A UFMA está longe em cumprir com os artigos 205 e 207 da Constituição!!!

Publicado em   11/set/2012
por  Caio Hostilio

Quanto digo aqui nesse espaço que a UFMA está longe em cumprir com a indissociabilidade em ensino, pesquisa e extensão, além de não aplicar corretamente a autonomia universitária para investir em pesquisa, muitos me criticam e acham que estou apenas fazendo política contra o reitor Natalino Salgado.

Não tenho nada contra o Dr. Natalino Salgado, que sequer conheço pessoalmente. A minha luta é pelo resgate da universidade idealizada por Anísio Teixeira e Darcy Ribeiro. Seus seguidores lutaram muito para que, em 1988, os artigos 205 e 207 da Constituição fossem aprovados em sua integridade.

Para mostrar que a UFMA está longe da indissociabilidade em ensino, pesquisa e extensão, público abaixo um ranking das universidades brasileiras, cuja colocação da universidade maranhense é a 44ª, com uma avaliação em pesquisa muito baixa, conforme demonstrativo.

Vamos a matéria:

O ranking geral de universidades

O RUF (Ranking Universitário Folha) é uma listagem inédita das universidades? brasileiras, de acordo com a sua qualidade. Para chegar ao ranking, a Folha criou uma metodologia própria (tendo como referências avaliações internacionais consolidadas), que mescla indicadores de pesquisa e de inovação e a opinião do mercado de trabalho e de pesquisadores renomados.

Os indicadores que compõem a fórmula do RUF:

– Qualidade da pesquisa: A Folha analisou nove indicadores das universidades relacionados à pesquisa científica, como proporção de professores com doutorado, número de artigos científicos por docente e número de publicações no Scielo?. Peso:0 a55 pontos

– Qualidade de ensino: o Datafolha entrevistou 597 pesquisadores do CNPq? , amostra definida para representar o grupo dos melhores cientistas e docentes do país. A cada um deles foi pedido que apontasse as 10 melhores instituições brasileiras em sua área. Peso:0 a20 pontos.

– Avaliação do mercado: O Datafolha entrevistou 1.212 diretores, gerentes ou profissionais responsáveis pelos recursos humanos de empresas e instituições brasileiras, amostra definida para representar todo o setor do país. Para cada um deles foi pedido que apontasse as três instituições de ensino superior para os quais dariam preferência em um processo de contratação. Peso:0 a 20 pontos

– Indicador de inovação: A Folha analisou a quantidade de pedidos de patentes? por cada universidade. Peso:0 a5 pontos

Para o ranking geral, foram consideradas apenas as universidades?, que são instituições mais completas, com ensino e pesquisa em diversos campos do conhecimento. Essas instituições precisam também cumprir exigências mais rígidas que as demais formas de organização? demais formas de organização de instituições de ensino.

O ranking geral conta com 191 universidades? distribuídas em 188 posições porque houve alguns empates.

Clique para saber mais sobre a metodologia do ranking

O ranking:

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog