Comarca de Bacuri determina afastamento do prefeito de Apicum-Açu

Publicado em   03/ago/2012
por  Caio Hostilio

A responsabilidade pelos péssimos índices do IDH e da educação não é só de um gestor!!! No Maranhão são 218 gestores públicos, sendo um estadual e duzentos e dezessete municipais, que recebem bilhões e bilhões anualmente, que representa de cinco a seis vezes mais o orçamento total do estado e ninguém fala sobre o destino desse dinheiro, que se estivesse sendo bem aplicado, com certeza o IDH desse Estado não estava péssimo!!! Por outro lado, são esses 217 gestores os responsáveis pelo ensino infantil e o fundamental – que representa o pilar da educação. Esses gestores recebem recursos altíssimos do Fundeb e do FNDE (PDDE, merenda, transporte e PDE). Recebem recursos do SUS. Recebem FPM. Recebem ICMS. Recebem convênios federais e estaduais, além de emendas de parlamentares estaduais e federais, fora recursos da Funasa e do INCRA… Todos se calam… Alguém comenta quantos pedidos de afastamento desses gestores foram pedidos pelo MPMA, TCE e TJMA? Não!!! A politicalha aqui fala mais alto…

Em decisão proferida na manhã desta sexta-feira (3), o titular da Comarca de Bacuri, juiz Marco Adriano Ramos Fonsêca, declarou a “inabilitação do prefeito de Apicum-Açu (termo judiciário), Sebastião Lopes Monteiro, para a permanência no exercício do cargo, por decorrência da suspensão dos direitos políticos”.

Na decisão, o magistrado determinou ainda que “seja investido no exercício do cargo o vice-prefeito do município, Carlos Alberto Franco, para o término do mandato de chefe do Poder Executivo Municipal”.

Ainda segundo o documento, “a presidente da Câmara de Vereadores de Apicum-Açu deve ser cientificada da decisão para viabilizar a investidura do vice-prefeito no cargo de prefeito, convocando a respectiva sessão solene extraordinária e lavratura da respectiva ata e termo de posse”. O prazo para o envio da documentação ao Juízo é de cinco dias.

O prefeito afastado deve ser intimado da decisão. O gerente da agência do Banco do Brasil de Bacuri e a 107ª Zona Eleitoral também devem ser cientificados da determinação. Consta do documento: “A presente decisão já serve de mandado”.

Improbidade administrativa – A determinação decorreu do trânsito em julgado da sentença que condenou o prefeito à suspensão dos direitos políticos pelo prazo de três anos, nos autos de Ação de Improbidade Administrativa.

Na decisão, o magistrado indeferiu a questão de ordem suscitada pelo requerido Sebastião Lopes Monteiro, que sustentou irregularidade no ato de intimação da sentença e pretendia a republicação e reabertura do prazo para interpor o recurso de Apelação.

A alegação do prefeito é de irregularidade processual por ausência de intimação do requerido acerca da renúncia do anterior advogado constituído, bem como nulidade da publicação da sentença via DJE (a sentença foi publicada em 20/03/2012), posto que não constou o nome de qualquer procurador do requerido, violando os princípios do contraditório e ampla defesa.

Na interpretação do magistrado, o requerido não foi diligente a providenciar a regularização da representação processual dos advogados que obtiveram carga dos autos, e agora, nesta etapa processual, após o trânsito em julgado da sentença, tenta apresentar o argumento da sua própria inércia em seu benefício.

Continua o juiz: “nesses termos, não houve qualquer irregularidade na continuidade da tramitação do feito, bem como na intimação realizada via Diário Eletrônico em nome do requerido, vez que o processo e os prazos processuais prosseguem sem a necessidade de intimações em situações dessa natureza, diante da ciência inequívoca do requerido acerca da renúncia do advogado anterior e a ausência de regular constituição de novos patronos, negando seguimento ao Recurso de Apelação que foi interposto após o trânsito em julgado da Sentença”.

  Publicado em: Governo

2 Responses to Comarca de Bacuri determina afastamento do prefeito de Apicum-Açu

  1. Fernando disse:

    Mais um bandido para entrar na lista, rapaz que diacho hein meu amigo. Depois atualize a lista dos corruptos (Prefeitos e vereadores) e volte a publicá-la aqui em seu blog. Eita quadro deprimente este. Como é que se melhora IDH desse jeito???? Nunca!!!

    • Caio Hostilio disse:

      É por isso que sempre pergunto: Cadê os bilhões e bilhões que vieram para os municípios maranhenses?

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog