Prédios que abrigam os 30 ministérios sofrem com toda a sorte de problemas

Publicado em   26/nov/2012
por  Caio Hostilio

Ainda pensam que tudo de ruim só existe na sua casa!!! Isso aí só mostra a falta de sintonia entre a atividade fim e a meio, coisa que se tornou rotineira nas gestões públicas desse país nas três esferas.

Saulo Araújo

Saúde vai mal: fachada revela parte das deficiências

Mofo, infiltrações, paredes rachadas e fios expostos são problemas comuns nos 19 prédios situados na Esplanada dos Ministérios. Apesar de abrigar os órgãos mais importantes do governo federal, as edificações carecem de reparos pontuais. As falhas parecem pequenas, mas irritam e preocupam os servidores. Especialistas ouvidos pelo Correio alertam que a falta de manutenção periódica pode, futuramente, comprometer a estrutura das instalações. Hoje, o Corpo de Bombeiros começa a vistoriá-las. A primeira pasta a ser inspecionada é a do Esporte, onde um eletricista da Companhia Energética de Brasília (CEB) morreu há 10 dias, após a explosão de um gerador.

O engenheiro civil e professor da Universidade de Brasília (UnB) Dickran Berberiam critica a fórmula de “maquiar” os ministérios com pequenas modificações. Ele alerta para a necessidade de inspeções criteriosas e com periodicidade regular. “Em Brasília, como as construções são, de um modo geral, muito boas, os gestores acabam relaxando e promovendo apenas reparos que escondam os problemas a olho nu. Mas os prédios não são eternos. Pelas normas brasileiras e internacionais, a cada cinco anos, deve ser realizada uma vistoria normal e, a cada 10 anos, uma inspeção rigorosa. Mas a realidade é que ninguém faz esse tipo de prevenção”, afirma o docente, também especialista em patologia de estruturas.

  Publicado em: Governo

2 Responses to Prédios que abrigam os 30 ministérios sofrem com toda a sorte de problemas

  1. Antonio Lima disse:

    Professor, lá como cá o descaso é o mesmo… Sabes aqueles prédios que estão sendo construídos em frente ao Cohafuma?
    Pois é, tem um que estar sendo levantado quase que em cima da avenida Luis Eduardo Magalhães.
    No Maranhão Novo, quase em frente à uma secretaria da Prefeitura estão fazendo uma obra que uma das colunas estar sendo fincada praticamente no passeio.

    Não é possível que não tem ninguém da Prefeitura que veja uma aberração daquela!

    É muito pouco caso com os interesses da coletividade!

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog