Por que não Conceição Andrade?

Publicado em   11/fev/2012
por  Caio Hostilio

No dia 31 de janeiro de 2012, postei aqui a seguinte matéria “E agora PMDB? Cadê o vice?”, onde digo que o PT cumpriu sua parte em todos os parâmetros, agora é a vez do PMDB. Quem o PMDB tem a oferecer de peso para compor uma chapa majoritária ao lado do petista Washington Oliveira, que realmente possa fazer frente ao desastroso governo de Castelo e as candidaturas minguadas da “oposição”?

Hoje (11/02), estive no aniversário de 32 anos do PT, onde observei que a candidatura de Washington Oliveira pegou força e o partido abraçou com vontade essa candidatura… Mas quem é o nome para compor essa chapa como vice?

Na oportunidade disse até que o PMDB tinha nomes que poderiam encabeçar uma chapa e disputar com qualquer um candidato da “oposição” e com o atual prefeito tucano, mas que não podiam concorrer… Falei do senador João Alberto, do Chefe da Casa Civil Luiz Fernando, do Secretário de Saúde Ricardo Murad e do Secretário Hildo Rocha.

Também disse da importância do vice nessa eleição, visto que seu papel tem que ser de peso político e técnico, de alguém que conheça os problemas e saiba solucioná-los, pois é necessário conhecimentos para administrar uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes… Não cabe aí a escolha de amadores!!!

Falei que o PMDB tinha que apresentar nomes de peso que podiam alavancar a chapa encabeçada por Washington… Mas quem? Fora os nomes citados, quem seria os outros nomes? O de Helena Duailibe? Soma muito, mas será que está preparada pra guerra que será travada? Roberto Costa? Pode ser, mas ainda lhe falta maior capacidade no campo técnico. Max Barros? Um excelente, magnífico técnico, porém não é do jogo bruto da política. Gastão Vieira? Excelente técnico e grande político, porém não deixaria o Ministério para entrar numa chapa como vice. Citei ainda nomes como os de Raimundo Cutrim, César Pires (bem que o seu título é de Codó), Victor Mendes (o seu título é de Pinheiro), Conceição Andrade, Pedro Fernandes, Joaquim Haickel…

E falei: “Mas se fosse eu que tivesse que escolher, escolheria Conceição Andrade. Ela preenche requisitos excelentes. Foi prefeita de São Luís, isso por um partido de esquerda, o PSB, com total apoio do ex-prefeito Jackson Lago. Conhece os meandros da Prefeitura e sua estrutura, além do jeito usado pelos que estão no poder para assegurar os redutos eleitorais. Sabe debater bem no campo da esquerda. Conhece administração pública e o jogo político.”

Diante do que vi e pelo que conheço do jogo bruto da oposição, Conceição Andrade sabe peitar… Em 2006, ela mostrou a Jackson Lago que apoiaria João Castelo, pois o mesmo teria dito que o PSB era o vírus da oposição… Os históricos do PSB sabem que Conceição tomou aquela atitude porque seu governo foi manipulado pelo PDT, cujos companheiros de PSB, fora José Carlos Sabóia e Juarez Medeiros, não fizeram parte daquele governo que era do PSB…

Uma Chapa formada por Washington Oliveira e Conceição Andrade dará uma roupagem de lutas pelos movimentos sociais, pelos direitos dos trabalhadores rurais, pelo sindicalismo livre…

Que os articuladores pensem!!!

  Publicado em: Governo

7 Responses to Por que não Conceição Andrade?

  1. Pingback: A experiência política de Conceição Andrade | Blog do Robert Lobato

Deixe uma resposta

Busca no Blog

Arquivos