Para desespero daqueles que querem ver o Maranhão como terra arrasada…

Publicado em   21/nov/2012
por  Caio Hostilio

Os incautos falaram em proporcionalidade e o escambau, então vamos para os percentuais dentro da proporcionalidade. Em um ano, homicídios aumentam 92% na capital paulista, qual seria agora a desculpa para os deputados Bira do Pindaré e Marcelo Tavares para dizer que em São Luíso índice de homicídio é maior que o da capital paulista? Quem divulgou os dados foi a própria Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.  A secretaria divulgou, ainda, que no acumulado entre janeiro e outubro deste ano, foram registrados 1.068 casos de homicídios na capital, com 1.157 mortes. No Estado, foram 3.834 casos para 4.107 vítimas. De acordo com os dados da secretaria, cada caso de homicídio pode ter mais de uma vítimas, por isso a diferença entre os números. Em outubro deste ano, a taxa de homicídios no Estado de São Paulo fechou em 10,89 casos por 100 mil habitantes. O indiciador é apurado levando-se em conta os últimos 12 meses. Só para deixar melhor informado os deputados que gostam do Maranhão arrasado o caos que tomou conta de São Paulo, registrou só entre a noite de terça-feira (20) e a madrugada desta quarta (21), pelo menos 10 pessoas foram mortas e 13 foram feridas a tiros na região metropolitana de São Paulo. O DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) vai investigar os casos. Entre as vítimas estão três mortos em uma chacina ocorrida em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, no final da noite. Essa é a 17ª chacina do ano na região metropolitana, aumentando para 57 o número de mortos em crimes deste tipo. Foram seis casos na capital e 11 nas demais cidades. Com a onda de violência, o número de policiais militares mortos na capital em 2012 já chegou a 94, um salto se comparado ao do ano anterior, que teve 56 mortes de PMs.

Enquanto isso, Aluísio Mendes e promotores vistoriam obras do IML e Icrim

O Secretário de Estado de Segurança Pública, Aluisio Mendes e promotores de Justiça, vistoriaram, hoje (21), as obras de reforma dos IML e Icrim,em São Luis.  Ele estava acompanhado da promotora do Consumidor, Litia Cavalcante, e do promotor Paulo Roberto Barbosa, que está respondendo pela Promotoria Especializada de Defesa da Cidadania, além de comitiva de gestores da SSP. Na avaliação dos promotores, com a conclusão das obras, que já estão 80% finalizadas, o cidadão terá acesso a um atendimento de maior qualidade. O Icrim já está funcionando com nova estrutura e equipamentos. Já o IML ainda está em fase de conclusão. No total, foram criadas 14 novas salas, todas climatizadas e adequadas aos serviços oferecidos pelos órgãos. Durante a visita, Aluisio Mendes afirmou que a SSP está cumprindo com todos os pontos solicitados na Ação Civil Pública movida pelo MP. “Tendo em vista nosso compromisso com a população, atendemos a tudo o que foi solicitado”, assegurou.

Nota da Polícia Federal

  Publicado em: Governo

6 Responses to Para desespero daqueles que querem ver o Maranhão como terra arrasada…

  1. Antônio Augusto disse:

    No que diz respeito à segurança no Maranhão, o dado que você traz é falacioso (92%), só mostra o quanto a violência em São Paulo cresceu, sendo impossível de comparar nesses termos com o Maranhão. Como matemática não deve ser seu forte, vou te explicar exemplificando – se uma cidade teve no ano passado 1 homicídio e esse ano teve 2 homicídios, o índice de violência dessa cidade cresceu 100%, e nem por isso essa cidade é violenta. A não ser que ela possua apenas 10 habitantes (aí sim passa a ser uma cidade violenta).
    Então, meu caro, a proporcionalidade que se discute é violência/nº de habitantes, cidade por cidade, ou estado por estado.
    Não adianta você trazer esse discurso falacioso para enganar o povo, pois ele sente na pele o aumento da violência.
    Abraço.

    • Caio Hostilio disse:

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKK… Você é uma graça!!! Sua matemática é no 2 + 2 = 5 . Camarada, só de outubro para novembro o aumentro de homicídios em SP cresceu 114%. Você não faz idéia o que isso representa para uma população que chaga na casa de 15 milhões de pessoas.

      • Antônio Augusto disse:

        São destes números que eu estou falando: “Em São Paulo são assassinadas 8,8 pessoas a cada 100 mil habitantes; em São Luís, 44 pessoas a cada 100 mil”. e não dessa tua matemática falaciosa!
        E mais, é engraçado como o tu enaltece Sarney, transformando-o em mito. Essa semana realmente ele provou ser um mito, resolveu que o Senado (ou seja, o povo) vai pagar o Imposto de Renda referente aos 14º e 15º salários atrasados dos Senadores. Não sei quem é mais brincalhão, tu ou ele.
        Abraço.

        • Caio Hostilio disse:

          Camarada, não adianta querer criar fatos… São Paulo vive hoje uma guerra civil, onde matam pessoas inocentes… Então, fica com a tua idéia de terra arrasada, enquanto que para o Brasil e toda a mídia nacional o problema é São Paulo. Pronto.

  2. SAMUEL DE VITERBOS P. SANTOS disse:

    Afora esse aumento assustador dos casos de homicídio, principalmente por crime de encomenda, ou seja, pistolagem, que só tu não vê, professor, o MEC acaba de divulgar o que todos nós também vemos, no dia-a-dia: o Maranhão tem as 03 piores escolas do Brasil, em termos de avaliação pontual, além de não ter nenhuma escola entre as 100 melhores!
    Quanto ao comentário de Antônio Augusto, acho que essa tua miopia, Caio Hostílio, tem um certo preço, pois tu critica até o povo, que te acolheu, apesar de tua origem fora do nosso Estado, mas tenta, a todo custo, tirar a culpa dos grandes responsáveis pelo nosso analfabetismo, nosso baixo desenvolvimento intelectual e nossa pobreza. Quanto custa essa defesa, caro professor? É absolutamente incongruente uma pessoa que se diz inteligente e independente não ver tais números e tais realidades! Não te envergonha fazer a defesa de criminosos dessa natureza? Não te dói, por um minuto sequer, a consciência, sabendo que milhares de nossos irmãos maranhenses sequer vão ter chance de sonhar com uma Universidade ou um diploma pelo menos de um Ensino Médio, enquanto uma elite pequena, cujos sobrenomes são Sarney, Murad, Lobão e Fecury usufruem de padrão de vida superior ao do Principado de Mônaco? Caro professor Caio, o Maranhão é um gigante adormecido, ou melhor, sedado, mas que começa a levantar-se de um coma de cerca de 50 anos, com seu algoz prestes a morrer…Respeite o POVO da nossa terra!!!

    • Caio Hostilio disse:

      Você quer fazer teatro? Essa prática não cola mais!!! É por causa desse teatro ultrapassado que o Sul do Maranhão já está praticamente dominado por pessoas de outros estados, pois descobriram que os maranhenses gostam apenas de viver numa politicagem dos Sarneys X Antissarneys… Dê uma passadinha na Região é veja o quando eles ja dominaram quase tudo e cada dia se aproximam daqui da capital… continuem com essa baboseira.

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog