Prefeitura de Caxias recebe lote com 2.040 doses da vacina Oxford-AstraZeneca para prevenção contra a covid-19

Publicado em   27/jan/2021
por  Caio Hostilio

Continua em Caxias o mutirão de vacinação contra a covid-19. Nesta primeira fase somente os profissionais de saúde da linha de frente estão sendo imunizados. Na tarde desta terça feira (26), foi a vez dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, que trabalham na zona urbana e zona rural do município.

A Agente Comunitária de Saúde, Loyde Rodrigues destacou a importância da prevenção que os profissionais de saúde estão tendo. “O momento é de grande importância, pois a pandemia maltratou muita gente. Por isso, os profissionais de saúde não devem temer a vacina e ser imunizados”, lembra.

“Para nós que estamos na linha de frente, o primordial é estarmos imunizados, daí a importância desse grande momento que estamos vivendo”, disse Jeferson Rocha, Agente Comunitário de Saúde.

Caxias se destaca em todo o estado do Maranhão, como a cidade que mais vacinou até agora, inclusive ultrapassando a capital, São Luís (MA). Até o fim da tarde dessa terça-feira (26), já eram 1.982 doses da vacina administradas, praticamente finalizando a vacinação da primeira dose da vacina Coronavac.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Verônica Aragão, destaca a estratégia utilizada nesse trabalho. “Nós usamos uma estratégia que facilitou chegar a esse alcance de vacinação. Nós usamos equipes volantes que iam as unidades básicas de saúde, sendo a mesma logística usada nos hospitais, contemplando os profissionais que estão na linha de frente no enfrentamento a doença”, explica.

Na tarde dessa terça-feira (26), a Secretaria Municipal de Saúde, recebeu da regional de saúde do estado, o quantitativo de 2.040 doses da vacina de Oxford-AstraZeneca. “Quem recebeu a primeira dose da CoronaVac, deve tomar a segunda dose entre 21 a 28 dias após a primeira dose. Já a vacina de Oxford, quem receber a primeira dose deve tomar a segunda dose daqui a noventa dias”, explica.

Vacina de Oxford da AstraZeneca, também vai ser administrada prioritariamente junto aos profissionais de saúde. O Maranhão recebeu do Ministério da Saúde 48.500 doses da vacina.

  Publicado em: Política

Deixe uma resposta

Busca no Blog

Arquivos