Deputados disparam contra secretários que buscam uma cadeira no Legislativo

Publicado em   19/nov/2012
por  Caio Hostilio

Os deputados Hélio Soares e Tatá Milhomem dispararam contra os secretários – os ditos técnicos – que pretendem disputar as eleições em 2014.

Eles não citaram nomes, mas quem acompanhou as eleições municipais e o Diário Oficial, observa as movimentações dos secretários que pretendem ingressar na vida política.

Em minha opinião, isso é um desrespeito a bancada eleita e aqueles que ficaram na suplência, haja vista que não dispõem das mesmas condições políticas/econômicas que estes secretários passam a obter a partir de agora.

Fica evidenciado que muitos deputados, que hoje lutam para manter o grupo coeso podem perder seus prefeitos, pois não terão como concorrer com secretários de ponta.

O pior de tudo é que muitos desses secretários candidatos passam a lutar por suas eleições e não pela eleição majoritária.

Por outro lado, os atuais deputados podem ver suas bases sendo tomadas e passar a brigar por sua eleição e por traição pedir voto para o candidato majoritário de oposição.

Em conversa com um deputado, ele disse-me que os deputados secretários é algo comum e eles abrem a vaga sempre para um suplente. “O Ricardo Murad, por exemplo, não toma base eleitoral de nenhum deputado. Ele ainda conseguiu que um prefeito continuasse votando em mim e votasse em nosso candidato em 2014. Não vejo os outros secretários fazendo isso”.

Os pensamentos dos deputados Hélio Soares e Tatá Milhomem foram compartilhados pelos demais deputados da base.

Seria providencial que os partidos da base aliada do governo observassem com cuidado tais filiações e candidaturas, além do governo analisasse alguns convênios pra lá de esquisitos…

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog