O blog Metendo o Bedelho é destaque mais uma vez no blog do Luis Nassif

Publicado em   28/set/2012
por  Caio Hostilio

O Blog Metendo o Bedelho não foi criado para disputar números de acesso, mas sim para fazer os questionamentos críticos que precisam ser feitos. É um blog que não busca artifícios para que aumente seu número de acesso, mas conseguiu ser lido em 97 países e em 1.567 cidades, conforme já divulgado aqui.

Mas se destaca!!! Ontem (27), convidado pelo Congresso em Foco para votar no “Prêmio Congresso em Foco”, e a matéria baixo, publicada no blog do Luis Nassif, gerou um debate entre 43 comentaristas de todo o país…

Vamos a matéria no blog do Luis Nassif:

A gravidade da crise européia

Enviado por Luisnassif, qui, 27/09/2012 – 15:47

Por Hostilio Caio Pereira da Costa

Comentário ao post “A ação da polícia contra os manifestantes em Madrid”

Confirmando o que eu vi!!! NYT diz que Espanha tranca o lixo por conta da fome da população

Em agosto estive na Europa e vi muita miséria e publiquei aqui o post “Brasil é um país de otários!!! É preciso aprender o que precisa…”, onde inicio dizendo: Quem pensa que o Brasil é o pior dos lugares do mundo está redondamente enganando!!! O Brasil não deixa a desejar pra ninguém e se supera em muito sobre países que se dizem os melhores em tudo.”

Escrevi esta matéria em Paris, onde vi pessoas morando embaixo de viadutos, muito desemprego, muito africano vivendo em extrema miséria, além da falta de cuidado com bairros mais distantes.

Fui muito criticado, tanto aqui no blog quanto no Facebook, haja vista que o brasileiro tem ao mesmo tempo o complexo de inferioridade e o de superioridade, além da mistura dos dois complexos.

O grande problema é que as pessoas vão a Europa como turista e não reparam as dificuldades econômicas, sociais e políticas pelos quais os países europeus atravessam.  

Agora, veja a matéria abaixo, que confirma muito do que eu disse.

NYT diz que Espanha tranca o lixo por conta da fome da população

Especialistas destacam que país está numa “sinuca de bico”

JB

Luciano Pádua

A Espanha, que vive um dos piores momentos desde a Segunda Guerra Mundial, voltou a assistir a manifestações públicas nesta quarta-feira (26). Não é para menos. Assolada em uma crise econômica e social, sua população convive com uma taxa de desemprego que beira 25%, número que cresce para 50% entre os jovens. Ao mesmo tempo, o governo de Mariano Rajoy já se comprometeu com as medidas de austeridade exigidas pelo Banco Central Europeu (BCE) e a Alemanha que podem piorar ainda mais este quadro.

Nesta quarta-feira (26), quando o primeiro ministro espanhol, Mariano Rajoy, foi a Nova York participar da Assembleia Geral da ONU, curiosamente o jornal americano New York Times publicou notícia de capa intitulada “A austeridade e a fome na Espanha”. Na matéria, ilustrada pelo fotógrafo catalão Samuel Aranda, fica exposto o panorama desolador do país. Segundo a reportagem, tantas pessoas estavam revirando o lixo para aproveitar restos que algumas cidades espanholas instalaram cadeados em suas lixeiras para evitar problemas de saúde. 

44 comentários

qui, 27/09/2012 – 21:41 – george vidipo

Dizem que o europeu e o norte-americano são mais inteligentes por ler e estudar mais do que nós. No entanto é interessante, o povo espanhol votou na direita, jutando a esquerda. O que os espanhois queriam que acontecesse? A não ser arrocho salarial e econômico. Agora vão a rua para protestarem. Nós brasileiros é que fazemos opções estranhas, proque lemos e estudamos pouco. Certo??

qui, 27/09/2012 – 20:24 – Renan Birck

Pena que a nossa crise aqui no Brasil seja outra, que passa bem longe da economia…

 qui, 27/09/2012 – 18:27 – Gunter Zibell – SP

Ainda bem, menos mal e graças a Deus que vivemos um tempo de plena liberdade de expressão e de organização política. Um caminho longo para voltar ao Estado de Direito. Dos anos 1960. Porque a facilidade para manipular corações e mentes continua a mesma. A desinformação e acriticidade idem. E o ufanismo utópico também…. Ver mais…

 qui, 27/09/2012 – 19:00 – Hans Bintje

As conquistas – sociais, econômicas, políticas – são disputadas a todo instante, em todos dos países. Não sou saudosista de um “Estado de Direito” que existiu em fantasia ou na realidade num passado distante. Estamos lutando por ele aqui e agora. Meus compatriotas e eu levamos muita pancada por isso e, tenho certeza, vamos continuar apanhando. E batendo, também. Como dizem os gaúchos, “Não tá morto quem peleja“.

 qui, 27/09/2012 – 19:14 – Gunter Zibell – SP

Sem dúvida. Em todos os países. A questão é: ufanismo fantasioso, aqui, ajuda? Omitir que não há um modelo de desenvolvimento no Brasil com vistas a um crescimento mais rápido que o de outros países de renda semelhante, ajuda?

qui, 27/09/2012 – 18:09 – Gunter Zibell – SP

“O Brasil … se supera em muito sobre países que se dizem os melhores em tudo” Exatamente em quê? Por que mesmo os 2 ou 3 milhões de brasileiros que emigraram nos anos 1980/1990 não retornaram?

 qui, 27/09/2012 – 20:24 – Diego Álvares

Complementando: Penso que nao devemos ver tudo como se fosse um fla-flu. A Espanha sim esta em uma crise enorme, desemprego elevado e aumento da miseria. O mesmo se passa na Italia, Portugal e ate mesmo na Franca… Agora, contextualizando, temos que nos perguntar o que eh uma “crise” na realidade deles e da nossa. Nos passamos por crises nas decadas de 80/90/00 que fazem com que a crise atual nao seja tao assustadora (para nao chamar de “marolinha”). Ate mesmo nossa situacao atual favoravel pode ser comparada com a crise nos PIIGS. Mesmo com a crise e o desemprego locais os juros para habitacao sao de 3%, financiamentos com taxas menos imorais que as nossas, seguro desemprego para mais de ano com valores bem mais importantes que nossa bolsa familia, nosso indice de miseria eh incompatavel com a deles… Mesmo o nosso conceito de classe media eh bem diferente. Nosso custo de vida eh muito mais alto. Vendo de perto as duas realidades, entendo que estamos em um momento merecido de euforia pelas conquistas e avancos que conseguimos e a Europa se ve em crise, preocupada com o presente e o futuro… Mesmo assim prefiro ter cuidado com comparacoes pois ainda a grande maioria da populacao europeia (mesmo a afetada pela crise diretamente) vive muito melhor que a grande maioria da populacao brasileira.

 Clique aqui para ler os outros comentários.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog