Arquivo do Autor

Assistam ao vídeo!!! Médico grava vídeo para mostrar a covardia da prefeitura de São Luís por não pagar salário

Postado por Caio Hostilio em 27/maio/2016 - Sem Comentários

sr allanNa verdade, o serviço público passou a utilizar do serviço terceirizado, isso visando baixar os custos. Sabe-se que essa atitude não trouxe economia alguma aos cofres dos municípios, estados e governo federal. Por outro lado, é visto sempre esses prestadores de serviço estarem reclamando da falta de pagamento, cuja desculpa é sempre a mesma: o contratante não cumpriu com o contrato, ou seja, não pagou. Quem sofre sempre são os funcionários dessas prestadoras de serviço, pois seus salários são atrasados em até seis meses. Que Holanda Junior tome as providências cabíveis, haja vista que se trata de serviço de higienização, coisa que está diretamente relacionada ao combate a infecção hospitalar.

Dr. Allan levanta denúncia de falta de pagamento com o serviço de limpeza de hospital público…

*O DESRESPEITO NÃO TEM LIMITES NA PREFEITURA DE SÃO LUÍS-MA.*

O prefeito de São Luís precisa saber que atrasar ou deixar de pagar funcionários fere cruelmente a dignidade de quem trabalha honestamente. Compartilhe este vídeo para os blogueiros informarem ao povo, como anda a gestão do atual prefeito de São Luís.

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=795179207279423&id=727136230750388

Como conviver com isso? ‘Não dói o útero e sim a alma’, diz menina vítima de estupro coletivo

Postado por Caio Hostilio em 27/maio/2016 - Sem Comentários

A exposição da jovem de 16 já foi compartilhada por milhões de pessoas, cuja crueldade ao mostrar a genitália da menor em vídeo vem apontar toda a brutalidade, a covardia, a barbárie e a desumanidade com uma menina que ficou dopada por mais de 48 horas por um bando de bandidos canalhas, que apostam na impunidade que é consolidada no Brasil.  

Extra

menorA jovem de 16 anos vítima de um estupro coletivo, no bairro de Praça Seca, na Zona Oeste do Rio, usou seu perfil em uma rede social para lamentar o ocorrido e denunciar a impunidade. Ao reeditar a mensagem que havia sido postada mais cedo, a adolescente acrescentou: “Todas podemos um dia passar por isso. Não, não dói o útero e sim a alma por existirem pessoas cruéis sendo impunes”.

msgestuproNa publicação original, postada na noite desta quarta-feira, a jovem agradeceu o apoio que tem recebido. “Venho comunicar que roubaram meu telefone, e obrigada pelo apoio de todos. Realmente pensei que seria julgada mal”, escreveu ela, que nesta manhã, editou a mensagem, acrescentando o novo trecho.

A mensagem já foi compartilhada centenas de vezes e mais de cinco mil curtidas. Entre os comentários da publicação, internautas oferecem apoio à jovem, mesmo os que não a conhecem.

“O Brasil todo está com você”, disse um deles. Outro acrescentou: “A justiça de Deus e dos homens serão feitas!”.

A adolescente também trocou sua imagem de perfil, que recebeu sobre seu rosto as seguintes palavras: “Eu luto pelo fim da cultura do estupro”.

Estupro coletivo teria sido motivado por vingança

A vítima de um estupro coletivo já foi ouvida pela polícia, no Rio de Janeiro. Em um vídeo que circula nas redes sociais, a jovem aparece nua e desacordada após uma sessão de estupro. As investigações continuam em andamento na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI).

Nas imagens, dois homens exibem a jovem: “Essa aqui, mais de 30 engravidou. Entendeu ou não entendeu?”, diz um dos homens na filmagem.

Os homens também exibem o órgão genital da jovem ainda sagrando. “Olha como que ta (sic). Sangrando. Olha onde o trem passou. Onde o trem bala passou de marreta”, diz o outro agressor, orgulhoso.

O caso ganhou repercussão pelo Twitter após os agressores divulgarem as imagens na internet. Além do vídeo, há pelo menos uma foto de um homem a frente do corpo nu da jovem. O perfil de um dos homens que postaram as imagens foi apagado.

A avó da jovem que foi estuprada por 33 homens revelou que o motivo do crime seria vingança do namorado. De acordo com a avó, a menina contou que ele cometeu o crime porque achava que havia sido traído. A menina, de 16 anos, não mora no Morro São João, na Praça Seca, Jacarepaguá, onde foi violentada. Ela freqüentava o local por causa do rapaz.

— Nós não conhecíamos esse namorado. Ela nunca o trouxe aqui — conta a vó.

Assistam ao vídeo!!! Rombo nas contas públicas é a herança maldita deixada pelo governo do PT, afirma Hildo Rocha.

Postado por Caio Hostilio em 27/maio/2016 - Sem Comentários

hildo rochaEm pronunciamento na tribuna da Câmara Federal, o deputado Hildo Rocha disse que o desequilíbrio das contas públicas é, de fato, uma herança maldita deixada pelo governo do PT. “Os números não mentem. Em 2003, quando Lula assumiu a presidência da República, a dívida pública era de R$ 1 trilhão e 600 bilhões. Segundo estimativas, até o final deste ano a dívida chegará a R$ 3 trilhões e 300 bilhões. Portanto, nesses 13 anos do governo, o PT deixou uma herança maldita. De janeiro a maio, o governo pagou R$ 140 bilhões só de juros. Com esse dinheiro daria para se construir 133 mil escolas”, declarou Rocha.

 Irresponsabilidade

O deputado atribuiu a Lula, e em especial Dilma, a responsabilidade pela crise econômica atual. “A presidente afastada, Dilma Rousseff, desrespeitou a Lei Orçamentária, a mais importante, depois da Constituição Federal. O governo do PT gastou mais do que podia e, ao desequilibras as finanças do nosso país, criou a grave crise econômica que hoje nós estamos vivendo. O número de desempregados não para de crescer. Mais de 11 milhões de trabalhadores estão sem trabalho”, destacou.

Adrea Murad: “Governo Flávio Dino quer acabar com a Expoema”

Postado por Caio Hostilio em 27/maio/2016 - Sem Comentários

Por Andrea Murad (Facebook)

13310538_1722759804679419_4141954067360248372_nO governo está decidido a tomar dos pecuaristas o Parque Independência, atualmente sob responsabilidade da Associação dos Criadores do Estado do Maranhão, que organiza todos os anos a tradicional EXPOEMA, maior evento do agronegócio no Estado.

Um evento que gera empregos, renda, abre portas para os negócios e agora ameaçado pelo governador Flávio Dino que inventou precisar da área para construir casas do Minha Casa Minha Vida.

A região metropolitana, com tantas áreas para projetos habitacionais, o governador quer exatamente o Parque Independência. Por que mexer logo com o Parque? Prejudicar os agricultores e pecuaristas? Além de ser uma desculpa para acabar com o Parque, já que todos nós sabemos, pela forma irresponsável que anda conduzindo o governo, que ele não levantará um tijolo para construir casas.

Pedirei na Assembleia a realização de uma audiência pública para discutir a situação da área e impedir que o setor seja tão prejudicado. Realmente ele não tem limite. Faz o que dá na telha sem pensar no quanto suas atitudes irracionais prejudicam o Estado.

O vídeo é de uma violência descomunal!!! Menina é estuprada por 33 bandidos

Postado por Caio Hostilio em 27/maio/2016 - 2 Comentários

estupro3‘Chorei quando vi o vídeo’, diz avó de garota estuprada em morro do Rio

A menina de 16 anos que foi vítima de um estupro coletivo em uma comunidade da Zona Oeste foi levada na manhã desta quinta-feira para o setor de ginecologia do Hospital Maternidade Maria Amélia, que é anexo ao Souza Aguiar, para fazer exames. A polícia já identificou dois dos criminosos, que terão as prisões preventivas pedidas. A vítima passou a madrugada no Instituto Médico Legal e já foi ouvida na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), que investiga o caso. O Ministério Público informou que está acompanhando o caso e que já recebeu 800 denúncias pela ouvidoria. Ao sair do hospital, a menor de idade, ainda muito abalada, disse que foi dormir na casa do namorado, na última sexta-feira, e só acordou no domingo.

201605261333194116— Quando acordei tinha 33 caras em cima de mim— disse a menina, que tentou diversas vezes fugir do hospital — Só quero ir para casa.

Aos choros, o pai da menina, que pediu para não ser identificado, disse que o estupro ocorreu na última sexta-feira, no Morro São José Operário, em Praça Seca.

— Ela foi num baile, prenderam ela lá e fizeram essa covardia. Bagunçaram minha filha. Quase mataram ela. Estava gemendo de dor. Ficou tão traumatizada que só conseguia chorar.

A avó da vítima, em entrevista à rádio CBN, disse que ela teria sofrido um apagão durante os abusos.

— O vídeo é chocante, eu assisti. Ela está completamente desligada. Ela tem umas coleguinhas lá, mas nessa hora nenhuma apareceu.

Eles, inclusive, postaram diversos comentários a respeito, todos eles irônicos. As imagens do estupro coletivo causaram revolta nos internautas.

Eram 15h de quarta-feira (25) quando a família de C.P., 16, recebeu o telefonema de um vizinho. Ele relatava que a adolescente havia sido estuprada no morro da Barão, em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio. Segundo ele, o crime havia sido registrado em um vídeo, numa rede social.

Mãe de um menino de três anos, a jovem estava deitada numa cama, seminua, e observada por um grupo de pessoas. A suspeita é que 33 homens tenham violentado a adolescente, como ela relatou depois.

O vídeo logo circulou pelas redes sociais, e, nas imagens, a vítima aparece nua, ferida e desacordada. Na gravação, um grupo de homens, em meio a risadas, toca nas partes íntimas da garota e diz que ela foi violentada por “mais de 30”.

“Chorei quando vi o vídeo. Choramos todos. Me arrependi de ter visto. Quando ouvimos a história, não acreditávamos no que estava acontecendo. É uma aflição muito grande. É uma situação deprimente”, disse a avó materna da adolescente, que pediu para não ser identificada.

A avó materna contou que a adolescente saiu de casa na sexta (20) dizendo que ia visitar amigas no morro da Barão. Só voltou na tarde de terça (24). Vestia roupas de homem e estava sem o telefone celular. Após uma noite de sono, acordou na quarta (25) dizendo que iria buscar o aparelho na favela.

Notícias

Postado por Caio Hostilio em 26/maio/2016 - Sem Comentários

Policiais Militares e Civis desarticulam uma quadrilha em Cururupu, deixando a população tranquila

Bom dia, Caio

A polícia civil de Cururupu em conjunto com a polícia militar, na noite de ontem (25), prenderam, Fábio Bezerra Souza Córtez, conhecido como “Paulista e Sintonia”, com várias passagens e condenações, inclusive em condicional, natural de São Paulo, o mesmo estava cumprindo pena em 2014 no presídio federal de Catanduva também foram presos Jorge Henrique de Oliveira, conhecido como “Thay” natural de Cururupu, também com varias passagens e condenações, César Ronaldo Costa Silva, de São Luís, e Luis Guilherme Costa, também de São Luís, todos presos em flagrante em delito, por associação criminosa, porte ilegal de arma e tráfico de drogas, os mesmos com exceção do Thay, fazem parte da facção do PCM, e estavam formando uma nova facção chamada de OCM, suspeita-se também  que os mesmos estejam envolvidos na queima de ônibus em São Luís,  possuindo ligações com outros da baixada e da capital. Outros envolvidos já estão sendo investigados, tendo fortes indícios de que foram os três que fizeram um assalto em em uma residência no Cohajap em São Luís, pois vários objetos relacionados com o crime foram encontrados com os mesmos.

EMAP notifica construtora que atua no Cais de Ribamar

A Empresa Maranhense de Administração Portuária – EMAP notificou a construtora responsável pela obra de requalificação do Cais de São José de Ribamar pelo não cumprimento de compromissos contratuais, o que levou à paralisação dos serviços. A ação foi feita de acordo com a Lei 8.666, que determina um prazo de cinco dias para que a empresa explique os motivos que levaram à não observância dos prazos e compromissos contratuais firmados. Ao final deste período, que se encerra no dia 2 de junho, caso a notificada não se mostre apta a honrar o contrato, a EMAP iniciará o processo de convocação da segunda colocada no pleito licitatório. As obras no Cais de Ribamar foram iniciadas em fevereiro deste ano, com projeto elaborado pela equipe de Engenharia da EMAP, que é responsável pela infraestrutura do terminal delegado. O foco do projeto é a recuperação do cais com a possibilidade de dar apoio a pequenas embarcações, mas sem perder de vista a vocação turística do município. A requalificação do Cais de Ribamar é uma antiga demanda da população do município que o Governo do Estado atendeu. As obras de revitalização e urbanização contemplam melhorias na área do entorno, ponte e píer do cais, incluindo restauração da iluminação, pavimentação e recuperação estrutural, construção de uma área de passeio público com praça, arborização, ciclovias e academia ao ar livre. Além disso está prevista a instalação de um posto policial.

Júnior Verde visita primeiro Centro de Tratamento de Resíduos do Maranhão

IMG_3219O deputado estadual Junior Verde (PRB) visitou na manhã desta quarta (25) as instalações do Centro de Tratamento de Resíduos (CTR), na área industrial de São Luís, o primeiro no Maranhão a dar o destino adequado ao resíduos sólidos descartados. As operações da primeira fase, que consiste na incineração, serão iniciadas no dia 02 de junho. Júnior Verde pretende, por meio da Assembleia Legislativa, incentivar parcerias público-privadas com o objetivo de garantir a destinação adequada do lixo produzido. A empresa já realiza um trabalho de recolhimento e seleção de resíduos em indústrias e hospitais da região metropolitana de São Luís. Todo o material recolhido atualmente é levado para o Aterro de Rosário. “Além de implicar em um custo muito alto, muitos resíduos altamente nocivos ao meio ambiente precisavam ser descartados no Aterro. Quando iniciarmos as atividades, tudo o que não pode ser descartado na natureza será eliminado através da incineração”, explicou o presidente da Maxtec, empresa detentora do CTR, Rogério Albino. A incineração consiste na primeira etapa. As próximas equivalem à seleção dos resíduos que podem ser descartados e que serão levados ao Aterro de forma rápida e adequada; e ao trabalho de reciclagem que será realizado em parceria com cooperativas, gerando emprego e renda. “Estão todos de parabéns. É uma iniciativa que representa, acima de tudo, responsabilidade ambiental. Mas também preocupa-se com o social. Levarei a todos os meus pares a ideia desse empreendimento, para que possamos contribuir com parcerias entre o poder público e empresas privadas, de forma a incentivar mais ações como essa”, declarou o parlamentar. O engenheiro químico do Centro, Juan Pablo Abreu Santini, garantiu que os gases provenientes do processo de incineração não poluirão a atmosfera. “Todo o procedimento será controlado, de forma que os níveis obtidos, de forma alguma representam risco ao meio ambiente”, assegurou. A secretária de meio ambiente do município de Cururupu, Elizabeth Furtado, também acompanhou a visita. “É uma louvável iniciativa. Só o volume de resíduos recolhidos pelo Centro já representa muito, pois eram materiais que seriam descartados diretamente na natureza. Ações como essa minimizam os impactos causados pelo descarte dos resíduos e deveriam ser prioridade”, disse Elizabeth.

Assistam ao vídeo!!! Wellington do Curso, em inserção do PP, mostra os problemas existentes em São Luís

Postado por Caio Hostilio em 26/maio/2016 - 1 Comentário

Por Wellington do Curso (Facebook)

wellington do cursoRetornamos hoje (26), por volta das 19h, a série de apresentações do novo Partido Progressista do Maranhão. O objetivo das apresentações nos programas de rádio e TV é fazer com que a população tome conhecimento dos nossos ideais progressistas e, então, renovar a esperança de reconstrução de uma sociedade mais justa, fortalecendo a coragem para continuar lutando para atenuar as problemáticas do passado, melhorar o presente e transformar o futuro do Maranhão e, assim, de São Luís.

Assista!

Compartilhe!

Acompanhe e participe desse novo jeito de fazer política!

Cadê a geração de emprego e renda, Flávio Dino? São Luís está no ranking das que mais demitiram

Postado por Caio Hostilio em 26/maio/2016 - Sem Comentários

FlavioDIno-1Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), foram perdidos, nesse mês, 1.704 postos de trabalho, em São Luís, ficando na 10ª entre todas as cidades brasileiras como a que mais perdeu postos de trabalho formais.

Quanto a geração de emprego em renda, nenhuma cidade maranhense figura, mostrando, com isso, que o governo de Flávio Dino não estimula e sequer tem algum planejamento para atrair investimentos e grandes empresas para o Maranhão.

Cadê a mudança?

VEJA ABAIXO AS CIDADES QUE MAIS DEMITIRAM E AS QUE MAIS CONTRATARAM

As 20 cidades que mais demitiram e seu número de habitantes:
São Paulo (SP): -10.761 (11.967.825)
Rio de Janeiro (RJ): -6.319 (6.476.631)
Salvador (BA): -3.695 (2.921.087)
Belo Horizonte (MG): -2.538 (2.502.557)
Coruripe (AL): -2.290 (56.631)
Recife (PE): -1.995 (1.617.183)
Campinas (SP): -1.986 (1.164.098)
Manaus (AM): -1.935 (2.057.711)
Barueri (SP): -1.768 (262.275)
São Luís (MA): -1.704 (1.073.893)
Jundiaí (SP): -1.575 (401.896)
São Bernardo do Campo (SP): -1.528 (816.925)
Niterói (RJ): -1.367 (496.696)
Curitiba (PR): -1.320 (1.879.355)
Macaé (RJ): -1.305 (234.628)
Natal (RN): -1.217 (869.954)
Vacaria (RS): -1.189 (64.857)
Maceió (AL): -1.141 (1.013.773)
Caxias do Sul (RS): -1.126 (474.853)
Teotônio Vilela (AL): -1.096 (44.169)

As 20 cidades que mais contrataram e seu número de habitantes:
Juazeiro (BA): 1.982 (218.324)
Pontal (SP): 1.894 (45.978)
Goianésia (GO): 1.219 (65.767)
Brasília (DF): 1.202 (2.914.830)
Alfenas (MG): 986 (78.712)
Morrinhos (GO): 953 (44.607)
Formosa (GO): 917 (112.236)
Itapetininga (SP): 771 (157.016)
Pitangueiras (SP): 767 (38.211)
Eunápolis (BA): 721 (113.191)
Franca (SP): 671 (342.112)
Itapemirim (ES):585 (34.272)
Brotas (SP): 584 (23.419)
Araraquara (SP): 538 (226.508)
Três Lagoas (MS): 518 (113.619)
Matão (SP): 516 (81.439)
Patos de Minas (MG): 491 (148.762)
Cristalina (GO): 467 (53.300)
Canoas (RS): 452 (341.343)
Araras (SP): 425 (128.895)

Andrea Murad denuncia falta de sangue para cirurgias de emergência nos hospitais de São Luís

Postado por Caio Hostilio em 26/maio/2016 - Sem Comentários

ANDREA MURAD 250526Em discurso na tribuna nesta quarta-feira (25), a deputada Andrea Murad denunciou que os hospitais públicos e privados de São Luís receberam um comunicado sobre a falta de bolsas de sangue para realização de cirurgias nas unidades e que por isso os procedimentos estão suspensos. O problema principal é a falta de insumos para processar o sangue, material adquirido pelo governo para o Hemomar.

“Os hospitais receberam comunicado ontem e nós queremos saber até quando o Governo Flávio Dino vai continuar com essa irresponsabilidade. Até quando as pessoas vão continuar morrendo por culpa da incapacidade técnica, da falta de responsabilidade desse governo que não sabe gerir a Secretaria. Cirurgias estão sendo suspensas. Quando a gente fala em cirurgias suspensas, trata-se de pessoas que estão correndo risco de vida”, discursou.

Andrea Murad foi aparteada pela deputada Nina Melo, médica, que destacou a importância da denúncia da líder de oposição, chamando a atenção do governo para o problema que deve ser imediatamente solucionado. Para a deputada Andrea, pacientes a espera de cirurgias de emergência correm riscos maiores já que os procedimentos estão sendo suspensos por falta de sangue.

“Uma providência deve ser tomada imediatamente. A justiça precisa entrar neste caso. A Promotoria de Saúde precisa entrar neste caso, precisa realmente tomar uma providência. Até no Socorrão falta sangue. Espero que o Governo tome providência e que realmente faça com que volte à normalidade. A normalidade é que tenha sangue e que os procedimentos voltem ao normal com as cirurgias ocorrendo, principalmente, nos casos emergenciais”, cobrou Andrea Murad.

Justiça decreta bloqueio de bens do prefeito Barreirinhas e do secretário de educação do Município

Postado por Caio Hostilio em 26/maio/2016 - Sem Comentários

leo-costaEm decisões datadas dessa terça-feira, 24, o juiz da Comarca de Barreirinhas decretou o bloqueio dos bens do prefeito do município, Arieldes Macário da Costa, do secretário municipal de Educação, Manoel Santos Costa Júnior, além de outros cinco requeridos: Ismar da Silva Freitas, Alcionete Coelho Cavalcante, José Mário Cardoso da Rocha, Edvaldo Almeida de Carvalho e Milton Silva Nunes, no valor total de R$ 262.495,00 (duzentos e sessenta e dois mil e quatrocentos e noventa e cinco reais).

As decisões atendem ao Pedido de Prisão Preventiva (processo 1023-44-2016) do secretário de Educação; do presidente da Comissão de Licitação do Município, José de Ribamar Laune Campelo; e dos réus Vivadavel da Costa Silva Sobrinho e Milton Ataíde Caldas, bem como às Ações Civis por Ato de Improbidade Administrativa (Processos 991-39-2016 e 908-23-2016) interpostas pelo Ministério Público do Estado do Maranhão contra os réus em face de “irregularidade na distribuição de merenda escolar do Povoado Palmeira dos Reis (zona rural de Barreirinhas)” (processo 991-39-2016) bem como de contratos fraudulentos de locação celebrados entre a Secretaria Municipal de Educação e particulares para funcionamento de escolas de ensino infantil e fundamental em diversos povoados do município (proc. 908-23-2016)

O imediato afastamento do presidente da Comissão de Licitação também consta da decisão judicial que determina ainda ao Município o prazo de até 30 (trinta) dias, para realizar, em caráter de urgência, obedecidas as formalidades legais, e supridas as ausências referidas pelo Ministério Público nos autos de Ação Civil Pública, bem como com seu simultâneo acompanhamento, novo procedimento licitatório para contratação do fornecimento de merenda escolar.

Quanto à ação que trata dos contratos de locação, “a suspensão imediata dos contratos envolvidos e a realização de novos contratos, com imóveis dignos e salubres para o exercício da atividade de educação básica” estão entre as determinações do juiz. “Em caso de inexistência de imóvel em condições dignas para locação, que a Prefeitura Municipal destine um transporte seguro e adequado nos termos da legislação em vigor e faça o redirecionamento dos alunos para escolas mais próximas, devendo buscar e deixar os alunos nas respectivas escolas e horários escolares”, determina o juiz.

Prisão preventiva – O juiz também determinou que “caso se conclua, no curso das investigações que as medidas ora determinadas foram descumpridas, mostrem-se insuficientes, ou caso surjam novas práticas que levem à conclusão de surgimento dos fundamentos legais” a prisão preventiva dos investigados poderá ser decretada.

Quanto ao pedido de afastamento liminar do Prefeito, presente em ambos os processos, diz a decisão que o autor da ação não demonstrou de forma satisfatória a presença dos requisitos legais para tanto. Segundo as decisões, “A regra, assim, é que apenas sentença condenatória transitada em julgado afaste um chefe de executivo. Para que liminarmente, quando nem iniciado efetivamente o processo, ainda, tal se faça, é necessário que a instrução processual corra concretos riscos. E estes, no momento, inexistem”.

Ressaltaram as decisões que “caso se conclua, no curso do processo, na instrução processual, ainda não iniciada” que presentes os requisitos legais “poderá [o Prefeito] ser liminarmente afastado”.

Para ambos os casos, o magistrado determinou o envio de cópia dos processos para a Câmara dos Vereadores de Barreirinhas, para analisar se instaura processo de impeachment contra o prefeito, e ao Tribunal de Contas do Estado. O prefeito e os demais requeridos, têm quinze dias úteis para apresentar defesa, em cada processo. Cabem recursos das decisões.

Fraudes – Conforme o Ministério Público em uma das ações (processo 908-23-2016), teriam sido celebrados contratos de aluguel de imóveis para funcionamento de escolas com vistas a se retribuir tão somente apoio político nas eleições municipais passadas, sem que funcionassem efetivamente nos imóveis.

Na ação que trata da merenda escolar, o Ministério Público alega que“conseguiu identificar diversas fraudes nos contratos para fornecimento de merenda, um prejuízo ao erário municipal que poderá alcançar R$ 7.695.714,45 (sete milhões, seiscentos e noventa e cinco mil, setecentos e quatorze reais e quarenta e cinco centavos)”.

Além das“licitações totalmente irregulares”, o Ministério Público Estadual narra “superfaturamento de preços; produtos entregues nas escolas com marcas diversas das exigidas nas licitações; itens não entregues ou enviados em quantidades menores; gêneros orgânicos estragados ou em condições impróprias ao consumo”.

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog