Informativo

Publicado em   27/jan/2017
por  Caio Hostilio

Belezas naturais, histórias e culinária de São José de Ribamar serão destaque em programa de TV do Maranhão

A TV Difusora, canal 4.1 Digital, apresenta a partir deste sábado (28), às 8h30 da manhã, no programa Tudo de Bom, o especial gravado na cidade turística de São José de Ribamar. Conhecida nacionalmente como destino turístico religioso, São Jose de Ribamar que possui cerca de 389 anos de fundação tornou-se destaque por suas belezas naturais, histórias além da culinária que encanta visitantes com o famoso peixe pedra acompanhado do arroz de cuxá, sucesso não só no Brasil como internacionalmente. Serão cerca de 15 minutos dedicados a mostrar toda a exuberância da cidade. O jornalista e apresentador, Aecio Macc, que compõe o time de apresentadores também formado por Tadna Azevedo e Yago Brandão, conta que a escolha pelo destino foi pela rica história que o destino oferece bem como as curiosidades, “Nós enquanto maranhenses precisamos conhecer mais nossa história e destinos turísticos. Temos regiões incríveis que precisam ser divulgadas e nada melhor que iniciar por São José de Ribamar que além de potencialmente rica também atrai visitantes do mundo inteiro”, comenta. Gravação – Para desvendar os mistérios e segredos da cidade, os historiadores Antônio Miranda e dona Marly, contaram como surgiu o nome que deu origem a cidade e que é o padroeiro do Maranhão, passando pelas edificações até a construção do Santuário, considerado o mais importantes do Norte-Nordeste. “Temos uma rica história que precisa ser contada aos quatro cantos e como é satisfatório poder falar de nossa cidade”, disse Seu Antônio Miranda. Dona Marly conhecida pelo rico conhecimento do acervo histórico, também enalteceu a história da cidade, “Para mim é uma alegria poder falar de nossa história, de nossa gente”, destacou. Além do conteúdo histórico que será exibido, os apresentadores do Tudo de Bom também destacarão a partir desde sábado (28), os principais pontos turísticos da orla de São Joé de Ribamar além da culinária com destaque para o peixe pedra e arroz de cuxá. Você acompanha o especial Tudo de Bom às 8h30 na TV Difusora canal 4.1 Digital. São José de Ribamar é o terceiro município mais populoso do Maranhão, pertencente à região metropolitana de São Luís. É um dos quatro municípios que integram a Ilha de São Luís. Situada no extremo leste da Ilha, de frente para a Baia de São José, distante cerca de 32 quilômetros do centro da capital. Principais Praias – Praia de Banho próxima ao Centro, na Avenida Beira-Mar, a praia conta com estrutura de bares e restaurantes. Praia de Panaquatira, uma das mais visitadas recebe intensa influência das marés, alargando-se por vários quilômetros quando a maré está baixa, tornando-se ideal para passeios e caminhadas junto à natureza. As águas tranquilas são ótimas para banho. Praias do Meio e Araçagy ficam muito próximas de São Luís, mas pertencem a São José de Ribamar. É no fim de semana a grande movimentação de turistas e banhistas da capital, que vem em busca de águas mais limpas, petiscos e diversão.

Municípios maranhenses já podem retirar negativação do Cadastro Estadual de Inadimplentes

As cidades maranhenses obtiveram uma importante vitória esta semana. O governador Flávio Dino, durante reunião com o presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, prefeito Cleomar Tema (Tuntum), aprovou parecer normativo da Procuradoria Geral do Estado adotando novos procedimentos para que prefeitos e prefeitas possam retirar seus municípios da situação de negativação junto ao Cadastro Estadual de Inadimplentes (CEI). A medida – que desburocratiza o processo e permite que os municípios sejam beneficiados com convênios e parcerias do governo estadual nas áreas da saúde, educação e assistência social – foi considerada como a primeira grande conquista deste ano para o municipalismo no estado, uma vez que, até o mês passado, a referente demanda acabava sendo judicializada, situação não vantajosa para nenhuma das partes envolvidas. Só para se ter uma ideia, os municípios tinham que aguardar, na maioria dos casos, a obtenção de uma liminar, cujo prazo demorava até 60 dias para ser concedida,  e o estado acabava sendo condenado a pagar sucumbência de honorários. “Trata-se de uma grande conquista, no campo jurídico e administrativo, alcançada pelas cidades. Mais uma vez, o governador Flávio Dino mostra que tem compromisso com o fortalecimento do municipalismo no Maranhão”, afirmou Cleomar Tema. O novo parecer normativo,é importante destacar, cumpre o que reza a Lei de Responsabilidade Fiscal que, desde 2000, determina que as sanções de suspensão de transferências voluntárias não eram aplicadas as ações de educação, saúde e assistência social. Com o novo dispositivo, a partir de agora, os gestores devem adotar os seguintes procedimentos para regularizar a situação dos seus municípios: deve ser suspenso ou baixado o registro de inadimplência no CEI pelo órgão responsável pela inscrição do município que, sob nova gestão, demonstrar que a responsabilidade pela aplicação dos recursos recebidos pelo órgão estadual e prestação de contas respectivas era de inteira responsabilidade do gestor anterior; será exigido do novo gestor que comprove semestralmente ao órgão concedente, mediante certidão, o prosseguimento das ações adotadas, sob pena de retorno a situação de inadimplência; não será obstado, por inscrição no CEI, a formalização de convênios e outras avenças com municípios quando as ações a serem conveniadas disserem respeito às áreas de saúde, educação e assistência social. Prefeitos e prefeitas podem dirimir qualquer tipo de dúvida sobre o assunto mantendo contato com o setor jurídico da FAMEM, cujo telefone é (98) 2109 5417.

Deputado Junior Marreca vai a FAMEM em defesa do municipalismo

Na quarta-feira (25), o deputado federal Junior Marreca esteve na Famem em visita ao atual presidente da entidade, o prefeito de Tuntum Cleomar Tema. Marreca já presidente da Famem e é um dos lutadores assíduos pelo municipalismo. O deputado defende uma atenção da FAMEM a todos os prefeitos maranhenses, que precisam da entidade na busca de suas necessidades e, por isso, espera que o atual presidente busque, com toda sua capacidade técnica e política, viabilizar as condições na captação de condições para gerir a coisa pública nos municípios maranhenses.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Busca no Blog