Evangelista Neto se encanta com apresentação de crianças autistas…

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Com brilho nos olhos, alegria no coração e energia de sobra, 26 crianças autistas apresentaram, pela primeira vez no Maranhão, o musical “Imenso Brilho Azul”, fruto do projeto “Sinfonia Diferente”, que utiliza a musicoterapia na socialização de pessoas com transtorno do espectro autista.
O espetáculo aconteceu na terça-feira (13), no Teatro Arthur Azevedo, e reuniu centenas de pessoas. “Estou encantado com tamanha superação. Esse método está fazendo toda diferença na vida deles e de seus familiares. Descobrimos uma fenda no mundo fechado do autismo. A relação deles com a música e os instrumentos está devolvendo laços que haviam se perdido”, disse, emocionado, o deputado estadual Neto Evangelista (DEM), apoiador do projeto.
“O espetáculo foi lindo! Eles cantaram, dançaram, brincaram, se divertiram. Estavam completamente empoderados. Foi um momento inesquecível. Muito feliz por fazer parte dessa história”, completou o democrata.
Foram mais de 10 meses de preparação, entre os ensaios e a apresentação pública. E durante esse período, além do acompanhamento de psicólogos, terapeuta e musicoterapeuta, cada criança contou com a presença de um voluntário.
Renata Martins Gomes, mãe da Isabelle, 11 anos, disse que a música contribuiu muito para a evolução da filha. “Mesmo atropelando alguns fonemas, ela conseguiu cantar a música tema do filme “A Bela e a Fera” inteira. Foi muito emocionante!”.
“Que felicidade constatar a evolução do meu filho. A interação dele com outras crianças foi fantástica. Agradeço ao deputado Neto Evangelista pelo apoio ao evento e à nossa causa. Ele tem nos acompanhado, firmemente, na busca pela inclusão social dos nossos anjos azuis. Creio que em breve teremos muitas conquistas”, destacou Iozinaldo Nascimento, pai de Rian Lopes, 11 anos.
Diana Karina, mãe de João Frederico, disse estar grata duplamente. “Sinto uma gratidão imensa em poder ver meu filho se divertindo graças ao empenho e dedicação dos coordenadores do projeto e do Neto Evangelista. O deputado é a nossa voz na assembleia legislativa. Sabemos que estará ao nosso lado na busca por políticas públicas que incluam nossas crianças socialmente”, pontuou.
A coordenadora do projeto Sinfonia Diferente, em São Luís, Alana Karen, destacou a importância do projeto para as pessoas com espectro autista e agradeceu a todos os presentes, em especial, ao deputado Neto Evangelista. “Fui desafiada a mudar e hoje posso dizer que todos somos capazes, basta acreditarmos. Agradeço aos pais pela confiança, aos voluntários pela dedicação e ao deputado Neto Evangelista, que esteve a nossa disposição desde o início e é incansável na defesa da nossa causa”, finalizou.

  Publicado em: Política

Enquanto fazem arruaça na porta da Embaixada da Venezuela, Lucro das empresas estatais no ano é o maior da história, aponta Economatica

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

É sinal que não estão mais passivas da maior história de corrupção que se viu no Brasil, onde surrupiaram os cofres da Petrobras, dos fundos de pensões e demais estatais… Agora, se ver a recuperação financeira e, principalmente, a confiabilidade dessas empresas… 

Valor total do lucro líquido apresentado pela Petrobras, Eletrobras e Banco do Brasil nos nove meses de 2019 foi de R$ 52 bilhões (Imagem: Money Times)

O lucro líquido das três maiores estatais brasileiras listadas na Bolsa (Petrobras (PETR4),Eletrobras (ELET3) e Banco do Brasil (BBAS3) chegou a R$ 52 bilhões nos nove meses de 2019. De acordo com a Economatica, o valor é o maior da história.

“A expectativa é de lucro recorde das empresas no ano de 2019, já que ainda temos o quarto trimestre”, afirmou a Economatica.

O resultado de 2018 era o maior já registrado historicamente, com R$ 51,9 bilhões. Ao longo de 27 anos de amostra, as estatais registraram prejuízo consolidado somente em cinco anos: 1995, 1996, 2014, 2015 e 2016. O maior prejuízo foi o de 2015, quando as estatais registraram valor negativo de R$ 34,8 bilhões.

Petrobras

O maior lucro anual entre as três companhias pertence à Petrobras, que registrou em 2010 um montante de R$ 35,1 bilhões.

O maior lucro anual entre as três companhias pertence à Petrobras, que registrou em 2010 um montante de R$ 35,1 bilhões.

“A Petrobras poderá registrar o seu melhor ano historicamente, já que o maior lucro anual é de R$ 35,1 bilhões no ano de 2010 e nos nove meses de 2019 a empresa já acumula R$ 31,9 bilhões de lucro”, ressaltou a Economatica.

  Publicado em: Política

E depois não querem conceber que esse é o país da IMPUNIDADE!!! Motorista de Porsche que atropelou e matou idosa em faixa de pedestres em SP é solto

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Como matou dois inocentes de baixa renda, com certeza a pena só poderia ser branda, haja vista que tem muita grana para pagar advogados caros… QUANTA IMPUNIDADE!!! Ministro do STJ considerou ‘desproporcional’ prisão de Fabio Alonso de Carvalho, que atropelou diarista na faixa de pedestres. Em 2014, ele atropelou e matou um motoboy quando dirigia um Mustang.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu habeas corpus para o motorista do Porsche que atropelou e matou uma idosa em julho no bairro nobre dos Jardins, na cidade de São Paulo. Audenilce Bernardina dos Santos, de 65 anos, trabalhava como diarista e estava a caminho do trabalho, quando foi atropelada na faixa de pedestres.

No dia seguinte ao crime, por estar foragido, a polícia pediu a prisão temporária de Fabio Alonso de Carvalho, decretada no 27 de julho, mas a medida foi revogada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

No dia 1º de agosto foi oferecida denúncia do Ministério Público (MP) contra Fabio Alonso pelos crimes de homicídio doloso qualificado, omissão de socorro e fuga do local do crime com pedido de prisão preventiva.

Fabio Alonso de Carvalho atropelou e matou idosa nos Jardins — Foto: Reprodução/TV Globo

Fabio Alonso de Carvalho atropelou e matou idosa nos Jardins 

A medida foi acatada, mas a defesa recorreu ao STJ com um pedido de habeas corpus para que o motorista respondesse ao processo em liberdade.

O ministro Nefi Cordeiro considerou “desproporcional a aplicação da mais gravosa cautelar de prisão” e determinou determinou medidas cautelares alternativas à prisão:

  • apresentação a cada 2 meses à Justiça;
  • proibição de mudança de domicílio sem prévia autorização judicial;
  • suspensão do direito de dirigir.

Em 31 de outubro foi expedido alvará de soltura em favor de Fábio Alonso de Carvalho. De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), ele foi colocado em liberdade provisória da Penitenciária II de Tremembé no dia 1º de novembro.

Dois atropelamentos com carros de luxo

No dia 26 de julho, Audenilce Bernardina dos Santos, de 65 anos, que trabalhava como diarista e estava a caminho do trabalho morreu atropelada na faixa de pedestres nos Jardins. Fabio Alonso de Carvalho, proprietário do veículo não parou para prestar socorro.

O Porsche estava a aproximadamente “100 km/h e parecia um carro de Fórmula -1″, segundo testemunhas ouvidas pela Polícia Civil, e a carteira de habilitação do motorista recebeu mais de 400 pontos nos últimos anos, segundo relatou o advogado da família.

Em 2014, ele atropelou e matou um motoboy quando dirigia um Mustang no Itaim Bibi. Segundo as investigações, Fabio Alonso havia acabado de deixar uma casa noturna por volta das 6h acompanhado de duas mulheres. Por essa ocorrência, ele foi condenado em 2019 a dois anos e oito meses de prisão.

O motoboy Aroldo Pereira de Oliveira tinha dois empregos, trabalhando como motorista no Itaim Bibi e no setor de check-in no Aeroporto de Congonhas.

Audenilce Bernardina dos Santos foi atropelada por Porsche nos Jardins — Foto: Reprodução/TV Globo

Audenilce Bernardina dos Santos foi atropelada por Porsche nos Jardins 

Por G1

  Publicado em: Política

Assistam ao vídeo!!! Caxias vem avançando e recebendo ações para o engrandecimento do município…

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

A gestão de Fábio Gentil é modelar por diversos fatos, mas existem aquelas ações que são de grande valia para o engrandecimento e o bem-estar coletivo, como o oferecimento de uma saúde gratuita e com atendimento humanizado e a geração de emprego e renda, cujo empenho é de levar ao povo condições de sustentabilidade.
Caxias prioriza a saúde, começando por filhos daqueles que buscam viabilizações começando pelos nossos filhos. O governo do prefeito Fábio Gentil não para de investir. Reforma de postos de saúde, reforma e construção do Hospital Gentil Filho, mais de 4 milhões de compra em medicamentos, capacitação e valorização dos profissionais da saúde. São ações que beneficiam o povo e transforma Caxias.
Na outra ponta, como já anunciado, estivemos reunidos membros da gestão Fábio Gentil com os representantes da FORD/ANTARES em Caxias, visando, com isso, dar todo suporte para a instalação de mais uma empresa no município, vislumbrando a geração de emprego e renda.
Vale lembrar que o empenho é grande para atrair mais investimentos e assim trazer emprego aos caxienses.
A Gestão Fábio Gentil atrai investimentos com atrativos e condições de implantação que deixa o empreendedor satisfeito com as condições éticas e de respeito a coisa pública.
Esses são os fatores que vem transformando Caxias numa cidade modelar!!!

  Publicado em: Política

População debate com vereadores Plano Diretor de São Luís durante quarta audiência pública

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Foto: Hadson Chagas

Moradores da Cidade Operária, São Cristóvão, Cidade Olímpica e de outras localidades que compõem esta região de São Luís participaram, na noite desta última terça-feira (12), da quarta audiência pública promovida pela Câmara Municipal para discutir a proposta do novo Plano Diretor da capital maranhense, elaborada pela Prefeitura e que tramita no Legislativo como projeto de lei complementar.

O evento foi realizado no auditório de Biologia da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e foi dirigido pelo presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, vereador Pavão Filho (PDT).

O Plano Diretor orienta a ocupação do solo urbano, tomando como base os interesses coletivos e difusos, como a preservação da natureza e da memória, e os interesses particulares dos moradores da cidade.

As audiências públicas são promovidas pela da Mesa Diretora da Câmara, presidida pelo vereador Osmar Filho (PDT), com o objetivo de oferecer espaço para o cidadão opinar sobre a proposta. Os vereadores também vão usar os debates parar nortear a votação do projeto.

Foto: Hadson Chagas

A última atualização da proposta foi realizada em 2006. O Executivo Municipal apresentou atualizações neste ano, três anos após a idade estabelecida pelo Estatuto das Cidades, que prevê que a renovação do Plano seja realizada a cada dez anos, conforme o artigo 40, parágrafo 3º do Estatuto das Cidades.

Durante a audiência, a proposta foi apresentada à população pelo presidente do Instituto da Cidade (Incid), Marcelo Espírito Santo.

O representante do Conselho da Cidade de São Luís (CONCID), Saulo Arcangeli, teve a oportunidade de apresentar os principais pontos divergentes e questionamentos em relação ao plano diretor.

O novo mapa das zonas urbana e rural, o macrozoneamento ambiental e a cartografia de São Luís foram os temas que geraram mais discussões na audiência.

Segundo Arcangeli, a cartografia da cidade que está sendo apresentada no Plano é de 2009. Ele ainda considera que a prefeitura não deu as informações necessárias para os conselheiros, vereadores e população em relação à proposição.

De acordo com o presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Câmara Municipal, vereador Estevão Aragão (PSB), a prefeitura ignorou o desejo da população da zona rural em continuar como rurais.

“Bairros que são completamente rurais podem se transformar em zona urbana. Eles produzem até para as principais feiras e mercados de São Luís. Os moradores da localidade só enxergam ônus em se tornar zona urbana. A população será obrigada pagar IPTU e não vai ter retorno necessário para ter uma qualidade de vida de zona urbana. É mais um tributo que vai entrar e ser cobrado, mas não trará benefícios”, disse Estevão.

Para o coordenador Sócio ambiental da Caema, Marcos Silva, o Plano é o instrumento base para o desenvolvimento do município.

“A função social da cidade tem que ser garantida. O plano garante que mobilidade, saúde, educação, moradia e saneamento sejam como direitos. Ele é a base de tudo e deve tornar a cidade mais agradável para a população, com melhor qualidade de vida e redução dos impactos ambientais. Parabenizo o Legislativo por discutir novamente aquilo que prefeitura já havia debatido poucas vezes”, destacou.

Pavão Filho avaliou a participação da sociedade durante a realização das audiências. Para ele, a participação da população da zona urbana é menor que a da zona rural.

“Eu entendo que a participação da zona rural tem sido maior pelo fato de que a região está completamente envolvida na atualização do plano diretor. Mas a Câmara Municipal tem realizado o papel de permitir que a população fale. Estamos ouvindo os moradores e vamos traçar sugestões para incluir no plano diretor, possibilitando o melhor para população ludovicense”, relatou.

Também participaram dos debates os vereadores Honorato Fernandes (PT), Cesar Bombeiro (PSD), Marcial Lima (PRTB), Sá Marques (PHS), Edson Gaguinho (PHS), Bárbara Soeiro (PSC) e Concita Pinto (PATRIOTA).

A próxima audiência será sábado (16), às 14h, na Quadra Poliesportiva do Bairro Itapera, localizada na Avenida Principal, s/n, bairro Itapera.

  Publicado em: Política

Em São Pedro dos Crentes, Hildo Rocha recebe título de cidadão e participa da inauguração do mercado municipal

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

O deputado federal Hildo Rocha agora é cidadão são-pedrense. O título foi entregue no dia em que o município comemorou 25 anos de emancipação política e administrativa.

O prefeito Lahesio Bonfim organizou o aniversário da cidade com todo capricho. Foram realizadas inaugurações e apresentações culturais. Também foi realizada Sessão Solene na Câmara de Vereadores para entrega de títulos de cidadão para o deputado Hildo Rocha e para o superintendente da Codevasf no Maranhão, Jones Braga.

Durante a inauguração do prédio do Mercado Municipal que foi construído com recursos do município o prefeito Lahesio Bonfim falou sobre a realização do sonho antigo da população de São Pedro dos Crentes. O prefeito lembrou que o deputado Hildo Rocha já ajudou o município com emendas parlamentares mesmo sem ter tido o seu apoio.

“Procurei o deputado Hildo Rocha e propus uma parceria de trabalho. Assim, ele adotou o município de São Pedro dos Crentes como seu representante em Brasília, já que o meu candidato não ganhou.  Depois eu e meu grupo político iremos apoiar o deputado Hildo Rocha nos seus projetos políticos de 2022. Ele aceitou e já está nos representando muito bem”, declarou o prefeito.

O vereador Asaf Pereira Sobrinho, autor da proposta para a concessão do título destacou que o deputado federal Hildo Rocha é um parlamentar municipalista que tem ajudado os municípios sem olhar tamanho ou qualidade. “Hildo Rocha é hoje uma das maiores lideranças políticas não só do Maranhão, mas também do Brasil” declarou Asaf.

Compromisso ampliado

Hildo Rocha disse que recebeu o título com muito orgulho. “Para mim é um orgulho muito grande doravante ser conterrâneo de um povo bravo, trabalhador e ordeiro que justamente por ter essas qualidades tem conseguido fazer deste local uma cidade boa de se morar, uma cidade próspera que cresce a cada dia. Esse título que a Câmara Municipal de São Pedro dos Crentes me concedeu vai fazer com que eu tenha mais compromisso com a cidade”, enfatizou Hildo Rocha.

Agradecimentos

Rocha elogiou o legislativo municipal e agradeceu aos vereadores que aprovaram a concessão do título. “Percebi que aqui tudo é muito bem organizado, vi competência e seriedade nos vereadores, o município tem um prefeito trabalhador. Aproveito para agradecer aos vereadores pela concessão do título de cidadão de São Pedro dos Crentes, ao prefeito Lahesio, pela recepção calorosa e ao povo por tanta demonstração de carinho. Muito obrigado”, declarou o deputado.

O prefeito de Grajaú, Mercial Arruda, que quando exercia o mandato de deputado propôs a criação do município, afirmou que os são-pedrenses estão fazendo história porque souberam escolher um prefeito que cuida do município com carinho e honestidade e tem o apoio do deputado federal Hildo Rocha, parlamentar atuante, um grande político maranhense que hoje tem visibilidade em todo o país.

“Quando eu exerci mandato de deputado estadual, recebi a graça de Deus que me proporcionou condições para que eu pudesse contribuir com a criação de São Pedro dos Crentes. Nesta oportunidade só tenho a agradecer pelo carinho da população e parabenizar vocês que hoje tem um dos melhores deputados do Brasil que é Hildo Rocha”, frisou Mercial.

Políticos e agentes públicos que participaram do evento

Deputado federal Hildo Rocha (MDB-MA)

Prefeito Lahesio Rodrigues do Bonfim

Vice-prefeito, Roberto Vargas da Conceição

Prefeito de Grajaú, Mercial Arruda

Ex-prefeitos de São João do Paraíso, José Alves, o Zé Aldo.

Vereadores do município

Adriano Rodrigues de Castro Silva

Aloás Neres da Silva (Pretim)

Asaf Pereira Sobrinho

Domingos da Silva Vargas (presidente)

Flavio Cirqueira do Vale

Geilson de Sousa Pinto (Ge do Pedro) e

Job Mendes do Carmo

https://youtu.be/KZ9QnBJQqgk

http://hildorocha.com.br/site/em-sao-pedro-dos-crentes-hildo-rocha-recebe-titulo-de-cidadao-e-participa-da-inauguracao-do-mercado-municipal/

 

  Publicado em: Política

Azedume!!! Fux dá resposta a “os incomodados que se mudem” de Gilmar e suspende processo contra Dallagnol

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Gilmar não gostou quando Fux pediu que Dias Toffoli prosseguisse com seu voto sobre a prisão em segunda instância, após interrupções de outros ministros — principalmente do próprio Gilmar Mendes.

“Os incomodados que se mudem”, disse Gilmar, que aproveitou o aparte no voto de Toffoli para criticar a Lava Jato, como sempre, desde que mudou radicalmente de posição.

Sem graça, ante a agressividade do colega, Fux explicou que não poderia se mudar, pois estava ali exercendo o seu dever de ofício.

Porém, a melhor resposta veio no momento subsequente.

Fux concedeu liminar e suspendeu o processo disciplinar contra Deltan Dallagnol que tramitava no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

O procurador da Lava Jato iria ser julgado nesta terça-feira (12), por justamente atacar o trio do mal do STF: Toffoli, Gilmar e Lewandowski.

A Folha já havia até antecipado o resultado do julgamento. 8 a 3 contra Dallagnol, dando a transparecer um jogo de cartas marcadas.

A própria Folha garante que o clima ‘azedou’ no STF, após a decisão de Fux.

Pelo visto, agora é Fux quem diz: os incomodados que se mudem.

Por Jornal da Cidade

  Publicado em: Política

Assistam ao vídeo e vejam qual era a posição de Gilmar Mendes sobre a Lava Jato… O que fez ele mudar de posição?

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio


Tudo leva a crer que a revolta de Gilmar Mendes foi quando veio à tona suas fabulosas movimentações bancárias expostas pela Receita Federal… Não demorou muito para que ele, o “deus” Gilmar Mendes, passasse a defender o roubo de mensagens feitas pelo Intercept, cujos vazamentos não colocam em dúvida as condenações da Lava Jato, que repatriou milhões e milhões saqueados dos cofres da Petobras e dos fundos de pensão.

Por isso, vale questionar: Se Gilmar Mendes não tem nada a temer com seus movimentos bancários e sobre seu patrimônio fabuloso, por que não deixou ser exposto para os brasileiros? Com certeza, como “deus” ele julga ser onipotente e oniciente, ou seja, não deve nada a ninguém e muito menos se coloca diante das desconfianças do povo!!!

Mas quando se trata dos outros, ele se torna um leão enfurecido, conforme mostra esse vídeo acima.

  Publicado em: Política

‘Perseguição política é um álibi construído’, diz Moro sobre Lula

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Em entrevista ao jornal paranaense Gazeta do Povo, Sergio Moro afirmou que as críticas de Lula à Lava Jato não enfraquecem a operação e que sua alegação de “perseguição política” “é absolutamente um álibi que foi construído”.

“É o mesmo discurso que ele já falava antes [de ser solto]. E as pessoas avaliam os fatos, têm condições de avaliar os fatos que aconteceram. Essa questão da perseguição política (…) não tem nenhuma procedência no mundo real”, declarou o ministro da Justiça.

“Quando eu proferi as decisões contra o presidente Lula, assim como qualquer outro réu, durante toda a minha carreira judiciária, isso sempre foi algo imparcial, objetivo”, disse Moro.

“Na verdade, quando o juiz condena alguém à prisão, o sentimento normalmente é de pesar. Puxa, mandar alguém para a prisão sempre é algo negativo, é fazer o mal para uma pessoa. Mas isso é uma consequência de um crime que a pessoa cometeu. E juiz tem que cumprir o dever legal. Não pode pensar só no acusado; tem que pensar também nas vítimas. É um sistema que precisa, acima de tudo, afirmar o império da lei”, acrescentou.

  Publicado em: Política

Bolsonaro de fato deixará PSL, criar o partido ‘Aliança Pelo Brasil’, esvazia o PSL e cogita Moro como vice em 2022…

Publicado em   13/nov/2019
por  Caio Hostilio

Em reunião com deputados, Bolsonaro anuncia que vai deixar PSL e criar o partido 'Aliança Pelo Brasil'

Em reunião com deputados, Bolsonaro anuncia que vai deixar PSL e criar o partido ‘Aliança Pelo Brasil’

O presidente Jair Bolsonaro anunciou a deputados nesta terça-feira que vai se desfiliar do PSL e criar o partido Aliança Pelo Brasil. A expectativa é que em torno de 30 parlamentares acompanhem o presidente. A primeira reunião da futura legenda vai acontecer no próximo dia 21.

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) já se desfilou e informou ao TSE. Por ter concorrido em uma eleição majoritária, o senador não corre o risco de perder o mandato, diferentemente de deputados que decidam deixar o PSL.

Bolsonaro ainda cogitou Moro como vice em 2022 e vê chapa como imbatível.
Para o deputado Daniel Silveira, o processo está “bem adiantado”: “Esperamos a criação, no máximo, até março, para conseguir antes da janela e participar das eleições (do ano que vem) com segurança”. O parlamentar disse que não há um plano alternativo, como a filiação a outras legendas. Caso o processo não se concretize a tempo da próxima janela partidária, o grupo deve continuar no PSL. “Continuaremos no PSL (se a criação da nova legenda não vingar), a não ser que haja expulsão”, disse Silveira.

O estatuto da futura sigla será apresentado no evento do dia 21. Os advogados de Bolsonaro já consultaram o TSE sobre a possibilidade de colher assinaturas de forma eletrônica para o registro da nova sigla.

O manifesto da nova legenda lido por Bolsonaro na reunião com os deputados diz que a sigla é “o sonho e a inspiração de pessoas leais ao presidente Jair Bolsonaro”, e que o partido almeja livrar o país dos larápios, dos espertos, dos demagogos e dos traidores que enganam os pobres e os ignorantes que eles mesmo mantêm, para se fartar.”

O líder do governo na Câmara, Vitor Hugo (PSL-GO), afirmou que um dos objetivos da criação da nova sigla é trazer “estabilidade” e “alinhamento” às pautas defendidas por Bolsonaro. Há três semanas, o parlamentar discutiu de forma ríspida com o deputado Delegado Waldir (PSL-GO), ex-líder do partido na Casa, em uma sessão da comissão que discutia as mudanças na Previdência dos militares. “A antiga liderança não trazia essa seriedade na condução dos trabalhos. Muitas vezes, por desconhecimento ou irresponsabilidade, obstruiu votações do próprio governo ou ameaçou atrapalhar votações importantes, como do projeto de lei dos militares. Imagina o partido do presidente da República com dúvidas sobre apoiar ou não as teses do governo. A gente quer curar uma espécie de doença que existia com o partido do presidente não estando completamente alinhado às teses do governo”, afirmou Vitor Hugo.

O líder do governo afirmou que os deputados mais próximos a Bolsonaro devem deixar o PSL, ainda que não seja possível levar para o novo partido as verbas de fundo partidário correspondentes e o tempo de propaganda no rádio e na televisão. Até a expulsão do PSL é vista como um bom caminho, já que processos disciplinares foram abertos pela cúpula da legenda. “Existem vários processos disciplinares abertos. A decisão que o PSL tomar vai ser acatada. Para nós, que já decidimos migrar sem qualquer tipo de acordo, se o PSL conduzir rapidamente os processos e houver expulsão, na nossa perspectiva é melhor. Se isso não ocorrer, assim que for juridicamente possível, com o partido formalmente criado, vai se abrir a janela e nós vamos migrar”, afirmou Vitor Hugo, tratando da possibilidade de o Congresso aprovar uma brecha para que deputados mudem de sigla sem perderem o mandato por infidelidade partidária.

Já a deputada Carla Zambelli (PSL-SP) afirmou que o objetivo é recolher assinaturas até janeiro. Ela afirmou que a Executiva da nova legenda terá 15 integrantes e que ainda não está definido se Bolsonaro será o presidente da sigla: “Não falaram se o presidente Jair Bolsonaro seria o novo presidente. Humildemente, eu acho que seria o mais óbvio. É o mais correto e o que as pessoas ficam mais tranquilas de acontecer”.

Segundo participantes da reunião, Bolsonaro mais uma vez usou o casamento como metáfora e disse que não falaria mal da “ex-mulher”, referindo-se ao PSL, e pediu a todos tivessem a mesma postura.

O presidente falou que já estava decidido e que realmente queria fazer um partido com “as diretrizes e com a transparência” que ele quer. Bolsonaro teria deixado os presentes à vontade para permanecerem no PSL ou seguirem com ele. De acordo com os relatos, ele afirmou que todos tinham total liberdade, mas que estava comunicando a saída e a fundação no novo partido. Ninguém saiu da sala, sinalizando que seguiriam com o presidente.

  Publicado em: Política

Busca no Blog