Notícias

Publicado em   11/dez/2012
por  Caio Hostilio

“Devemos ter a grandeza de perdoar nossos inimigos” pregou Sarney em Missa de Ação de Graças do Congresso

O presidente do Senado Federal, senador José Sarney, participou da Missa em Ação de Graças do Congresso Nacional, celebrada na manhã desta terça-feira, 11. Sarney, que acumula a função de presidente do Congresso Nacional, agradeceu ao presidente da Câmara dos Deputados, deputado Marco Maia (PT-RS), aos senadores, deputados e servidores, de ambas as casas legislativas, o profissionalismo que dispensaram ao longo do tempo em que presidiu o Congresso. “Esta Missa de fim de ano faz parte de uma tradição antiga do Congresso Nacional. Sem dúvida alguma, ela reflete em nosso espírito cristão a gratidão a Deus, por mais um ano de vida, e também renova nossas esperanças, com a celebração do nascimento de Cristo e do novo ano”, disse Sarney. Emocionado, o presidente do Senado, pregou: “Se Deus foi tão bondoso nos dando a vida e nos dando seu filho, nós devemos praticar esse ensinamento e saber perdoar nossos inimigos. A política, que é uma arte, e tem seus momentos cruéis, talvez torne mais difícil a prática do perdão.” No mesmo tom, insistiu na pregação de Cristo: “Perdoai vossos inimigos. Esse é o mais difícil mandamento que nós temos que praticar. Devemos ter a grandeza de saber perdoar os nossos inimigos!”

Qual seria a recompensa dos demais? Câmara realizou hoje audiência com estados não sedes da Copá de 2014

Após requerimento do deputado federal Francisco Escórcio (PMDB-MA), a Comissão de Turismo e Desportos da Câmara Federal realiza hoje (11), às 14h30, uma audiência pública para tratar do tema “Estados que não participarão diretamente da Copa do Mundo de 2014”.  “Não é possível ou admissível que estados onde vão ser sediados os jogos da Copa ganhem construção de estádios, verba para mobilidade urbana, financiamentos públicos para hotelaria e outros benefícios, enquanto os 15 estados não tenham uma compensação. Não é justo e nem aceitável não integrarmos estes estados e tratá-los como estados de segundo plano”, defende Chiquinho Escórcio. Foram convidados os governos dos estados não sedes da Copa do Mundo de 2014; representantes dos Ministérios da Integração, Esporte e Turismo; a Confederação Brasileira de Futebol, a Comissão Organizadora da Copa de 2014 e o presidente da Confederação Nacional do Turismo.

Nas mãos de Celso de Melo!!! Câmara e STF estão a um voto de crise institucional

Tudo leva a crer que Celso de Mello deve confirmar cassação de condenados no mensalão e desencadear guerra jurídica com o Legislativo. Marco Maia promete resistir a eventual decisão. Juristas se dividem. O voto do ministro decano do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, deve desencadear uma briga jurídica entre a mais alta corte e a Câmara. Os ministros encerram amanhã (12) a discussão sobre a perda do mandato dos três deputados condenados no processo do mensalão. Declarações já dadas pelo ministro indicam que ele se alinhará à corrente liderada pelo relator do caso, Joaquim Barbosa, para que os parlamentares sejam cassados como consequência da condenação. O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), já avisou que não aceita o que chama de interferência do Judiciário sobre o Legislativo. Segundo ele, o país não é mais uma “ditadura” e só o Parlamento pode cassar o mandato de um deputado ou senador. Especialistas se dividem ao tratar do assunto. A maioria deles, porém, considera o voto de Joaquim “um equívoco jurídico”, mesmo que a permanência de um deputado condenado no exercício do mandato configure uma situação “legal, mas imoral”. Mas também há, entre eles, o entendimento de que a Constituição é confusa ao tratar do tema.

Polícia Federal Relata IPL Operação Alien

Seduc discute em seminário desempenho dos estudantes na Prova Brasil e Saeb 2011

O desempenho dos estudantes maranhenses nas avaliações nacionais foi discutido nesta terça-feira (11), durante a abertura de seminário “Maranhão – Resultados da Prova Brasil/Saeb 2011”, promovido pela Secretaria de Estado da Educação, por intermédio da Supervisão de Avaliação Educacional. O evento foi aberto pelo secretário Pedro Fernandes, que destacou a importância da divulgação desses indicadores para que os gestores de todos os municípios conheçam a realidade de suas escolas. O secretário Pedro Fernandes explicou que, com o conhecimento desta realidade, os gestores poderão adotar políticas públicas que resultem na melhoria da qualidade de ensino e dos indicadores educacionais. Para Vera Lúcia, Supervisora de Avaliação Educacional da Seduc, os resultados da avaliação feita em 2011, divulgados em agosto deste ano, foram satisfatórios. “O Maranhão vem alcançando as metas estabelecidas pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para o ensino médio, mas é preciso crescer na proficiência”, disse coordenadora estadual da Prova Brasil/SAEB.

  Publicado em: Governo

2 Responses to Notícias

  1. Edmilson disse:

    Camarada,

    Uma dica pra voce: tem muita gente do interior fazendo fila pra entrar no governo de edivaldo. tem um verdadeiro trezinho da alegria querendo se pendurar na viuva ate 2014.

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog