Promessas… Alcance do poder… Mentiras!!!

Publicado em   12/jun/2018
por  Caio Hostilio

Desde a redemocratização as campanhas eleitorais foram marcadas por promessas mentiras… A iniciar pelo primeiro presidente eleito pelo voto do povo pós Regime Militar… O caçador de marajás, que não caçou ninguém… Apenas confiscou o dinheiro do pobre.

Um país para ser sério deveria cobrar e punir aqueles que não cumprem suas promessas mirabolantes de campanha, haja vista que por acreditar é o povo quem penará por quatro anos.

As promessas mentirosas passam a ser o carro chefe das campanhas eleitorais e o povo continua caindo nessas bravatas!!!

Diante das promessas mirabolantes de Flávio Dino, fiz diversos questionamentos, principalmente chamando à atenção sobre se o orçamento suportaria tanta bravata… O resultado está aí… Cadê a moradia para todos? As palafitas continuam sendo o cartão postal!!! Cadê a segurança eficiente para todos? São Luís faz parte do rol das cidades mais violentas do mundo!!! Cadê o mais IDH? Tudo não passou de bravatas, pois as cidades ditas com o menor IDH continuam onde sempre estiveram!!! Cadê a saúde para todos? O que se viu o esfacelamento do sistema e o não pagamento dos profissionais!!! Cadê a educação digna? Dignidade em educação está relacionada à qualidade no ensino/aprendizagem e a valorização do magistério… Sequer conseguem seguir o Estatuto do Magistério aprovado!!! Cadê o estimulo ao Turismo? Sequer consegue organização uma pauta para atrair turistas!!! Cadê a valorização da Cultura? A cultura é a identidade de um povo, logo não seria Agnaldo Timóteo que representaria a identidade cultural dos maranhenses!!! A tributação que deveria ser para todos, simplesmente favoreceu apenas o grupo Mateus e elevou o ICMS sobre a conta de luz dos mais pobres e sobre os combustíveis!!! Cadê a atração de investimentos, que por conseqüência alavancaria o emprego e renda? O que se viu foi o afugentamento de investidores, cujo resultado é a falta de emprego e renda…

Na verdade, nossa memória coletiva é tão sujeita a distorções como a memória individual. Os políticos sabem disso, e tentam a todo custo se aproveitar dessa falha. Prometem e não cumprem. Aprontam muito e tentam sair como vítimas.

O que se viu no Maranhão foi em 2014 o então candidato Flávio Dino começar a prometer coisas que não iria conseguir cumprir… Será que a mentira se repetirá nessa eleição? O Ruim de tudo é as mentiras se tornarem uma especialidade!!!

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Publicidade



Busca no Blog