Hei Castelo, qual foi o tipo de material usado nessa obra?

Publicado em   13/fev/2013
por  Caio Hostilio

chuvaÉ inadmissível o descaso com o dinheiro público nesse país!!! Quais são os critérios adotados, seja pelo poder federal, estaduais e municipais, para fazer as medições das obras de infraestrutura por esse país afora. Acho que estão brincando com a cara do contribuinte!!!

Nesse caso especifico, a medição foi efetuada pelo governo federal e diante dessa desgraça de obra, é preciso que tanto o Ministério Público Federal quanto a CGU, além do TCU tome as providências cabíveis. Chega de tanto desperdício e impunidade nesse país.

Essa obra – constate das fotos – foi orçada no valor de R$ 13,5 milhões, com recursos do BNDES, diretamente com a Prefeitura de São Luís, na gestão de João Castelo, para canalização, retificação, requalificação urbana e paisagístico do Canal do Cohatrac, mas especificamente no Rio Gan Gan, que atravessa todo o conglomerado COHAB-Cohatrac e bairros adjacentes, estendendo-se até a Estrada da Maioba.

Bastou uma chuva, para que os milhões fossem levados pelas águas e os bairros ficassem alagados.

Isso é um caso de apuração de imediato!!!

Foto de Moraes Moralez

  Publicado em: Governo

4 Responses to Hei Castelo, qual foi o tipo de material usado nessa obra?

  1. Carlos Eduardo disse:

    Cara mas q absurdo! Eu não acredito nisso! Esse Castelo teve sorte mesmo em 2012, que choveu bem pouco. Conheço colegas do Renascença (próximo a Lagoa) que tiveram suas casas invadidas pela água da chuva. Mais umas três chuvas dessa vai desandar São Luis todinha!

  2. gilberto disse:

    Culpado disso, samos nós eleitores e a imprensa, os eleitores votam por simpatia ou em trabalhos que foi realizado há anos, não entedem que os governantes foram eleitos para realizar as obras que o povo necessita e a imprensa enquanto está sendo favorecida permanece calada . Quando o nosso povo tiver prontos e politizados politicamente, eliminando muitos polticos canalkas da vida publica, tamto nos governos , como no congresso federal, nas camaras estaduais e municipais que são orgãos fiscalizador , para opotunizar aqueles que querem trabalhar pelo povo, ai sim poderemos ter qualidades nas realizações das politicas publicas, caso contrario, vão sempre roubar o povo e lhe oferecer serviços de pessima qualidade. Essa é uma pratica que precisa ser combatida, criando um orgão independente de engenheiros e arquitetos para analisar a qualidade do trabalhe e do tipo de material utlizado, levando em consideração o valor da obra e a qualidade do material utilizado. Digo isso porque moro proximo ao canal do cohatrac e vir muitas irregularidades na construção dessa obra, sendo engenheiros da construtota não estão nem aí para as coisas publicas

    • Caio Hostilio disse:

      Meu amigo, não adianta, o Crea, que poderia ser o tal órgão independente, tem gente corrupta… O problema é que a corrpção é endemica e virou uma caos por todo mundo, mas no Brasil é algo asqueroso!!!

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog