Deputado Wellington solicita que Flávio Dino diminua impostos no preço do combustível do Maranhão

Postado por Caio Hostilio em 23/maio/2018 - Sem Comentários

Quero parabenizar o deputado Wellington do Curso por trazer à tona esse assunto, conforme provoquei através da matéria “Lobão e a verdade dos fatos vividos no Maranhão…, publicada no dia 22 de maio de 2018, onde cobrei dos políticos conforme “O combustível (gasolina, Diesel, álcool etc) subiram assustadoramente em todo o Brasil, porém o povo acha que tudo é culpa do governo federal. LEDO ENGANO!!! POIS OS IMPOSTOS FEDERAIS ELEVAM O PREÇO DOS COMBUSTIVEIS EM 20%, MAS VOCÊ SABE QUANTO QUE O ICMS, IMPOSTO ESTADUAL, ELEVA OS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS? 30% É O QUE OS ESTADOS ENGOLEM DO DINHEIRO DO CONTRIBUINTE DE ICMS NOS COMBUSTÍVEIS. NINGUÉM VER ESSE DEBATE NOS LEGISLATIVOS, PRINCIPALMENTE NO MARANHÃO, ONDE A LEI TRIBUTÁRIA DE FLAVIO DINO É CRUEL!!! ACORDEM!!!
Na manhã desta quarta-feira (23), o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) utilizou a tribuna para solicitar que o governador Flávio Dino reduza o imposto sobre circulação de mercadorias e serviços –  ICMS, como forma de diminuir o alto valor da gasolina no estado, assim como já o fez em outras oportunidades. Somente nos últimos dez dias, já foram 4 aumentos no preço da gasolina no país, sendo que 45% do valor do combustível correspondem a impostos.

No final de 2016, o Governo do Estado sancionou a Lei nº 10.542/2016 que aumentou as preços da gasolina, do etanol, tarifas de energia elétrica, internet, telefonia e TV por assinatura, a partir do reajuste de ICMS, tornando o combustível mais caro em todo Maranhão. Wellington votou contra esse aumento por entender que a medida prejudica consideravelmente o povo maranhense.

Atualmente, 26% do valor da gasolina são destinados ao imposto estadual, o que tem atingindo diretamente o bolso do trabalhador maranhense.

“Diante do grande do número de desempregados no Maranhão, não podemos permitir que a população pague a conta da ineficácia da administração pública por meio de altas cargas tributárias. Precisamos encontrar maneiras para que não joguemos o prejuízo no bolso do cidadão maranhense onde principalmente os mais pobres, moto-taxistas, taxistas padecem. Se na capital o preço já está alto, imagine no interior! Por isso, solicito ao governador Flávio Dino que, assim como houve redução do  ICMS de 17% para 2% no fornecimento do óleo diesel para as empresas do sistema de transporte urbano da região metropolitana de São Luís e Imperatriz, haja redução da alíquota do ICMS que incide sobre o valor do combustível. Votei contra o aumento de impostos dos combustíveis.   Flávio Dino, dê exemplo e reduza o ICMS, reduza o imposto que incide sobre os combustíveis no Maranhão. O povo maranhense não merece pagar por mais essa conta!”, destacou o deputado Wellington ao reafirmar seu compromisso com a população e a luta para reduzir o preço do combustível.

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Publicidade



Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Busca no Blog