Compra Local de Ribamar é um dos três melhores do Brasil, aponta MDS

Publicado em   07/jan/2013
por  Caio Hostilio

Experiência exitosa do município de São José de Ribamar será apresentada pelo prefeito Gil Cutrim durante encontro de gestores que será promovido, ainda este mês, pelo Ministério do Desenvolvimento Social em Brasília.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO município de São José de Ribamar voltou a ser destaque no cenário nacional da administração pública. O Programa de Aquisição de Alimentos (PPA) executado pelo governo do prefeito Gil Cutrim (PMDB), também conhecido como Compra Local, foi indicado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS) como sendo um dos três melhores do Brasil.

AGRICUL (2)[1]A informação foi confirmada pela coordenadora geral de Sistemas Locais de Abastecimento Alimentar do Ministério, Elenita Correia da Silva, em comunicado enviado à Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento de São José de Ribamar (SEMAGRI).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA experiência exitosa do PPA de São José de Ribamar, que conta com o apoio do Governo Federal, será apresentada por Gil Cutrim durante encontro de gestores, dentre eles vários prefeitos brasileiros, que será realizado pelo MDS ainda este mês em Brasília.

“A indicação do Ministério, apontando nosso Compra Local como um dos melhores e mais eficientes do país, é mais uma prova concreta de que a administração está no caminho certo, executando com transparência e seriedade políticas públicas que estão gerando emprego e renda para os ribamarenses”, avaliou o prefeito.

Funcionando como referência para o Governo do Estado e para várias prefeituras maranhenses e brasileiras – dentre elas a de Teresópolis que, em 2011, enviou a São José de Ribamar técnicos que conheceram in loco o funcionando do Compra Local – o Programa de Aquisição de Alimentos ribamarense fomenta uma grande cadeia de desenvolvimento econômico e de geração de emprego e renda, proporcionando, ainda, alimentação de qualidade aos mais diversos públicos.  

Através do PPA, a prefeitura ribamarense compra parte da produção dos pequenos agricultores familiares, criadores e pescadores artesanais e a remete para a preparação da merenda servida nas escolas da rede municipal de ensino, além das refeições preparadas e servidas na Cozinha Escola Municipal (atende, com o fornecimento diário e gratuito de 200 refeições, famílias carentes em situação de vulnerabilidade alimentar e nutricional) e nas entidades socioassistenciais do município.

Só para se ter uma ideia, em 2012 a prefeitura adquiriu, junto aos agricultores, criadores e pescadores, mais de 313 toneladas de alimentos variados – carne bovina, pescado, galinha, carne de carneiro, pescado, mariscos, frutas, hortaliças, verduras, dentre outros.

Paralelo a este trabalho de compra da produção, a prefeitura oferece aos agricultores, pescadores e criadores assistência técnica gratuita, além de cursos de capacitação em diversas áreas, como avicultura básica, suinocultura, piscicultura, produção de mudas, processamento de alimentos e irrigação, por exemplo.

  Publicado em: Governo

4 Responses to Compra Local de Ribamar é um dos três melhores do Brasil, aponta MDS

  1. Antonio Lima disse:

    Professor, merecedoras e dignas de elogios essa políticas implantadas no município de São José de Ribamar.
    Parabéns ao Gestor daquele Município!!!!

    • Caio Hostilio disse:

      Aqui em São Luís daria para implantar o mesmo sistema na Zona Rural, não fazem porque o dinheiro da merenda escolar e os recursos para compra de alimentos para os hospitais e que geram as falcatruas…

      • Antonio Lima disse:

        Realmente, bem lembrado… é torcer para que o jovem Prefeito tome medidas que valorize os nossos pequenos agricultores, aqueles “beneficiados” com os ditos programas de incentivos à agricultura familiar.
        Resta saber se existe produção em nosso Meio, pois até maxixe, quiabo, cheiro verde e outras leguminosas são importados do Ceará, Sergipe, Pernambuco e outras paragens, pois aqui nada se produz.

        • Caio Hostilio disse:

          Falta de incentivo da Prefeitura, que preferiu transformar a Zona Rural de São Luís num Bolsão de misérias, onde hoje foi tomada por diversas favelas.

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog