“Lupi toma decisão unilateral e arbitrária”, disse Wagner Lago

Publicado em   27/fev/2012
por  Caio Hostilio

Na coletiva de hoje (27), a Dra. Clay Lago e diversos vários históricos do PDT anunciaram a criação do Comitê de Resistência Democrática, que não aceita a imposição do Diretório Nacional em emplacar antidemocraticamente o ex-deputado Julião Amim como presidente do Diretório Estadual do Maranhão.

Esteve presente ao encontro Wagner Lago, o prefeito Hilton Gonçalo (Santa Rita), o ex-deputado Chico Leitoa e de Maria Lúcia Telles.

A Dra. Clay, com muita propriedade, proibiu, através de uma notificação extrajudicial, que Julião e outros membros do partido a fazer qualquer divulgação Jackson Lago.

Em conversa com Wagner Lago, ele disse que a atitude de Lupi foi unilateral e arbitrária, ato totalmente antidemocrática. “Ele não é bem visto nem no seu Estado, pois ele foi nomeado e exonerado dois dias depois”, afirmou Wagner.  

A Dra. Clay Lago disse-me que aceitaria qualquer nome para presidir o partido, desde que ele fosse escolhido democraticamente e que isso fosse feito dentro do prazo previsto. “Não posso aceitar no que transformaram o PDT e a minha tristeza cresce ainda mais quando vejo pessoas que sempre usaram Jackson Lago para alcançar seus objetivos políticos agora o trair dessa forma”, disse Clay.  

Segundo os organizadores, fizeram vários diretórios provisórios, porém esse grupo comandando por Lupi no Maranhão não tem a maioria, visto que o grupo pró Igor Lago tem 132 diretórios dos 211 existentes, além do apoio da maioria dos prefeitos do partido e dos deputados estaduais Carlinhos Amorim e Valéria Macedo. No Diretório Nacional, Igor Lago tem o apoio do Líder da Bancada na Câmara dos Deputados, Giovane Queiroz.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog