Os políticos transformaram o Judiciário no poder mandatário!!! Fux: ‘Nós não temos um governo de juízes’

Publicado em   30/set/2020
por  Caio Hostilio

Fux: Nós não temos um governo de juízes
“Na verdade, não existe uma judicialização da política. O que existe é a política que judicializa seus feitos quando não consegue resolver na arena própria as suas questões intramuros”, disse Fux. Na verdade, os politiqueiros e os partidos esquerdopadas utilizam desse artifício canalha por não ter como debater no campo das ideias e muito menos num ambiente politico com seus adversários e, fazem isso, porque transformaram o STF num apêndice politico. 
Por isso, Luiz Fux voltou a criticar o que chama de “protagonismo deletério” do STF e dizer que ele não é culpa do Judiciário, mas dos próprios políticos que recorrem à Justiça, levando-a a decidir várias questões.

O presidente do Supremo, que também comanda o CNJ, participou nesta terça (29) de uma videoconferência com presidentes dos TJs estaduais, dos TRFs, dos TREs e dos Tribunais Regionais do Trabalho.

“No Supremo (…), apenas a título de uma conversa informal, nós entendemos que há hoje um protagonismo deletério do Supremo Tribunal Federal, absorvendo matérias que pertencem às esferas de outros Poderes”, declarou Fux.

“Nós não temos um governo de juízes. Nós não temos que assumir essa pecha da judicialização, do ativismo judicial, quando na verdade sabemos que a jurisdição é uma função que só se movimenta quando provocada”, prosseguiu o presidente do STF.

“Na verdade, não existe uma judicialização da política. O que existe é a política que judicializa seus feitos quando não consegue resolver na arena própria as suas questões intramuros”, acrescentou o ministro.

  Publicado em: Política

Uma comentário para Os políticos transformaram o Judiciário no poder mandatário!!! Fux: ‘Nós não temos um governo de juízes’

  1. Dalva Limeira disse:

    Eles invadem a competência dos outros poderes porque querem e lhes é conveniente. Para não entrarem no jogo desses políticos golpistas, bastaria que declarasse que o Tribunal não poderia se imiscuir nesse tipo de questão. Mas não fazem isso. Aliás, até agem assim, mas é só quando avaliam que podem prejudicar o Presidente Bolsonaro.

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

PUBLICIDADE

Busca no Blog

Arquivos