Afinal, quem substituirá Jackson Lago?

Publicado em   07/abr/2011
por  Caio Hostilio

Este tema virou o assunto predileto, hoje, na Assembléia Legislativa, pelos jornalistas que cobrem a política maranhense há vários anos, independente de sua linha editorial.

Alguns concordaram com o meu artigo: “A oposição está órfã de líder, outros acham que esse posto caberá ao ex-deputado Flávio Dino ou a Roberto Rocha.

Contudo, por unanimidade, os jornalistas não vêem um histórico político em Flávio Dino, além de sua arrogância de ex-juiz. Enquanto que vêem em Roberto Rocha um bom articulador e de fácil comunicação.

Em minha opinião, não se faz um líder, ele nasce líder. Também é certo afirmar que não se faz um líder de uma hora pra outra!!!

Por isso, não vejo ninguém hoje com perfil de líder para congregar suas opiniões entre os partidos que se dizem de oposição no Maranhão. Aqui não entram os partidos de esquerda. Estamos falando do grupo oposicionista ao grupo Sarney.

Sabe-se que Flávio Dino detém poderes no PSB dos Tavares e no PCdoB, mas não é bem vistos pelo PDT, PPS, PTC e PSDB. Vale ressaltar que Flávio Dino para o povo é arrogante, coisa negativa em quem pretende ser um líder.

Roberto Rocha, por sua vez, agrega o PSDB, PDT e o PTC, porém não tem vez no PSB dos Tavares e no PCdoB de Flávio Dino. Vale ressaltar que falta a Roberto Rocha determinação, coisa também negativa em quem pretende ser um líder.

Os demais nomes, tais como José Reinaldo, João Castelo, Dutra e outros, estão fora de cogitação, pois já mostraram que jamais conseguirão ser líder de alguma coisa, além da idade.  

Por isso, a oposição ficará órfã até que apareça alguém com o verdadeiro perfil de liderança e poder de aglutinação. Por enquanto, vamos ver a divisão de grupos com pensamentos e objetivos diferentes.  

Com isso, para se tornar um líder é primordial a capacidade de mobilizar as pessoas em torno de um objetivo comum.  Para isso, o líder precisa ter uma visão capaz de inspirar, mobilizar e criar um senso de propósito capaz de aglutinar os liderados em torno do objetivo comum.

O líder precisa saber esclarecer, motivar, educar e também saber ser humilde nas horas certas, para enfrentar os obstáculos e as resistências que envolvem mudanças de valores, de crenças e de atitudes. O teste decisivo da qualidade da liderança reside na capacidade do líder institucionalizar mudanças e reformas que constituem o seu legado para os seus liderados.

Portanto, para ser líder não é necessário ser robusto, falar alto e achar que só ele é o dono da verdade. O verdadeiro líder é aquele que mesmo sem subir a voz, com fala mansa, com tom meigo, tem o dom da persuasão, que leve seus liderados a acreditar em suas palavras.

Diante do exposto, após a morte de Jackson Lago, temos visto uma oposição desunida com alguns se achando “lideres”.

Que lideres são esses? Que puxam brasa para sua sardinha ao invés de ajudar na compreensão, deixando, com isso, os oposicionistas ainda mais confusos!!!  

Com certeza vai demorar em surgir o substituto de Jackson Lago.

  Publicado em: Governo

4 Responses to Afinal, quem substituirá Jackson Lago?

  1. Otávio disse:

    Roberto Rocha é o futuro do Maranhão. Já deu provas disso. Futuro prefeito de São Luís e em breve, muito em breve, nosso Governador.

  2. I just added your blog site to my blogroll, I pray you would give some thought to doing the same.

  3. Reena Mcrary disse:

    My partner and I really enjoyed reading this blog post, I was just itching to know do you trade featured posts? I am always trying to find someone to make trades with and merely thought I would ask.

  4. Pingback: Caio Hostilio | Metendo o bedelhoJá apareceu esse substituto? |

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog