Governo persegue adversários e prejudica o povo, afirma Roseana

Publicado em   15/set/2018
por  Caio Hostilio


Ao visitar o município de Lajeado Novo, nesta sexta-feira, a candidata Roseana Sarney classificou de crueldade o fim dos programas sociais, o aumento de impostos e a apreensão de veículos adotados pelo atual governo. Ela declarou que as divergências políticas não podem causar prejuízos à população, como vem ocorrendo atualmente no Maranhão.

“Ao perseguir adversários, a gestão do atual governador persegue o povo. Ao tentar encobrir o meu legado não dando continuidade às obras da minha gestão, esquece dos mais carentes, que necessitam dos hospitais, da energia elétrica, do abastecimento de água potável, do leite das crianças. Mas eu vou trazer de volta todos esses benefícios, além de criar outros, como o Viva-Gás”, afirmou Roseana.

Na reunião que aconteceu na casa do ex-prefeito Deusdete Pereira, o Dete, estavam presentes o candidato a vice-governador, Ribinha Cunha, e os candidatos a senador Sarney Filho e Edison Lobão. A jovem vereadora Luana Pereira, 26 anos, disse que a história da sua cidade se confunde com sua admiração pela ex-governadora Roseana, que construiu praças, estradas vicinais, as sedes da Câmara Municipal e da prefeitura de Lajeado Novo.

“Nossa cidade só é um município emancipado graças à gestão da ex-governadora Roseana. As obras que executou e fez questão de voltar a cidade para inaugurar estão firmes e fortes até hoje, de escola a asfalto de qualidade. Ela construiu um hospital que era nosso sonho, mas o atual governo não entregou. Passaram-se quatro anos e o hospital virou um prédio abandonado. Nem as mães de Lajeado Novo têm direito de dar a luz aos seus bebês aqui. Nossos filhos nascem em outros municípios”, declarou.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Publicidade

Busca no Blog