Othelino destaca em fórum ações da Alema que incentivam a participação feminina na política

Postado por Caio Hostilio em 13/dez/2019 - Sem Comentários

Othelino destaca em fórum ações da Alema que incentivam a participação feminina na política
Othelino Neto fala durante o I Fórum da Mulher Vereadora do Maranhão, realizado no município de Carolina

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), defendeu a participação feminina na política, no I Fórum da Mulher Vereadora do Maranhão, realizado, nesta sexta-feira (13), no plenário da Câmara Municipal de Carolina. O evento é uma iniciativa da União de Vereadores e Câmaras do Maranhão (UVCM).

Em sua fala, o chefe do Legislativo Estadual elencou ações da Casa para incentivar a participação de mulheres na política e combater a violência doméstica. “Nós temos dado recados positivos, no sentido de promover o empoderamento feminino. Na Assembleia, temos nove vagas na Mesa Diretora. Destas, cinco são de deputadas, ou seja, elas são a maioria. Também  instalamos na Casa a Procuradoria da Mulher, que atua, principalmente, no combate à violência de gênero, um problema ainda muito alarmante no país, o que nos levou a aprovar, por unanimidade, uma resolução proibindo a nomeação de homens condenados por violência doméstica. A Assembleia do Maranhão é a primeira do Brasil a criar esta vedação legal”, explicou o parlamentar.

JR. Lisboa / Agência Assembleia

O deputado Dr. Yglésio se pronuncia, observado pelo presidente Othelino Neto e pelo presidente da UVCM, Asaf Sobrinho

O deputado Dr. Yglésio se pronuncia, observado pelo presidente Othelino Neto e pelo presidente da UVCM, Asaf Sobrinho

A capacitação e o ingresso de mulheres na política também foram enaltecidos pelo  deputado Dr. Yglésio e pelo secretário chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, também presentes no evento. “Capacitar as mulheres, que hoje ainda têm uma representatividade muito pequena dentro da política, é essencial. Na Alema, por exemplo, elas ocupam apenas 20% das vagas, e na Câmara de São Luís, muito menos. Então, espaços de conscientização e de informação que fazem com que as mulheres entendam a importância de participar é uma iniciativa que faz com que, embora a longo prazo, consigamos reverter essa discrepância ainda tão evidente”, acentuou.

“A representação feminina na política brasileira ainda precisa ser discutida. Por isso, eventos como esse são relevantes para que possamos melhorar. Parabenizo os vereadores pela realização do evento e o nosso presidente Othelino, por trazerem a temática em boa hora, já que estamos perto das eleições” , completou Tavares.

O evento, que teve início na quinta-feira (12), conta com o apoio do Parlamento Estadual. Para o vereador Asaf Sobrinho, presidente da UVCM, a parceria da Assembleia é essencial para a boa atuação da entidade. “Nós temos ganhado uma repercussão muito grande no estado, graças à parceria da Alema. Com a visão do presidente Othelino de abrir o espaço para o parlamento municipal, houve um crescimento muito grande, o que tem contribuído para chegarmos ao patamar onde estamos hoje“, ressaltou.

JR. Lisboa / Agência Assembleia

O diretor de Administração da Assembleia, Antino Noleto, recebe certificado de participação como palestrante

O diretor de Administração da Assembleia, Antino Noleto, recebe certificado de participação como palestrante

Palestras

O ciclo de palestras do encontro contou com a presidente nacional do PDT, Miguelina Vecchio. Ela discorreu sobre as eleições e a participação feminina na política. “Nós temos que querer o poder, porque é o poder que transforma a política. O problema é que a maioria das mulheres não quer sair da sua zona de conforto, porque enxerga a política como algo sujo, mas não adianta não gostar de política, é preciso mudá-la, e para mudar, nós temos que entrar nela e com a consciência do que podemos fazer pelas mulheres”, avaliou.

Neste mesmo sentido, a presidente da Câmara Municipal de Carolina, vereadora Lys Jácome, e a presidente Nacional da Mulher Vereadora, vereadora Regilda Santos, se pronunciaram. “Precisamos nos impor em relação àquilo que descordamos e impor na sociedade os nossos valores na política ou em qualquer meio que quisermos, pois o lugar da mulher é onde ela quiser estar”, afirmou Jácome, que também é presidente do Fórum Estadual de Mulheres Vereadoras.

“Ainda há uma discriminação muito grande em reação a mulher na política e nós trabalhamos para ampliá-las na política, para que elas compreendam a importância de trabalhar em função do povo”, acrescentou Regilda Santos, da cidade de Bacabal.

Outra palestra proferida no Fórum foi a do diretor de Administração da Assembleia, Antino Noleto, que tratou das novas regras das eleições municipais, com foco para as candidatas que pretendem concorrer ao pleito em 2020. “Se as mulheres não têm a oportunidade de representar seus interesses e serem ouvidas, as transformações que elas precisam que sejam feitas na legislação e no estado para beneficiá-las, com certeza demorarão muito mais a acontecer. Por isso, é importante a mulher estar na política e esses eventos são um meio de construção para alcançar essa meta”, disse Noleto.

Incentivo à Cultura e ao Turismo

Na oportunidade,  o presidente Othelino Neto anunciou a criação da Comissão Permanente de Cultura e Turismo, proposta que deverá ser apreciada e aprovada no início de 2020. “É uma forma de estimularmos o desenvolvimento dessa importante vocação econômica para o Maranhão e, também, para a área cultural. Um dos desafios e que, certamente, será pauta permanente na Comissão, é fazer com que se valorize e se conheça mais o potencial turístico dessa região”, pontuou.

O deputado Yglésio e o autor da resolução propondo a criação da nova comissão

O prefeito de Carolina, Erivelton Texeira, vereadores, vereadoras e a população local e de municípios do entorno participaram do evento.

Busca no Blog