Aumento de salário para STF vem mostrar que senadores não têm responsabilidade com o efeito cascata que atingirão seus estados e municípios

Publicado em   08/nov/2018
por  Caio Hostilio

Conforme já havia dito na matéria “Por isso a maioria não se reelegeu!!!Senado aprova aumento de 16% para ministros do STF e PGR; salários passarão a R$ 39,2 mil”, publicada ontem (08), observa-se que os maiores atingidos serão exatamente o próximo governo federal, que terá um impacto de R$ 4 bilhões em suas contas, fora o efeito cascata, que poderá impulsionar outras categorias, os governadores poderão sofrer o efeito cascata através dos judiciários estaduais e de categorias que seguirão os anseios dados aos ministros do STF.

A situação fiscal do governo federal e, principalmente, dos estados apresentam situações de colapso em suas economias e sequer tem condições de honrar a folha de pagamento. Esse efeito cascata interfere, ainda, nas gestões municipais e nos legislativos, inclusive o Senado!!!

Confira a lista de como os senadores votaram:

A favor do aumento:

Acir Gurgacz (PDT-RO)

Ângela Portela (PDT-RR)

Aécio Neves (PSDB-MG)

Antonio Anastasia (PSDB-MG)

Ataídes Oliveira (PSDB-TO)

Dalirio Beber (PSDB-SC)

Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)

Eduardo Amorim (PSDB-SE)

José Serra (PSDB-SP)

Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Roberto Rocha (PSDB-MA)

Paulo Bauer (PSDB-SC)

Antônio Valadares (PSB-SE)

Edison Lobão (MDB-MA)

Eduardo Braga (MDB-AM)

Fernando Coelho (MDB-PE)

Garibaldi Alves Filho (MDB-RN)

Renan Calheiros (MDB-AL)

Zeze Perrella (MDB-MG)

Romero Jucá (MDB-RR)

Valdir Raupp (MDB-RO)

Eduardo Lopes (PRB-RJ)

Hélio José (PROS-DF)

Ivo Cassol (PP-RO)

Ciro Nogueira (PP-PI)

Jorge Viana (PT-AC)

Paulo Rocha (PT-PA)

José Agripino (DEM-RN)

Davi Alcolumbre (DEM-AP)

José Amauri (PODE-PI)

José Medeiros (PODE-MT)

Rose de Freitas (PODE-ES)

Otto Alencar (PSD-BA)

Raimundo Lira (PSD-PB)

Sérgio Petecão (PSD-AC)

Telmário Mota (PTB-RR)

Armando Monteiro (PTB-PE)

Vicentinho Alves (PR-TO)

Wellington Fagundes (PR-MT)

Cidinho Santos (PR-MT)

Walter Pinheiro (Sem partido-BA)

Votaram contra:

Airton Sandoval (MDB-SP)

Roberto Requião (MDB-PR)

Cristóvam Buarque (PPS-DF)

Fátima Bezerra (PT-RN)

José Pimentel (PT-CE)

Regina Sousa (PT-PI)

Givago Tenório (PP-AL)

Lídice da Mata (PSB-BA)

Lúcia Vânia (PSB-GO)

Randolfe Rodrigues (Rede-AP)

Reguffe (Sem partido-DF)

Ricardo Ferraço (PSDB-ES)

Maria do Carmo Alves (DEM-SE)

Ronaldo Caiado (DEM-GO)

Wilder Morais (DEM-GO)

Vanessa Graziottin (PCdoB-AM)

Abstenção:

José Maranhão (MDB-PB)

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Publicidade

Busca no Blog