Bloquinho 4 X 3 Blocão ou Blocão 4 X 3 Boquinho?

Publicado em   19/fev/2013
por  Caio Hostilio

untitledA bolsa de apostas está aberta!!! Caso fosse uma aposta de corrida de cavalos, diria que ficaria muito difícil dizer quem venceria, visto que os quadrúpedes foram adquiridos de ciganos, e como todo mundo sabe esses camaradas vendem até cavalo cego com olho de vidro!!!

Essa disputada toda é pelas comissões permanentes da Assembléia Legislativa do Maranhão. Êpa!!! Mas que comissões? Elas funcionam? Ah!!! Nas coxas, durante as sessões… O presidente dá uma paradinha e no plenário as comissões se reúnem e aprovam ou reprovam – de acordo com as conveniências – os pareceres já prontinhos.

Mas os dois blocos querem medir forças!!! Esse é o barato da Assembléia nesse primeiro semestre de 2013.

Os “oposicionistas” ficam de gaiatos no navio… Herbert Viana, esse teu verso caiu bem pra esses camaradas “entrei de gaiato no navio”.

Ontem (18), conversei com dois apostadores de peso. Um deles me disse que se fosse numa corrida de cavalo, apostaria no Blocão, pois o cavalo do bloquinho é um pangaré com duas patas quebradas, mas como é um jogo de xadrez, Blocão colocou o bloquinho em xeque. Mas cadê o xeque mate?

Outro apostador de peso, disse-me que o cavalo do blocão é um pangaré cego dos dois olhos e sem dentes, e que o xeque foi dado com um peão, coisa facilíssima de sair.

Vamos aguardar as próximas mexidas desse jogo prá lá de babaca!!!

  Publicado em: Governo

2 Responses to Bloquinho 4 X 3 Blocão ou Blocão 4 X 3 Boquinho?

  1. jORGE dAMOUS disse:

    ISSO QUE É GOVERNAR…EXPLICA AI DEFENSOR – MOR
    Agora tá explicado o porque da prefeita Teresa Murad (PMDB) ter realizado uma contratação direta por dispensa de licitação a um valor exorbitante, com uma empresa para auditar as contas da Prefeitura de Coroatáno período da gestão anterior (2008 a 2012).
    A empresa contratada para fazer a auditagem, o Instituto Brasileiro de Gestão, Transparência e Cotrole – IBGTC, é presidido pelo o advogado e contador Flávio Olímpio Neves.
    Flávio Olímpio, como todo mundo sabe – menos o Ministério Público, é funcionário do secretário de Saúde, Ricardo Murad, marido da prefeita de Coroatá.

    Além disso, ele é consultor de Orçamento da Assembleia Legislativa e concorre a uma vaga de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado (TCE). É mole!?

    O pior nisso tudo é que o Estado de Emergência decretado por Teresa Murad não à autoriza dispensar procedimentos

    Flávio Olímpio Neves
    licitatório para este serviço.

    O serviço a ser contratado com fundamento no estado de emergência é restrito à situação declarada emergencial.

    Portanto, é preciso que o Ministério Público se manifeste pelo cancelamento dessa imoral contratação sob pena de crime contra a administração pública. Do contrário, a mesma prática desenfreada do marido na Saúde, pode acontecer em Coroatá.

    • Caio Hostilio disse:

      Zé mané, veja o quanto tu és um imbecil. O cara tem contrato de excluvidade? Não!!! Ele é proibido em ter alguma empresa de consultoria? Não!!! Então, Zé Mané, vai catar procurar estudar e buscar outras formas para criar factóides, pois aí não tem nada de irregular…

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog