Recordar é viver… Veja se mudou algo!!!

Publicado em   01/ago/2012
por  Caio Hostilio

Essa matéria abaixo foi publicada no meu antigo blog, no dia 07/06/2008, leia, faça uma reflexão e tire suas próprias conclusões…

CORRUPÇÃO GENERALIZADA!!!

A corrupção virou rotina no Maranhão. Ninguém respeita a coisa pública e, principalmente, o povo. Vendo que nada acontece para banir de vez essa pouca vergonha, os governantes: estadual e municipais fazem suas falcatruas às claras, sabendo que a impunidade prevalece.

Os órgãos fiscalizadores, que deveriam fiscalizar e denunciar os corruptos, ficam a mercê. Às vezes nem sequer fiscaliza seus próprios órgãos, como é o caso do prédio das Promotorias, que está em ruínas.

Pior de tudo é saber que essa rapaziada que enriqueceram ilicitamente pode se reeleger. Usando do que há de mais canalha na política, ou seja, o discurso demagogo e a compra de votos, isso com o dinheiro público, como aconteceu em 2006.

Os convênios estão aí a todo vapor, isso independente da origem dos recursos: federal, estadual ou municipal. Quer apostar como todos esses corruptos vão se candidatar?

A edição de hoje do jornal Estado do Maranhão trouxe a seguinte matéria: “TCE detecta desvio de verbas em Caxias, Codó e Coroatá”. Só agora foram detectadas essas falcatruas? Isso é brincadeira!!!

Os prefeitos de Caxias, Tuntum e Codó foram os que mais receberam dinheiro público através de convênios que não deramem nada. Quemé que não sabe que essas verbas foram desviadas para bancar as campanhas dos três candidatos de Zé Noel ao governo do Estado, além das campanhas dos deputados reinaldistas!!! A sobra (maior parte) ficou para aumentar o patrimônio dessa gente. Zé Noel foi até “honesto” ao dizer que usaria a máquina do Estado para beneficiar seus candidatos!!!

O prefeito de Coroatá, Luiz da Amovelar, mais conhecido pela alcunha de Orelha de Rato, vem desviando o dinheiro público sem que nada aconteça!!! Ele, Orelha de Rato, chegou a comprar milhões de vassouras de piaçava para varrer por mais de 200 anos as salas de aula das escolas municipais. Isso consta do Relatório da CGU.

Em Coroatá foram desviados os recursos do Incra (R$ 2,6 milhões). Essa farra ficou apelidada de “bueiros fantasmas”. Para constatar basta verificar as estradas vicinais que seriam agraciadas por este convênio.

A coisa é tão séria, que os vereadores e secretários governistas em Coroatá estão todos bem de vida. O prefeito Luiz da Amovelar confunde verbas da Prefeitura com as de sua loja de móveis.

Contudo, vale ressaltar que de nada adiantará essas denúncias. O Ministério Público faz vistas grossas, principalmente porque é submisso ao governo Estadual até na escolha do Procurador Geral de Justiça.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog