Basta ver as enroladas e os falsos moralistas ficam caladinhos!!!

Publicado em   08/fev/2013
por  Caio Hostilio

romero_renan_josecruz_abrEsse país é um barato!!! Hei Cazuza, as piscinas estão sempre cheias de ratos e ratazanas!!! Depois das eleições para presidentes do Senado e da Câmara dos Deputados começam vir a cair à máscara dos falsos moralistas e vêm à tona suas enroladas com a Justiça…

Bastou que fizessem uma festa com a denúncia sob opresidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), para ver que ele não está só. Mais da metade dos 11 recém-eleitos integrantes da Mesa Diretora da Casa está na mira do Supremo Tribunal Federal (STF). Além de Renan, também estão na lista de investigados os dois novos vice-presidentes, Jorge Viana (PT-AC) e Romero Jucá (PMDB-RR), o 1º secretário, Flexa Ribeiro (PSDB-PA), e os suplentes da Mesa Jayme Campos (DEM-MT) e Magno Malta (PR-ES). A situação não difere muito na Câmara, onde três deputados eleitos para os cargos diretivos também respondem a inquérito ou ação penal no Supremo. Ou seja, mais de um terço dos integrantes do novo comando do Congresso terá de conciliar as atividades do mandato com as explicações devidas à Justiça.

Aí você começa a mexer mais um pouquinho e ver que não são apenas os integrantes da Mesa com pendências no Supremo os únicos com problemas na Justiça.

Também sofrem investigações no STF os senadores Acir Gurgacz (PDT-RO), investigado por crime da Lei de Licitações desde 2011. Eduardo Amorim (PSC-SE) possui dois inquéritos em andamento. Em um deles, o líder do PSC é investigado por improbidade administrativa e no outro por captação ilícita de votos. O líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), também tem uma investigação em curso, por crime eleitoral.

Não para por aí, vem o lado da oposição, pois o líder da Minoria (oposição) no Senado, Mário Couto (PSDB-PA), também tem pendência judicial no Supremo. O senador cumpre acordo para encerrar o Inquérito 2539 por crimes eleitorais.

Também tem o senador Acir Gurgacz do PDT/RO, que é líder do partido no Senado e que apoiou o Tanques para presidência do Senado. Não é incrível? Ele responde ao Inquérito 3348, por crime da Lei de licitações. Procurado para se manifestar, o senador correu!!!

O senador Wellington Dias do PT/PI é outro que responde ao Inquérito de número 3363 – prevaricação e crimes contra a vida.

Se apurar mais, claro que acharam muitas outras coisas e jogarão por terra toda essa moralidade, assim como fizeram com Demóstenes Torres, desses falsários…  

  Publicado em: Governo

2 Responses to Basta ver as enroladas e os falsos moralistas ficam caladinhos!!!

  1. Pedro José disse:

    É isso aí… por isso que o pedido de silêncio do Sen. Pedro Taques em seu discurso de candidatura à presidencia do Senado foi ensurdecedor…um bando de covardes, com os rabos presos, que não tem coragem de mudar a realidade vergonhosa do Congresso Nacional. A cada dia que passa o CN perde mais o respeito do povo. E o “choro” do Suplicy! vergonhoso, pediu a palavra para dizer que tinha vergonha em votar em Renan Calheiros, mas não tinha coragem de ir contra os mandos do PT. Vergonhoso!

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog