Flávio Dino e seus seguidores desconhecem totalmente de gestão pública…

Publicado em   18/jul/2012
por  Caio Hostilio

Após verificar os comentários do post da matéria “Sabem quando o Maranhão mudará de fato? Quando nascer aquele que realmente deixar de ser demagogo e não usar do populismo barato para promover uma falsa libertação!!!”, onde faço um comentário sobre sua resposta a essa pergunta de jornalista Felipe Klamt: Conversando sobre as eleições municipais e estaduais, Flávio Dino expôs o que ele entende por mudança política no Maranhão. “Em primeiro lugar, fazer um governo por aquelas pessoas que mais precisam. Hoje o modelo oligárquico faz o contrário: concentra riqueza na mão de poucos. Em segundo lugar, um governo que ouça muito a população, que esteja perto do povo. Que tenha humildade para aprender com a população e saber ouvir as demandas da população. Em terceiro, governar com competência e honestidade. O orçamento do governo do estado, de mais de R$ 12 bilhões, é mais que suficiente para dar conta das tarefas fundamentais de governo. Eu tenho dimensão da responsabilidade que é fazer isso, mas tenho a certeza que se Deus quiser e se a população nos der essa confiança, a gente vai conseguir fazer aquelas três mudanças fundamentais a que me referi.”, verifiquei que os seus seguidores tentaram arrumar argumentos e a emenda saiu pior que o soneto.

Primeiro, chegaram a dizer que o Flávio passou em primeiro lugar no vestibular para Direito e no Concurso para juiz, mas quem foi que disse que isso o credencia a ser um excelente gestor? De onde tiraram isso? Ele estudou para ser para ser advogado e não administrador, além de não ter mostrado em nenhum momento em sua vida algum tino administrativo.

Outras ratadas para quem tem pretensões em ser governador de Estado… Ele fala de um Orçamento de R$ 12 bilhões, como se não houvesse os custos fixos e os variáveis, que consomem mais de 60% do Ativo.

O seu desconhecimento beira a insensatez com a coisa pública e as esferas governamentais. O seu populismo o faz esquecer que os municípios maranhenses recebem em recursos mais de 4 ou 5 vezes mais que o orçamento anual do estado e que os municípios maranhenses é o 6º a receber mais recursos entre os dos outros estados.  

É certo afirmar que a administração pública é algo complexo e recheado de dificuldades e complicações no que tange suas ações sociais, políticas e econômicas e a causa está pauta exatamente na falta conhecimento por parte dos gestores.

A maioria esmagadora dos políticos termina se ligando mais nas ações políticas do que nas ações e princípios da gestão pública… O resulto é essa confusão que vemos em pessoas que deveriam cobrar dos gestores municipais as aplicabilidades dos recursos municipais e não a promessa de que fará o milagre da multiplicação do pão!!!

Essa falsa promessa leva estes gestores municipais a praticar atos incorretos em suas gestões orçamentárias, financeiras e contábeis, gerando, com isso, discursos inverídicos, onde afirmam que as verbas não estão sendo repassadas a contento, que não tem como pagar o décimo terceiro salário dos funcionários públicos municipais, que não podem pagar os fornecedores, que não tem recursos para conclusão de suas obras e etc.

Essa prática adotada pode até ludibriar as pessoas que não conhecem a administração pública em sua essência, haja vista que os recursos são repassados todos os meses, apesar da variação para menor ou para maior, isso dependendo da oscilação que já ocorre há muito tempo.

Com isso, senhor Flávio Dino, procure agir dentro dos ditames constitucionais, ou seja, cobrando que esses gestores pratiquem suas leis orçamentárias e plurianuais aprovadas por suas câmaras municipais, uma vez que as mesmas foram elaboradas pelos seus técnicos, de acordo com seus recursos disponibilizados, então não é justo dizerem que falta isso ou aquilo.

O certo é que ninguém desse Maranhão debate e cobra onde foram parar os bilhões e bilhões destinados anualmente aos municípios maranhenses… O senhor Flávio Dino, sabe?

O senhor e os seus seguidores poderiam me dizer se esses bilhões e bilhões foram investidos para melhorar a qualidade de vida e o bem-estar dos munícipes que tanto o senhor ver em suas andanças pelo Estado?

O bom gestor é aquele que cobra e verifica a aplicabilidade de todo e qualquer recurso encaminhado para o Estado, principalmente quando se é parlamentar federal, ainda mais considerado como o melhor!!!

  Publicado em: Governo

2 Responses to Flávio Dino e seus seguidores desconhecem totalmente de gestão pública…

  1. Júnior Amir disse:

    Caro professor CAIO essa foi a sua melhor postarem sobre esse falso PALADINO, que não tem nem uma experiência administrativa,a não ser dessa na SINECURA que lhe arranjaram nessa EMBRULHATUR.
    Quando que esse candidato de Flávio Chorão vai alcançar TADEU ,Castelo rapas velha.

    Ainda mais com essa relação suspeita com esse duble de Empresário pecuarista e grande Agiotao MACEDAO,que depois de se afastar do grupo de Roseana se abraçou ao uma causa comunista que ele nem sabe quem foi MARX,Engel,Fidelidade,nem mesmo conhece o poder de retórica de Choraozao,que não consegue discursar 10% do tempo que seu mestre Fidelidade Castro ,que e capaz de ficar discursando por muitas horas,só tomando aguinha de coco e ainda mantém a atenção da platéia.

    • Caio Hostilio disse:

      O problema, meu caro, é que no Maranhão o debate se restrige apenas em anti-sarneys e sarneys, onde a culpa por tudo é de apenas um gestor, quando nesse estado tem mais 217 gestores que recebem bilhões e bilhões anualmente e ninguém sabe onde foi parar o dinheiro… Ninguém cobra… E a pobreza está aí… Mas a politicalha continua… A cobrança do IDH continua… Isso é canalhice pura!!!

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog