Maior São João do Mundo impulsiona o artesanato maranhense

Publicado em   16/jun/2023
por  Caio Hostilio

Promovido pelo Governo do Estado, o São João do Maranhão, o Maior São João do Mundo, atrai um grande público para o circuito oficial de arraiais, o que movimenta o comércio instalado nesses espaços. Além das comidas típicas, o artesanato maranhense também chama atenção e consegue ter um aumento de vendas de mais de 100% durante o período.

“Nesse período, há um aumento de mais de 100% nas vendas porque muitos turistas e a população local se sensibiliza para a compra do artesanato. São adornos, enfeites, chapéus e as roupas infantis. Para nós, é um período muito aguardado”, afirmou o coordenador do Programa de Artesanato Brasileiro (PAB), Carlos Martins.

Instalado no Arraial do Ipem, o Espaço Artesanato conta com 14 artesãos do Centro de Promoção Artesanal do Maranhão (Ceprama) e 36 expositores da Federação de Artesãos e Cooperativa do Maranhão (Fedacma). Grande parte do artesanato apresentado tem ligação com o tema junino, sendo produzido a partir de matérias-primas como madeira, sementes, penas, miçangas e canutilhos.

Artesã há 33 anos, Lucia Franco reforçou a importância dos arraiais para as vendas do artesanato local. “Os arraiais são muito bons para os artesãos. Temos o Arraial do Ipem, o Arraial da Assembleia, muitos espaços onde a administração nos procura para que possamos expor nosso trabalho, e nós comparecemos, porque é um período muito bom para vender”, pontuou.

O autônomo José Washington ressaltou a importância do apoio do Governo aos artesãos maranhenses. “Nossa cultura é muito diversa, isso tem que ser mostrado para outras pessoas, então esse investimento é muito importante. Tem retorno quando há ações para atrair turistas, pessoas que querem conhecer nossa cultura e nosso artesanato, que é muito rico”, disse.

  Publicado em: Política

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Busca no Blog

Arquivos