Confirmando o que eu vi!!! NYT diz que Espanha tranca o lixo por conta da fome da população

Publicado em   27/set/2012
por  Caio Hostilio

Especialistas destacam que país está numa “sinuca de bico”

Em agosto estive na Europa e vi muita miséria e publiquei aqui o post “Brasil é um país de otários!!! É preciso aprender o que precisa…”, onde inicio dizendo: Quem pensa que o Brasil é o pior dos lugares do mundo está redondamente enganando!!! O Brasil não deixa a desejar pra ninguém e se supera em muito sobre países que se dizem os melhores em tudo.”

Escrevi esta matéria em Paris, onde vi pessoas morando embaixo de viadutos, muito desemprego, muito africano vivendo em extrema miséria, além da falta de cuidado com bairros mais distantes.

Fui muito criticado, tanto aqui no blog quanto no Facebook, haja vista que o brasileiro tem ao mesmo tempo o complexo de inferioridade e o de superioridade, além da mistura dos dois complexos.

O grande problema é que as pessoas vão a Europa como turista e não reparam as dificuldades econômicas, sociais e políticas pelos quais os países europeus atravessam.  

Agora, veja a matéria abaixo, que confirma muito do que eu disse.

JB

Luciano Pádua

A Espanha, que vive um dos piores momentos desde a Segunda Guerra Mundial, voltou a assistir a manifestações públicas nesta quarta-feira (26). Não é para menos. Assolada em uma crise econômica e social, sua população convive com uma taxa de desemprego que beira 25%, número que cresce para 50% entre os jovens. Ao mesmo tempo, o governo de Mariano Rajoy já se comprometeu com as medidas de austeridade exigidas pelo Banco Central Europeu (BCE) e a Alemanha que podem piorar ainda mais este quadro.

Nesta quarta-feira (26), quando o primeiro ministro espanhol, Mariano Rajoy, foi a Nova York participar da Assembleia Geral da ONU, curiosamente o jornal americano New York Times publicou notícia de capa intitulada “A austeridade e a fome na Espanha”. Na matéria, ilustrada pelo fotógrafo catalão Samuel Aranda, fica exposto o panorama desolador do país. Segundo a reportagem, tantas pessoas estavam revirando o lixo para aproveitar restos que algumas cidades espanholas instalaram cadeados em suas lixeiras para evitar problemas de saúde. 

Ainda de acordo com o periódico norte-americano, um relatório da ONG católica Caritás revelou que a instituição alimentou quase um milhão de espanhóis em 2010, número duas vezes maior do que em 2007. Em 2011, o dado aumentou em 65 mil.

Ao contrário das manifestações de terça-feira (25), quando cerca de seis mil pessoas foram às ruas do entorno do Congresso, em Madri, e o protesto descambou para a violência, resultando em 35 pessoas detidas e outras 60 feridas, nesta quarta-feira (26) a manifestação transcorreu sem maiores incidentes.

Continue lendo aqui

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog