Lá um discurso, cá outro!!! Eduardo Campos chama de velhas rinhas embates entre PT e PSDB

Publicado em   22/fev/2013
por  Caio Hostilio

Vai entender “político”!!!! Rsrsrsrsrs. Aqui no Maranhão todos chegam é querem a rinha entre os anti-sarneys com os sarneys – coisinha que já encheu o saco, por isso o povo aposta muito numa 3ª via -, Mas lá os caras de pau chamam os embates de velhas rinhas, como se a daqui fosse novinha!!! Rsrsrsrsrsrs. Pois não é que Governador de PE criticou antecipação da disputa eleitoral de 2014, mas foi saudado com gritos de presidente em evento, na sua terra.

Aqui pensam que o Roberto Rocha e Ribamar Alves estão agindo por conta própria e até estranham o silêncio de Luciano Leitoa. Rsrsrsrsrs. Eles estão fazendo tudo de acordo com que quer o Eduardo Campos, basta observar a mudança de atitude rapidamente dos dois primeiros, principalmente o que estão falando nos últimos dias. Quem acreditou, foi porque quis, agora que se segure, visto que o PSB ver com bons olhos a 3ª via e não a candidatura de Flávio Dino… A 3ª via com certeza rende mais votos para Eduardo Campos numa eventual disputa ao Palácio do Planalto.  

Letícia Lins

eduardo camposGRAVATÁ (PE) – Após governo e oposição… “Uma pausa: Eduardo Campos é da oposição ou do governo? O seu PSB é da oposição o do governo? É melhor definir e ver se entrega os Ministérios, antes que usem novamente todo o recurso para a enchente por todo o país!!!”… anteciparem o debate eleitoral para a disputa presidencial de 2014, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), pediu moderação nesta quinta-feira, e criticou o que chamou de “velhas rinhas”. Segundo ele, a disputa entre PSDB e PT em nada contribui para o futuro.

Campos deu entrevista depois de cerimônia com 184 prefeitos pernambucanos, na qual foi interrompido seis vezes por aplausos e chamado aos gritos de “presidente”. No seminário Juntos por Pernambuco, ele anunciou um pacote de bondades de R$ 612 milhões para as prefeituras.

– Acho que esse é um ano complexo para o Brasil. Tudo que o país não precisa é estar montando palanque, manter essa velha rinha, discutindo o passado, coisas que não dialogam com a pauta do povo. A população está preocupada. O Brasil não cresceu no ano passado como se esperava, a gente tem que ajudar a presidente Dilma, ajudar a levar o país ao seu reencontro com o crescimento, que gera felicidade, oportunidade. Não é preciso eleitoralizar tanto a política brasileira assim. Sinceramente, não vejo como ajudar o Brasil, começando uma campanha eleitoral agora – disse ele.

O encontro ocorreu no município de Gravatá, localizado a 80 quilômetros de Recife. Em seu discurso, Campos também exaltou feitos do seu governo e fez promessas.

Êpa!!! Pelo que ler nessa matéria, quem está montando um palanque antecipado, é o presidente do PSB, o governador de Pernambuco Eduardo Campos.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog