No Maranhão são 218 gestores públicos independentes!!!

Publicado em   14/jun/2012
por  Caio Hostilio

Observa-se que o TCE, o MPMA e o TJMA são contumazes em suas prerrogativas com relação ao controle e a cobranças dos gestores maranhenses, para isso basta que todos verifiquem as matérias divulgadas nos mais diversos meios de comunicação desse estado.

Por outro lado, a classe política maranhense sempre esteve a mercê da politicalha, com isso verifica-se que o único gestor desse estado pelos péssimos índices apresentados é apenas o governador, ficando livre de tudo os 217 gestores municipais.

Esse discurso é completamente maléfico para o desenvolvimento desse Estado, haja vista que esses municípios recebem diretamente e administram bilhões e bilhões de recursos todos os anos e vem o questionamento: Se esses recursos estivessem sendo bem aplicados, o Maranhão estaria numa posição ruim? Os excluídos estavam vivendo em condições de miséria? Onde foram parar esses bilhões e bilhões de recursos?

Esses recursos não são administrados pelo governo do Estado. No Brasil são três esferas governamentais independentes: Federal, Estadual e Municipal.

A rigor, os gestores públicos municipais eram para formar seus secretariados com técnicos, mesmo que sejam políticos, uma vez que muitos desses municípios deixam de firmar convênios federais por não ter técnicos que consigam produzir projetos. O Ministério da Agricultura, da Integração, da Saúde, da Educação, do Meio Ambiente etc. estão cheios de projetos para que sejam conveniados com os municípios brasileiros e os do Maranhão são os que menos conveniam.

Muitos maranhenses desconhecem a realidade da administração pública e não sabem que o Maranhão está entre os estados brasileiros que mais recebem recursos municipais.

É preciso mudar urgentemente esse discurso ultrapassado e anti-desenvolvimento do Maranhão… Seria providencial que todos os políticos maranhenses, independente de ser sarneys ou anti-sarney, começassem a cobrar maior desempenho dos gestores municipais e, assim, trazer de fato o bem-estar e a qualidade de vida aos maranhenses.

O Maranhão é o único estado do Brasil onde a cobrança é fixada apenas no governador, quando deveriam ser cobrados de todos uma gestão voltada para o povo… 

Nem a forte pressão da Justiça, dos órgãos de controle e da sociedade civil por gestões públicas de melhor qualidade parece ter adiantado.

O resultado disso tudo? É o número de gestores com contas julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado, que aumentou mais de 100% entre 2008 e 2012.

Nas eleições municipais passadas, o TCE encontrou cerca de 1,2 mil gestores com contas problemáticas – muitos dos quais ficaram fora do pleito.

Este ano, o número mais que dobrou, chegando a 2,8 mil, entre prefeitos e presidentes de câmaras.

Pensem nisso!!!

  Publicado em: Governo

4 Responses to No Maranhão são 218 gestores públicos independentes!!!

  1. Fernando disse:

    Uma hora isso irá entrar na cabeça de muitos Caio. Voce, de forma firme, vem alertando a todos sobre esse ponto. Sao 217 Gestores Municipais, dos quais a maioria estao com prestaçoes de contas reprovadas, ou com problemas ou sei lá.
    Foi como voce mesmo falou meu amigo: será que é diicil seguir os PRINCIPIOS LEGAIS?????
    Gil Cutrim poderá responder perfeitamente esta pergunta!!!

  2. Pingback: Enfim, um político fala sobre os bilhões vindos para municípios!!! | Caio Hostilio

  3. Pingback: Enfim, a luta contra a politicalha no Maranhao ganhou notoriedade nacional e internacional | Governo & Política

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog