Confecção de quatro mil cruzes em tempo recorde deixa dúvidas sobre os crimes em Barra do Corda!!!

Publicado em   02/out/2012
por  Caio Hostilio

O deputado Rigo Teles disse, hoje (2), da tribuna da Assembleia Legislativa, que de todos os crimes políticos ocorridos no período eleitoral no Maranhão o mais grave foram os praticados contra o vereador de Barra do Corda, Aldo Andrade (PSDC) e contra o borracheiro Almir, assassinados, a tiros, no dia 22 de setembro, quando se encontravam consertando um veículo em uma borracharia.

Para o deputado, os crimes se tornaram ainda mais graves porque foram cometidos após um grande comício de sua coligação política em Barra do Corda que apóia o candidato a prefeito Carlito Santos (P T do B). Segundo ele, o comício foi encerrado às 10h, com a participação do pastor líder das igrejas evangélicas, seguido da bela apresentação de uma cantora evangélica.

Rigo lamenta que por volta da meia noite de sábado, dia 22 de setembro, ocorreu os dois covardes crimes. “O que me chamou mais atenção foi que no domingo, 23, à tarde, foram vistos, perto da rodoviária de Barra do Corda, dois caminhões carregados de cruzes. Para a surpresa de todos, na segunda-feira, 24, ocorreu uma manifestação com o uso de mais de quatro mil cruzes”, estranha.

Na avaliação de Teles, o fato é muito estranho e chamou atenção de toda a população de Barra do Corda, principalmente por causa da rapidez com que as quatro mil cruzes (de madeira cerrada, lixadas e pintadas de Branco) foram confeccionadas. “É impossível fabricar quatro mil cruzes em apenas um domingo e na segunda-feira elas já estarem prontas para distribuir durante uma manifestação popular”, disse.

Mistério… Caso tudo isso tenha acontecido, o que poderia ter levado esses crimes? Eis a questão!!!

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog