Bolsonaro: tem um governador aí que está se intitulando o médico do Brasil

Publicado em   20/out/2020
por  Caio Hostilio

Presidente rebate João Dória que quer obrigar a população paulista a tomar a vacina chinesa.

Ontem 19, o presidente Jair Bolsonaro deu entrevista na porta do palácio da Alvora e tratou de diversos assuntos. Contudo, um em especial ganhou destaque nas redes sociais. A saber, Bolsonaro rebateu o que disse João Dória, de que a população de São Paulo será obrigada a tomar a vacina chinesa.

Bolsonaro diz que o Programa Nacional de vacinação é de 1975, e que a lei atual incluiu a questão de pandemia também. Entretanto, deixou bem claro, que quem decide se será obrigatório ou não é o Ministério da Sáude. Por conseguinte, afirmou que o seu Ministro já deixou bem claro que não será obrigatória e ponto final.

Bolsonaro diz que primeiro a China precisa vacinar seu povo em massa para depois tentar passar a vacina para outros paises

O presidente também frisou, que existe um Governador que está se intitulando o médico do Brasil, e que anda falando que a vacina será obrigatória. E mais uma vez, Bolsonaro deixou bem claro, afirmando que a vacina não será obrigatória. A saber, o presidente disse, que a China primeiro precisa vacinar seu povo em massa, e só depois, comprovada a eficácia, pensar em distribuir para outros países.

Por conseguinte, Bolsonaro disse que quando a vacina estiver em condições de ser liberada, é preciso ser aprovada pelo Ministério da Saúde, com comprovação científica. Além disso, é preciso ser validada pela Anvisa, e só depois liberada para vacinação da população e de forma gratuita. Por fim, mais uma vez disse que não será obrigatória.

  Publicado em: Política

Deixe uma resposta

Busca no Blog