A oposição em Caxias vota contra aumento para o professor…

Publicado em   04/fev/2019
por  Caio Hostilio

É preciso compreender que oposição se faz com responsabilidade e com princípios republicanos, ainda mais quando o assunto é o aumento para os professores, que necessitam ser valorizados e estimulados na busca de uma educação de qualidade.

Logo, é importante saber que a Câmara de Vereadores de Caxias, num ato, na primeira sessão do ano de 2019, aprovou um aumento 4,17% ao corpo docente do município, mostrando, com isso, o comprometimento com essa classe que precisa ser valorizada. Essa foi uma boa notícia para os professores.

Porém, a oposição preferiu votar contra o aumento, sem buscar a capacidade orçamentária, as condições dos repasses federais e, principalmente, com a falta de saber debater, mas com a voluntariedade de aprovar um aumento que é necessário para a classe.

Dos 19 vereadores, os quatro oposicionistas votaram contra:

Vereadora Thays Coutinho

Vereador Tevi

Vereador Edilson Martins

Vereador Magno Magalhaes.

Sem nenhum critério que trouxesse os motivos que levaram esses oposicionistas a votar contra um aumento necessário aos professores, os seguidores desses vereadores contrários aos professores promoveram uma baderna generalizada na porta da câmara municipal. A polícia foi chamada e os manifestantes baderneiros chegaram a agrediram a polícia militar jogando ovos nos policiais.

Vale lembrar a esses opositores, que anteriormente aulas foram dadas debaixo de mangueira, cujo resultado foi uma avalanche de notícias nacionais.

Que aprendam que política não se faz com o fígado, mas sim com o cérebro, principalmente tendo a humildade em mensurar o que é importante para o bem-estar coletivo.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Busca no Blog