O que vem por aí no palanque eletrônico?

Publicado em   24/jul/2012
por  Caio Hostilio

Os marqueteiros devem já ter inventado fórmulas mirabolantes para defender seus clientes e outras para atacar seus opositores!!! Preparem os ouvidos e os olhos para as enganações, as caras e bocas daqueles que deveriam fazer parte de um quatro no Zorra Total!!!

No palanque eletrônico, o politiqueiro enganador sabe que está falando apenas para o seu marqueteiro, seus cupinchas mais próximos e pro cinegrafista – que o vê através da lente -, então ele pode mentir a vontade.

O povo está vacinado com essa estratégia macabra de enganação, principalmente com a história de campanha propositiva, coisa que morre nos palanques eletrônicos, não seguindo para os compromissos de gestão.

Tem aqueles que usarão o palanque eletrônico para transmitir a falsa moralidade e ética, quando todos sabem que os partidos políticos brasileiros são iguais em tudo, principalmente quando o assunto e desvio de dinheiro público, nepotismo, acomodar companheiros de partido e a luta pelo poder. O povo que se dane!!!

Debate franco? Isso é algo difícil!!! Vai pintar o metido a santo, quando na verdade não passa de um gatuno; mensurar suas últimas ações, mais precisamente na aplicabilidade dos recursos destinados.

Vale ressaltar que o Brasil e, em especial, o Maranhão, vive nos dias de hoje um momento em que pela primeira vez na história consegue casar em sua agenda o desenvolvimento econômico, social e democrático. No entanto, este desenvolvimento só poderá apresentar um futuro melhor para o país se antes ajustar suas contas com a impunidade e a corrupção. O povo cobra por isso.

A população já tem a consciência de que a corrupção é uma das mais dramáticas mazelas que assola o Brasil – Do Federal ao Municipal – e que o combustível é a impunidade. Não vendo solução, o eleitor quer ver esse debate entre os candidatos e, assim, poder mensurar quem é o menos corrupto.

O incontável escândalo, dos últimos anos, constitui a corrupção como tema de fundamental importância a ser debatido no cenário eleitoral de 2012. Faz-se presente em qualquer instância do poder, como um polvo de tentáculos avassaladores, e parece contaminar a administração pública e privada de forma indiscriminada.

Observa-se que a corrupção está inserida em todos os segmentos sociais, econômicos e políticos. É certo afirmar que a corrupção faz parte da vida política nacional desde o momento da Proclamação da República, ou seja, ela é fruto da cultura portuguesa e foi evoluindo.

Não conseguimos construir uma cultura republicana na qual as coisas públicas pertençam, de fato, à população. Assim será em 2012. Não tenham dúvidas, pois o povo sabe que todos estão amarrados numa mesma estaca.

Vale dizer, dizer, ainda, que a corrupção faz parte do DNA dos seres humanos… Ela é globalizada e afeta não só os problemas como também a solução: as novas realidades globais favorecem a corrupção, e também serve, de outras maneiras, para desmascará-las e coibi-las

Portanto, vale ressaltar que a corrupção está inserida em todos os Estados modernos e que o Brasil não foge a regra.

  Publicado em: Governo

4 Responses to O que vem por aí no palanque eletrônico?

  1. S disse:

    PROFESSOR, SEI QUE O QUE EU VOU POSTAR NÃO TEM NADA HAVER COM A MATÉRIA MAS QUERO APROVEITAR A UTILIDADE PÚBLICA DO SEU BLOG E DENUNCIAR O PERIGO QUE AS PESSOAS ENFRENTAM NOS SEMÁFOROS DA ROTATÓRIA DO SÃO FRANCISCO! POR QUE OS SINAIS A PARTIR DE 10:00 HORAS NÃO FICAM PISCANDO? JÁ VISTE A QUANTIDADE DE MARGINAIS ALI?
    E O SINAL DO COC PRA PEDESTRE ATRAVESSAR NA HOLANDESES? TEM ALUNO DO COC 10:00 HORAS DA NOITE INDO PRO COLÉGIO???

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog