Hei Flávio Dino e Holanda Junior, vocês como o “Novo e a Mudança”, cadê os projetos de governo para a área de Lazer?

Publicado em   27/ago/2013
por  Caio Hostilio

Como não existe programa de governo nenhum, isso até para as principais áreas sociais, imagina para uma área que sempre foi esquecida nessa cidade, cujas praças poderiam oferecer aparelhos para ginásticas, as praças de esporte oferecimento de coordenadores que estimulem a práticas esportivas, parques arborizados para que as pessoas possam desfrutar da natureza e um zoológico, mesmo que só tivesse as principais espécies animais do Maranhão… Quando veremos isso?

fláviodino11-150x150

Eu acreditei!!!

Eu acreditei!!!

Não há dúvida de que as atividades de lazer devem procurar atender as pessoas no seu todo. Mas, para tanto, é necessário que essas mesmas pessoas conheçam os conteúdos que satisfaçam os vários interesses, sejam estimuladas a participar e recebam um mínimo de orientação que lhes permita a opção. Em outras palavras, a escolha, a opção, está diretamente ligada ao conhecimento das alternativas que o lazer oferece. Por esse motivo é importante à distinção das áreas abrangidas pelos conteúdos do lazer.

A classificação mais aceita é a que distingue seis áreas fundamentais: os interesses artísticos, os intelectuais, os físicos, os manuais, os turísticos e os sociais.

Vivemos uma época de crise. Os próprios detentores do poder institucionalizado vêm a público e proclamam que “o povo está cansado de ter esperança”.

Embora não de modo exclusivo é particularmente no tempo de lazer que são vivenciadas situações geradoras de valores que poderiam ser chamados de “revolucionários”. São reivindicadas formas de relacionamento social mais espontânea, a afirmação da individualidade, a convivência com ao invés do domínio sobre a natureza.

Apesar de todas as tentativas de operacionalização do lazer, para recuperação da força de trabalho, ou como simples espaço de tempo para o consumo, ainda assim, sobram algumas “brechas”, para a manifestação de conteúdos lúdicos. A sedução que o lúdico exerce, suas possibilidades de denúncia da realidade, faz com que os valores do lazer desempenhem um papel de subversão da ordem vigente.

Quando de fato teremos nessa cidade esses espaços? Como Parques, zoológico e praças de esporte?

Não existe lazer sem atrativos e alternativos!!! Ah!!! Lazer não é só assistir, tem que participar…

  Publicado em: Governo

4 comentários para Hei Flávio Dino e Holanda Junior, vocês como o “Novo e a Mudança”, cadê os projetos de governo para a área de Lazer?

  1. FD disse:

    Nunca mais ÉdeH Dino!

  2. Carlos disse:

    O que Flavio te haver com a prefeitura escravo de Sarney?

    • Caio Hostilio disse:

      Chupador, tem tudo a ver, pois foi ele o canalha que vendeu e enganou o povo ludovicense com o tal do novo e da mudança, que ele sequer sabe planejar algo em gestão pública… Se cota camarada!!!!

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

PUBLICIDADE

Busca no Blog

Arquivos