reforma da Previdência. Conduzidos pelos Sindicatos da Polícia Civil, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, integrantes das três forças policiais se unirão para protestar contra o fim da aposentadoria policial e a favor de tratamento igualitário a todas as forças policiais do Brasil.

Já no âmbito estadual, os Policiais Civis estarão protestando, ainda, contra a situação caótica em que vive a Polícia Civil do Estado do Maranhão no que se refere à violação de vários direitos dos policiais (tais como reposição inflacionária, reajuste salarial, progressões na carreira e pagamento de diárias e horas-extras); baixo efetivo policial; desvio de função; falta de estruturas dignas para o trabalho, além de outros problemas que afetam diretamente na atuação da Polícia Civil.

Reposição inflacionária

Segundo a própria Constituição Federal, a remuneração dos servidores públicos devem sofrer revisão geral anual, evitando a corrosão inflacionária e consequente diminuição dos salários dos servidores públicos. Contudo, o Governo atual tem ignorado tal norma constitucional e negado aos servidores do Estado a referida revisão.

Reajuste salarial

Fazendo vista grossa ao abismo salarial que caracteriza a política remuneratória da Polícia Civil, o Governo diz reconhecer o direito de revisão, mas nega com qualquer mudança na atual estrutura salarial dos policiais civis.

Progressões

Há mais de 100 dias, a categoria aguarda a publicação da Progressão Funcional dos Policiais Civis. O Sinpol-MA protocolou diversos ofícios cobrando a publicação. De acordo com a Lei 9.664/2012, a progressão deve ser realizada de dois em dois anos. A progressão por qualificação profissional dar-se-á mediante a obtenção pelo servidor, de diploma em curso de graduação, pós-graduação e cursos em áreas correlatas ao exercício do cargo ocupado, adquiridos posteriormente ao seu ingresso no cargo que ocupa, e desde que não constituam requisito para o ingresso no cargo. Mesmo reconhecendo o direito dos servidores, também neste caso o Governo simplesmente nega, ignorando a lei.

Baixo efetivo

Levantamento do Sinpol-MA aponta que mais de 70 cidades maranhenses não possuem a presença da Polícia Civil. O Maranhão possui 1.600 policiais civis distribuídos em 18 regionais da Polícia Civil. O Sinpol-MA tem denunciado diversas dificuldades, como desvio de função, improviso de delegacias, não pagamento de diárias, péssimas condições das viaturas, falta de material para o trabalho, entre outros problemas a serem resolvidos. O Governo conhece este problema, mas demonstrou total desprezo ao mesmo quando realizou concurso com apenas 150 vagas, para um déficit que coloca a Polícia Civil à beira de um colapso.

Desvio de função

Com a deflagração da greve de vigilantes, os policiais civis foram convocados para fazer a vigilância das unidades policiais. Por se tratar de desvio de função, a Diretoria do Sinpol-MA visitou, no último sábado, os distritos policiais com a finalidade de averiguar a situação. O Sinpol-MA repudia esta situação e não aceita que policiais civis sejam submetidos a essa condição de vigilantes das delegacias.

SERVIÇO

Manifestação na Delegacia Geral vai reivindicar melhorias para os policiais civis

Data: 25/06/2019

Horário: 9h

Local: Delegacia Geral de Polícia Civil – Centro Histórico de São Luís

  Publicado em: Política

Confira as atrações de hoje do melhor Arraial de Caxias

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Um Arraial inesquecível para ficar na memória dos caxienses e de todos aqueles que estiveram presentes em uma das melhores festas juninas de todo o Nordeste… Por isso, vale conferir a programação desta segunda-feira do São João de Caxias:

 

  Publicado em: Política

Em Barra do Corda, Flávio Dino é pressionado a tomar os cargos de Gil Lopes por ter rompido com Eric Costa?

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Por Blog Minuto Barra

O vereador Gil Lopes, Presidente da Câmara Municipal de Barra do Corda e aliado desde 2010 de Flávio Dino, poderá sentir de agora em diante o peso da perseguição política por ter rompido com o grupo do prefeito Eric Costa no mês de maio.

Gil Lopes decidiu romper, desde, o momento em que percebeu que não era o favorito para sucessão municipal no grupo governista. O Presidente da Câmara sentiu que, o candidato de Eric Costa poderia ser seu tio Vanzinho Costa, desconfiança esta, capaz de provocar o desentendimento político.

No sentido de provar que estava rompido, Gil Lopes assinou um requerimento para a instauração de uma CPI com a finalidade de investigar mortes de 15 bebês no Materno Infantil de Barra do Corda, hospital administrado pela prefeitura.

Gil Lopes afirma por onde anda, que desde o rompimento com Eric Costa, iniciou-se uma perseguição desenfreada no sentido apenas de desestabiliza-lo para as eleições de 2020, em que pesquisas lhe apontam como um dos grandes nomes para a disputa rumo ao cargo de prefeito.

Ocorre, que uma possível condenação no judiciário contra Gil Lopes e, capaz, de impedir sua candidatura ao cargo de prefeito em 2020 é praticamente impossível, pois, apenas, uma condenação de colegiado lhe deixaria fora das eleições.

Na manhã desta segunda-feira, uma comitiva de vereadores liderada pelo prefeito Eric Costa se encontra em São Luis para uma conversa com o governador Flávio Dino e senador Weverton Rocha, e na pauta, pelo que o Blog Minuto Barra apurou, o assunto principal é Gil Lopes.

O governador será pressionado a tomar todos os cargos do estado em Barra do Corda que foram indicados ainda em 2015 pelo vereador Gil Lopes, principalmente, o cargo ocupado por sua esposa Sandra Siqueira na 13ª Ciretran e um outro cargo ocupado por um aliado do vereador na Jucema.

Apesar de ser um aliado do governador, Gil Lopes tem dito que no momento em que o governador desejar trocar os cargos ocupados por aliados seus em Barra do Corda, os mesmos estarão à disposição, e que ele continuará amigo de Flávio Dino.

A guerra apenas começou…

  Publicado em: Política

Estariam esperado o resultado das manifestações do dia 30? Julgamento de habeas corpus de Lula no STF ficará para agosto

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

O julgamento de um habeas corpus do ex-presidente  Lula pela 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal, marcado para esta terça-feira, 25, não será concluído neste semestre. A defesa do petista argumenta no pedido que o ex-juiz Moro, hoje ministro do governo Bolsonaro, atuou com parcialidade no processo que culminou em sua condenação no processo do tríplex do Guarujá.

Embora esteja pautado para esta terça, o habeas corpus de Lula é o último item da lista elaborada pela ministra Cármen Lúcia, que assumiu recentemente a presidência do colegiado. Só o voto do ministro Gilmar Mendes tem 40 páginas e a avaliação é que não haverá tempo de concluir a análise na mesma sessão, uma vez que há onze itens antes do HC.

Conforme já adiantado, o estoque de processos pendentes na 2ª Turma poderia alterar este cronograma de julgamentos. A sessão de amanhã será a última do colegiado no semestre e, com a aproximação do recesso forense, há uma tendência de que os ministros se mobilizem para julgar um número maior de processos. Antes da pausa nos trabalhos, os ministros da corte se reúnem ainda nos dias 26 e 27 de junho, mas no plenário. As sessões serão retomadas em 1º de agosto.

A discussão sobre a parcialidade de Moro foi interrompida por um pedido de vista de Gilmar Mendes, que anunciou a liberação do recurso para julgamento no dia 25 de junho. Faltam votar, além de Gilmar, os ministros Ricardo Lewandowski e Celso de Mello. Em dezembro do ano passado, quando o habeas corpus de Lula começou a ser discutido pela 2ª Turma, o relator da Lava Jato no STF, ministro Edson Fachin, e a ministra Cármen Lúcia rejeitaram o pedido do ex-presidente.

Apesar de frustrar a defesa do ex-presidente, Fachin fez uma observação ao final do voto: “Cumpre consignar que ninguém está acima da lei, especialmente da Constituição: nem administradores, nem parlamentares, nem mesmo juízes. Procedimentos heterodoxos para atingir finalidade, ainda que legítima, não devem ser beneplacitados”.

  Publicado em: Política

Com emenda da bancada federal, sugerida por Hildo Rocha, Dnit inicia recuperação da estrada entre Matões do Norte e Alto Alegre

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

O deputado Hildo Rocha, parlamentar federal que utiliza o mandato para defender a duplicação da BR-135, a recuperação de trechos dessa e de outras rodovias de responsabilidade do governo federal no Maranhão, usou a tribuna da Câmara Federal, desta vez, para elogiar o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) pelo início das obras de recuperação da BR-135, no trecho de Matões do Norte até Alto Alegre.

“Quero agradecer e parabenizar o diretor-geral do Dnit, General Santos Filho, por ter sido iniciada a obra de recuperação da BR 135, no trecho de Matões do Norte a Alto Alegre. O órgão havia prometido que imediatamente após o fim do período chuvoso as obras seriam iniciadas. A promessa foi cumprida. As chuvas já diminuiriam, no Maranhão, e os recursos orçamentários estão assegurados, faltando fazer apenas pequenos ajustes”, destacou Hildo Rocha.

Asfalto, base e sub-base novos

De acordo com o parlamentar, será implantado novo asfalto, base e sub-base. “Há uma emenda de bancada, que foi sugerida por mim, com a finalidade de garantir os recursos para pagar esse empreendimento do governo federal no Maranhão”, afirmou o deputado.

Críticas, cobranças e cortesia

O deputado disse que inúmeras vezes utilizou a tribuna da Câmara reclamando da demora do início dos serviços e lamentando as dificuldades que os usuários da estrada estavam passando em função da precariedade da BR-135, especialmente no trecho entre Matões do Norte até Peritoró.

“Demorou, mas a obra já iniciou. Espero que seja feita com qualidade. Vou fiscalizar para ter a certeza de que o serviço será executado da forma como deve ser feito a fim de assegurar que a obra tenha boa qualidade e, consequentemente, grande durabilidade. De qualquer forma, eu parabenizo o diretor-geral Santos Filho e toda a diretoria do Dnit”, declarou o deputado.

BR-222 (Entroncamento/Chapadinha)

Rocha ressaltou que o contrato que estava sendo questionado na justiça federal, referente à recuperação da BR-222, trecho de Entroncamento de Itapecuru até Chapadinha, já está resolvido.

“Os questionamentos feitos pela Justiça Federal do Maranhão já foram solucionados. Espero que o Dnit consiga iniciar a obra o mais rápido possível porque esse trecho de apenas 140 km também está muito ruim, uma buraqueira total. Reconheço que a demora não é apenas por parte do Dnit, houve um problema com a Justiça Federal que suspendeu o contrato e ocasionou o atraso da obra. Mas o caso está resolvido. Espero que o Dnit dê celeridade e comece logo a recuperação”, afiançou Hildo Rocha.

https://youtu.be/1o5nHaupyMo

  Publicado em: Política

Alguém tem dúvida que as mensagens roubadas tem como intenção soltar Lula e dá continuidade a corrupção?

Publicado em   24/jun/2019
por  Caio Hostilio

Até o mais bobinho sabe!!!

Até o mais inocente dos brasileiros tem essa concepção, isso independente de lado político, religioso, cor, credo, opção sexual e grau de escolaridade… Alguns politiqueiros acham que o povo é idiota… Magistrados bonzinhos acham que o povo é imbecil… E o povo sabe que toda essa gente quer manter a corrupção viva no Brasil!!! E assim segue o jogo de hipocrisia…

Quem analisa as mensagens roubadas à Lava Jato sem considerar o contexto em que elas foram produzidas é cúmplice da bandidagem.

Os diálogos entre Sergio Moro e Deltan Dallagnol ocorreram um dia depois da operação Xepa, a mais importante da Lava Jato, porque descobriu o departamento de propinas da Odebrecht.

  Publicado em: Política

Busca no Blog