Arquivo de Maio de 2013

Notícias

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - Sem Comentários

Consumidor já pode resgatar ingressos de futebol pelo Viva Nota

Os consumidores cadastrados no Programa Viva Nota já podem solicitar o resgate dos ingressos de futebol para o 1º jogo das finais do Campeonato Maranhense entre Imperatriz e MAC a ser realizado, na quinta-feira (6), no Estádio Frei Epifânio, em Imperatriz-Ma. Segundo a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), o contrato celebrado entre a Sefaz e a Amaclube permitirá que o consumidor cadastrado no programa goze de mais este benefício. O contrato prevê a troca de ingressos para os dois jogos da final do Campeonato Maranhense e para os jogos da Copa União que será disputada no 2º semestre. Para a primeira partida da final ficou definida uma carga de 2.000 ingressos e para a segunda partida, a ser realizada em São Luis, 10.000 ingressos.

 

NOTA – SEMA

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema) informa que uma equipe técnica do órgão já está acompanhando e analisando a mudança na coloração da água da Lagoa da Jansen, fenômeno que vem sendo percebido desde a semana passada. A Sema trabalha para esclarecer o fenômeno e nega que este seja consequência de problemas relacionados a esgotamento sanitário e proliferação de algas, isso porque, nos últimos dias, o excesso de chuvas e as altas marés contribuíram para que a troca de água na Lagoa não acontecesse em sua plenitude.

Começa prazo para envio de dados do Censo Escolar

Escolas públicas e privadas de todo o país têm até o dia 31 de julho para enviar informações para o Censo Escolar 2013. Realizado pelo Ministério da Educação, com a coordenação estadual da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), o Censo Escolar é um levantamento de informações estatístico-educacionais, realizado anualmente em todas as escolas da educação básica (ensinos fundamental e médio). Com as informações reunidas no Censo, o Governo Federal realiza diagnósticos e análises sobre a realidade do sistema educacional e reúne subsídios para a definição e a implementação de políticas públicas voltadas para a promoção da qualidade do ensino. Os dados do Censo também são utilizados para a distribuição dos recursos do Governo Federal a Estados e Municípios, por meio do Fundeb.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Prefeitura de São Luís informa que a Blitz Urbana, órgão vinculado à Secretaria de Urbanismo e Habitação (Semurh), terá o horário de atendimento ao cidadão alterado, excepcionalmente, durante 30 (trinta) dias. A partir desta segunda-feira (03), o expediente dos setores de Protocolo e Call Center será das 13h às 19h, de segunda a quinta-feira, sendo mantido o horário normal de atendimento na sexta-feira, correspondente ao período das 8h às 14h. Após a normalização do sistema dos referidos setores, o atendimento será retomado no horário das 8h às 19h de segunda a quinta-feira.

Chiquinho Escórcio recebe integrantes da Associação dos Surdos de Imperatriz‏

Em mais um de seus compromissos na capital maranhense, o deputado federal Francisco Escórcio (PMDB-MA) recebeu na manhã deste feriado de quinta-feira (30), uma comitiva de mulheres que fazem parte da Associação dos Surdos de Imperatriz (ASSIM). Durante o encontro, Chiquinho apresentou suas ações na Câmara Federal em prol dos cidadãos brasileiros com deficiência e também voltados para incentivar a cidadania, como o Jogo da Solidariedade, que reúne todos os anos vários parlamentares e atletas, e cuja renda é revestida em investimentos em benefícios da população. As jovens ficaram bastante entusiasmadas e elogiaram a iniciativa do deputado. 

Santa Inês sediará a V Conferência Regional do Meio Ambiente‏

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema) realiza, na terça-feira (4), a Conferência Regional do Meio Ambiente no município de Santa Inês. Essa será a quinta etapa regional de uma série de 11 Conferências do Meio Ambiente que serão realizadas no estado até 5 de julho desse ano. No Maranhão, o evento foi iniciado em Chapadinha (8/5). Em seguida passou por Itapecuru Mirim (10/5), Barra do Corda (22/5) e Presidente Dutra (24/5). Em Santa Inês, a conferência será realizada, a partir das 7h30, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Ifma), na BR 316, s/nº, no Bairro Canaã, em Santa Inês. Vinte e nove municípios integram a Etapa Regional de Santa Inês. São eles: Altamira do Maranhão, Alto Alegre do Pindaré, Araguanã, Arari, Bela Vista do Maranhão, Bom Jardim, Bom Jesus das Selvas, Brejo de Areia, Buriticupu, Centro do Guilherme, Centro Novo do Maranhão, Conceição do Lago-Açu, Godofredo Viana, Governador Newton Bello, Governador Nunes Freire, Igarapé do Meio, Junco do Maranhão, Lagoa Grande do Maranhão, Monção, Nova Olinda do Maranhão, Pindaré-Mirim, Presidente Médici, Santa Inês, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, São João do Caru, Tufilândia, Vitória do Mearim e Zé Doca.

Secretário Luis Fernando profere palestra aos acadêmicos de Ciências Contábeis, na UFMA

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - 3 Comentários

Foto 1 Palestra Luis Fernando na UFMA foto Handson Chagas[1]O cenário e as tendências do setor público maranhense foram apresentados, na noite de quinta-feira (30), pelo secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, a acadêmicos durante o Encontro Maranhense dos Estudantes de Ciências Contábeis (Emaecic), que acontece até dia 2, na Universidade Federal do Maranhão, em São Luís. Na palestra magna, que teve como tema “Gestão Governamental: cenários e tendências do setor público”, Luis Fernando deixou como mensagem aos universitários que o desenvolvimento sustentável é possível, mas que exige do setor público eficiência, eficácia e efetividade.

Foto 5 Palestra Luis Fernando na UFMA foto Handson Chagas[1]Ele mostrou, por meio de números, que a economia do Estado está crescendo e dando credibilidade ao investidor que chega ao Maranhão para realizar investimentos de R$ 120 milhões.  O estado, segundo informou Luis Fernando tem hoje o 4º Produto interno Bruto (PIB) do Nordeste e o 17º do Brasil, com crescimento maior do que a média regional nos últimos anos.

“Mostramos para os acadêmicos a gestão pública como um fator indispensável para o alcance do desenvolvimento sustentável. Não falei de sonhos; falei de realidade, da situação do Maranhão que enfrenta uma situação de equilíbrio orçamentário. A governadora Roseana Sarney reequilibrou o Estado do ponto de vista orçamentário e financeiro, colocou as contas públicas no rumo certo”, observou Luis Fernando.

O Emaecic é um evento científico idealizado e realizado por estudantes, no intuito de contribuir com o conhecimento técnico social, político e cultural dos acadêmicos. O evento trouxe para o Maranhão profissionais e professores com excelência na abordagem do tema, contribuindo com sua formação sobre o setor público, através de palestras, painel e gincana.

Luis Fernando Silva foi convidado a proferir a palestra magna pela vasta experiência que tem nesta área. O secretário, além de um gestor, já foi professor dos cursos de Contabilidade e Economia. “O nome do secretário foi apresentado aos estudantes e prontamente aceito por todos. A pessoa mais indicada para falar do tema do evento é ele, que teve uma gestão de excelência quando foi prefeito de São José de Ribamar, reconhecida nacionalmente e agora como secretário de Infraestrutura”, destacou o coordenador geral do evento, Lucas Mesquita.  

Cerca de 400 encontristas participam do evento. O chefe do Departamento de Ciências Contáveis e Administração da UFMA, Francisco Gilvan Lima Moreira, completou as colocações do coordenador do evento dizendo que a experiência do secretário veio agregar mais conhecimento aos acadêmicos no que se refere ao Maranhão. “Muitas das informações repassadas pelo secretário durante sua palestra não eram do conhecimento dos estudantes”, observou.

O crime compensa? No Brasil compensa!!!

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - 11 Comentários

crime compensaUma das coisas que mais me irrita é escutar de politiqueiros e da mídia que o índice de criminalidade aumentou assustadoramente, porém não buscam a historicidade, baseada na dialética, para saber os reais motivos.

O que estimula a criminalidade no Brasil é a impunidade, coisa que do criminoso do colarinho branco ao analfabeto conhecem como ninguém.

Pergunte a um adolescente que ele resolva um calculo de matemática ou interprete um texto? Com certeza não saberá nem resolver o calculo e sequer a interpretação de um texto, porém tem decorado seus direitos constitucionais e usam desses direitos para a delinqüência, assim como são bem usados pelos bandidos por esse país afora.

A culpa encontrada pelos politiqueiros e pela mídia é o Aparelho de Segurança dos Estados e até o federal, porém são incapazes de buscar uma estatística em que mostrem quantos bandidos e assassinos foram presos pela polícia e em pouco tempo estão soltos.

Observa-se que muitos bandidos não ficam presos sequer por 24 horas, voltando, com essa facilidade, a praticar seus delitos.

Tive o desprazer de testemunha isso em diversas ocasiões. Tenho um amigo policial civil aqui no Maranhão, que vez por outra ele prende diversos traficantes, isso com flagrante, e no outro dia eles estão soltos e ainda gozam do policial.

Por isso, muitos policiais aderem à criminalidade, pois vêem que suas ações não surtem o feito desejado, com isso passam a fazer acordo$ com os bandidos.

Eu presenciei a invasão do Hotel Nacional, no Rio de Janeiro, por bandidos do Morro do Cantagalo, cujos hospedes foram usados como reféns e escudo.

Depois vi, pelo Jornal Nacional, um desembargador colocar todos soltos dizendo que os mesmos não traziam perigo à sociedade. Dos 19 bandidos, quatro já morreram em confronto com a polícia, cinco voltaram para prisão por outros delitos.

Surpreendi-me quando ex-delegado geral do Maranhão, Nordiman, disse-me que aquela quadrilha considerada a mais perigosa em assalto a bancos no Nordeste, presa no mês de março desse ano pela Polícia maranhense, já havia sido presa pela própria polícia maranhense em Imperatriz a menos de três anos, pude ver que a impunidade é o combustível para a criminalidade no Brasil dentro do seu contexto do estrato social.

Por outro lado, vêm os direitos humanos, que na verdade ampara os bandidos e crucifica os cidadãos de bem. Que país é esse?

As leis brasileiras são caducas e cheias de aberturas, embargos e outras futricas que ajudam muitos a ingressarem no mundo do crime.

É de transitado e julgado e até que se acabem todas as alternativas de defesa, isso com todas as provas mostrando o delito, fez com que no ano passado muitos políticos corruptos fossem reeleitos e eleitos nos mais diversos municípios desse país.

Estive em Istambul, Turquia, e em diversas cidades daquele país. Sempre busco informações sociais, políticas e econômicas dos países que já visitei. Istambul é uma cidade com 15 milhões de habitantes, mas que você não ver roubos, assaltos, crimes e demais delitos. Vi isso também no Chile. Sabem o porquê disso? As leis nesses países são duras, não dão brechas e sequer dão os mais diversos esgotamentos de defesa, principalmente quando o crime já foi mais que desvendado.

O certo é que o aparelho de segurança e o Poder Judiciário comungam dos mesmos princípios e seguem a risca todos os ditames.

É preciso mudar as leis brasileiras e impor segurança pública e justiça nesse país.

Portanto, antes de discutirem sobre aumento da violência, busquem primeiro saber a historicidade de todos que estão praticando esses delitos. Com certeza vão se surpreender o número de vezes que esses bandidos já foram presos e soltos!!!

Embolada em Carutapera: Flávio Dino fará encontro da EMBRATUR, mas usa funcionário da Prefeitura de São Luís!!!

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - 15 Comentários

edinaldoAs presepadas para uso indevido do dinheiro público é algo repugnante no Brasil. Mas ainda tem os “falsos moralistas” que dizem serem honestos, éticos e o escambau!!! Tudo balela!!!

Amanhã (01/06), sábado, acontecerá um encontro da EMBRATUR, com a presença do seu gestor, o Dr. Flávio Dino.

Não sei o que um encontro da EMBRATUR em Carutapera tem a ver com o turismo no Brasil, mais precisamente para o Maranhão. Mas vamos supor que existam atrações turísticas na região para que houvesse esse encontro da EMBRATUR.

Caso esse encontro fosse realmente da EMBRATUR, quem deveria está arrumando a infraestrutura, os deslocamentos, as diárias e, principalmente, o painel para o debate, teria que ser por funcionários da EMBRATUR e não da prefeitura de São Luís.

O certo é que o funcionário incumbido de preparar todo esse encontro da “EMBRATUR” em Carutapera é o ex-laranja de Edivaldo Junior nas eleições de 2012 e atual assessor da Prefeitura, o Edinaldo Neves.

Ora bolas!!! Querem enganar a quem? Usam o nome da EMBRATUR para formalizar os Diálogos de Flávio Dino rumo às eleições de 2014 e, ainda, usam funcionários e quiçá recursos da Prefeitura de São Luís!!!

Como confiar em políticos!!!

Criança encontra barata na refeição de restaurante em Shopping da capital

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - 7 Comentários

SLZ.com

Inseto foi encontrado durante almoço servido no Spoleto, nesta quinta (30).São Luís Shopping diz que lojista deverá esclarecer o ocorrido.

Foto do prato com o inseto chegou ao G1 por e-mail (Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal)

Foto do prato com o inseto chegou ao G1 por e-mail (Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal)

“A gente se sente agredido”. Foi com essa afirmação que a médica Graça Aragão procurou o G1, nesta quinta-feira (30), para denunciar que, durante almoço no restaurante Spoleto do São Luís Shopping, sua sobrinha de nove anos encontrou uma barata no prato.

“Isso é um risco à saúde de qualquer pessoa, ainda mais se tratando de uma criança. Uma funcionária me perguntou se eu queria o dinheiro de volta; apenas isso”, completou a médica, que procurou a gerência da loja sem obter sucesso.

Ainda de acordo com a tia da criança, o pai da menor, que é advogado, vai tomar as providências cabíveis junto aos órgãos competentes.

Após diversas tentativas, ninguém do Spoleto foi encontrado para falar sobre o assunto. Mas, por telefone, o setor de Marketing e Comunicação do São Luís Shopping informou ao G1 que é de responsabilidade de todos os lojistas do shopping a qualidade no atendimento e prestação de serviços e que o responsável pelo Spoleto será procurado para esclarecer o ocorrido e resolver o problema da melhor forma possível.

Shopping São Luís disse que vai procurar administração do Spoleto para esclarecimentos (Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal)

Shopping São Luís disse que vai procurar administração do Spoleto para esclarecimentos (Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal)

Por isso, continuo a questionar: Cadê os R$ 237 milhões recebidos pela Prefeitura de São Luís?

Postado por Caio Hostilio em 31/maio/2013 - Sem Comentários

Leiam essa mensagem do Facebook, em que Valquíria Santana faz um desabafo sobre o tratamento oferecido no Socorrão I e tirem suas conclusões.

Socorrão II

Esse desabafo só vem confirmar o que disse na matéria “Ministério da Saúde joga recursos públicos pelo ralo!!!”, publicada no dia 29 de maio de 2013.

Abaixo, parágrafos em que mostra a realidade da saúde no Brasil:

socorrão ISão Luís, capital do Maranhão, é um exemplo claro dessa falta de aplicabilidade dentro de suas prerrogativas, cujos recursos continuam sendo enviados, sem que ninguém cobre do gestor o cumprimento dessas aplicabilidades dentro das rubricas pré-determinadas.

Por outro lado, não se sabe se esses gestores estão cumprindo com os 15% de toda sua arrecadação na Saúde, pois não se ver uma fiscalização rigorosa nesse sentido.

O Programa Saúde da Família simplesmente se transformou num ralo do dinheiro público, cujos gestores alugam CRM de médicos que cumpre horários de trabalho extenso em suas cidades de origem. Aqui nesse blog denunciei um médico com especialidade em cirurgia plástica, trabalhando 60 horas semanais em São Paulo e consta do Programa Saúde da Família num povoado de um município do Maranhão.

O certo é que recursos existem e os programas são excelentes, porém a corrupção e a improbidade administrativa consomem mais de 80% dos recursos da Saúde.

O que precisa? Maior fiscalização!!!

A importância de preservar a cultura!!!

Postado por Caio Hostilio em 30/maio/2013 - 3 Comentários

Por que no Brasil, mais precisamente no Maranhão, os homens não procuram preservar a cultura de seus ancestrais? Isso é o mesmo que perder sua identidade, sua história, ainda mais quando ela é ricas nas mais diversas modalidades, tais como: a música, suas danças, seus ritos, sua poesia, sua literatura, sua arquitetura etc.

Vejo como o Europeu procura manter tudo que está relacionada a sua cultura de forma brilhante, com o respeito e amor não só pelos gestores, mas principalmente pelo povo.

É preciso amar a cultura!!! Foi com essa intenção que no dia 31 de agosto de 2011, escrevi “A verdadeira identidade de um povo está na sua cultura…

meubumbaboiA identidade de um povo está na sua cultura. Podemos entender como tudo aquilo que é construído pelo ser humano. Inclui os mitos, símbolos, ritos, todas as crenças, todo o conjunto de conhecimentos e todo o comportamento etc. Portanto, conhecer e valorizar a nossa cultura são auto-afirmações do que somos. Do contrário, poderemos ser conduzidos por qualquer maré que chega. Por exemplo, ser conduzidos pelo fenômeno da globalização (Não considerado seus valores) que busca homogeneizar as culturas locais a fim de controlar as nações do mundo com as doutrinas capitalistas. Este processo chama-se aculturação. Quer dizer, a infusão de uma cultura sobre outra a fim de matar uma.

Já a inculturação, por sua vez, pode ser considerada um fator positivo ou negativo, pois alude a incorporação de elementos de uma na outra. Falo negativo e positivo, porque o processo pode dar-se de modo imposto ou partilhado.

Contudo, as gestões públicas não se preocupam muito com os movimentos que mantém a chama acessa da identidade do povo… Talvez por achar desnecessário manter viva essa identidade, cujo nascimento vem das classes mais desfavorecidas.

Diante dessa premissa, é certo valorizar a cultura popular, haja vista que ela e tão importante quanto à literatura, a arte plástica, a arquitetônica etc. Foi através da cultura popular que pesquisas antropológicas e sociológicas chegaram a diversas características de nossos antepassados.

Uma das estratégias do capitalismo é apresentar lixos culturais através dos meios de comunicação de massa e outros meios. Chega até nós através da música, das propagandas comerciam auditivas e visuais, através da internet, principalmente através da TV, responsável por criar modismos incoerentes à vida de sofrimento do povo; criar deuses falsos a fim de ludibriar através da estética. Também, difundindo o estrangeirismo da língua e outros costumes.

A cultura de massa não pergunta se o povo quer, ela impõe. Por isso, não poderia de parabenizar o Iphan pelo registro do Bumba-meu-boi como Patrimônio Cultural do Brasil. Também a governadora Roseana Sarney, que sempre manteve viva a cultura popular maranhense, valorizando os grupos folclóricos.

Viva a verdadeira identidade de um povo… A sua cultura popular!!!

Relembrar é preciso!!!

Postado por Caio Hostilio em 30/maio/2013 - Sem Comentários

Como os políticos são ambiciosos!!! Vejo o quanto estão em busca sempre de puxar para sua brasa piranhas e não sardinhas. Por isso, é que vemos tanta traição, atropelos, rancores, vinganças e muito ódio. O caso da CPI do Bom Peixe é um exemplo claro de toda essa hipocrisia e falsidade na política, quando conseguem até se unir a um tubarão branco, que num piscar de olhos pode lhe arrancar um branco!!!

Lembro-me que fiz um texto sobre isso, exatamente no dia 04 de março de 2011, com o título “NA POLÍTICA: NÃO SE BRIGA POR PEIXE PESCADO”. Vamos ao texto:

peixepescadoPara pesca esportiva, pescar é o ato de fisgar o peixe, admira-lo, fotografá-lo e devolve-lo à água em perfeitas condições de sobrevivência. Enquanto que na política a coisa é diferente. Muitos políticos acham que não se deve brigar por peixe pescado (eleitores, correligionários, parceiros etc.). Aí é que entra os desconfortos e as magoas que podem transformar esses peixes em desafeto e, assim, mudar de águas.

É fundamental entender que o peixe pescado tem que ser bem tratado.  Mantê-lo em sua água, independentemente de estar dentro ou não das medidas estabelecidas. Trocar peixe pescado por peixes traíras é um dos grandes males da política.

Por isso é que se ver muita traição entre os políticos, pois não sabem tratar bem seus peixes pescados e partem para pescar os peixes dos outros, que na maioria das vezes é de espécies venenosa.

Um dos papéis mais importantes do guia da pesca política, até como garantia de sobrevivência, é manter e conservar primeiro os já pescados em ambiente, ou seja, ao seu lado.

Por isso, vale sempre lembrar: “lute primeiro pelo peixe já pescado”.

Chapadinha: Qual é a justificativa plausível para este hospital ter sido fechado?

Postado por Caio Hostilio em 30/maio/2013 - 1 Comentário

Abaixo, estão várias fotos de um dos hospitais fechados em Chapadinha pela atual gestão. Ele tem ala exclusiva para materno-infantil, uma semi-unidade de UTI e três salas de cirurgia.

Pelo que tudo indica, o referido hospital fechou para trocar as cores das paredes, enquanto isso é o povo que sofre com esse tipo de baboseira de logomarcas.

Sugiro a deputado estadual que apresente um projeto de lei que proíba o uso de logomarcas de gestões públicas em prédios onde estão instalados os órgãos públicos, servido, ainda, para automóveis.

Isso é o tipo do custo mais imbecil que já se viu nesse país!!!

Que a prefeita de Chapadinha, Belezinha, tome as providências o mais rápido possível para reabertura desses dois hospitais, que foram fechados irresponsavelmente, mesmo o município continuando a receber do Ministério da Saúde (fundo a fundo) o recursos para atender a saúde plena.

DSCN2680

DSCN2681

DSCN2685

DSCN2682

DSCN2688

DSCN2691

DSCN2746

 

O povo não quer pacto, mas sim ações!!!

Postado por Caio Hostilio em 30/maio/2013 - 1 Comentário

Holanda Junior, não se esconda atrás de pactos, busque ações que é disso que o povo precisa. Leia a matéria abaixo e veja como deve agir um gestor responsável com suas prerrogativas.  

PAC das Cidades Históricas vai beneficiar São Luís

Barreirinhas, Carolina e Imperatriz também receberão investimentos. Anúncio foi feito pelo ministro Gastão Vieira em entrevista às rádios do Brasil

gastão 5O ministro do Turismo, Gastão Vieira, participou na manhã de hoje do programa “Bom Dia Ministro” transmitido nacionalmente pela NBR TV. Entre os assuntos, o ministro destacou que São Luís (MA) será fortemente beneficiada pelo PAC das Cidades Históricas.

“Há uma enorme expectativa, tanto no Ministério do Turismo quanto no Ministério da Cultura, que a cidade de São Luís, que é monumento da humanidade, deverá ser contemplada com o PAC das Cidades Históricas, que a presidenta Dilma ainda vai anunciar. Entre as obras, a recuperação de prédios históricos e sinalização turística”, disse.

O ministro também lembrou que as cidades de Barreirinhas e Carolina foram incluídas no programa de investimentos em aeroportos regionais do Governo Federal e previu avanços no turismo com a iniciativa. “Vai ser (o Aeroporto de Carolina) uma alternativa de voo charter para quem quiser ir para Carolina, ou Imperatriz, usufruir das belezas do lugar”, ressaltou.

Gastão Vieira informou, ainda, que o MTur disponibilizou R$ 5 milhões para o projeto de ampliação da Avenida Beira Rio, em Imperatriz. Ele acrescentou que o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, comprometeu-se a criar um campus avançado do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia na cidade de Carolina, onde haverá formação profissional voltada ao turismo.

“Nós temos de ter pessoas especializadas nas várias áreas, nas várias oportunidades do turismo. Portanto, pensar nisso é o primeiro caminho para que se tenha efetivamente um bom atendimento ao turista”, concluiu Vieira.

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog