Noticiário

Publicado em   11/jun/2012
por  Caio Hostilio

O consórcio de pré-candidatos e suas condições:

Eu, Edivaldo Holanda, me dei bem…

Tu, Tadeu Palácio, se ferrou…

Ele, Roberto Rocha, se ficou feito barata tonta…

Nós (os bestas do consórcio) nos escafedemos…

Vós (os líderes castelista/reinaldista/flavista) sois espertos…

Eles (grupo roseanista) precisam ficar de olhos bem abertos!!!

Polícia Federal realiza mais uma apreensão de cocaína no aeroporto de São Luís

A PF prendeu na madrugada de sábado, 09 de junho, um homem que carregava2 kgde cocaína junto a seu corpo, no momento de seu desembarque no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machadoem São Luís.PoliciaisFederais receberam a informação de que um homem que chegaria a São Luís em um vôo procedente de Porto Velho/RO estaria transportando cocaína. Houve intensificação nas atividades de fiscalização de rotina que resultou na identificação do homem e na confirmação de que o mesmo trazia a cocaína embrulhada em um saco plástico e grudada com esparadrapo junto a sua barriga. Em depoimento à Polícia Federal, o homem de 20 anos de idade, natural de Rio Branco/AC, disse que havia comprado a cocaína na cidade de Rio Branco/AC e viajado de ônibus até Porto Velho/RO, de onde embarcou no vôo para São Luís. Disse ainda que pretendia vender a cocaína para traficantesem São Luís.Estafoi a quarta apreensão de cocaína realizada pela Polícia Federal nos últimos dois meses no Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machadoem São Luís, totalizando65,7 kgde cocaína.

SES capacita profissionais das vigilâncias sanitárias

Profissionais das vigilâncias sanitárias de 11 municípios maranhenses estão participando, esta semana, de capacitação promovida pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). O encontro, que reúne 50 técnicos no Hotel Premier desde esta segunda-feira (11), tem por objetivo habilitar os fiscais das VISAS municipais para os novos critérios nacionais e oferecer subsídios para o desenvolvimento das ações de vigilânciaem saúde. Acapacitação, que acontece até esta sexta-feira (15), é realizada pela Secretaria Adjunta de Vigilância em Saúde, por meio da Superintendência de Vigilância Sanitária (Suvisa). O superintendente da Suvisa, Paulo Jessé Silva Gonçalves, explica que o encontro faz parte das ações de ampliação de conhecimento. “A capacitação e atualização dos técnicos em vigilância precisam ser permanentes porque há muitos fiscais novos que precisam ser treinados para melhor exercer suas ações”, disse ele.  

Vice-governador Washington Luiz Oliveira discute políticas públicas em Conferência

O vice-governador Washington Luiz Oliveira participou, na tarde desta segunda-feira (11), da solenidade de abertura da 9ª Conferência Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, realizada no Espaço Renascença,em São Luís. Oevento é coordenado pela secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc), e pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, em parceria com outros órgãos. O vice-governador destacou a importância da conferência para a garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes no Maranhão. “É muito importante este debate em torno das questões que envolvem as nossas crianças e adolescentes. Tudo isso é para que possamos avaliar tudo aquilo que precisa ser melhorado dentro das políticas públicas para esse segmento”, disse o vice-governador.

Caramba!!! Esse advogado foi longe… Para advogado de Elize, armas eram o problema do casal

O crime de Elize Matsunaga não foi premeditado, afirmou à rádio EstadãoESPN Luciano Santoro, advogado da assassina confessa do marido, Marcos Matsunaga. Também à EstadãoESPN o advogado da família da vítima, Luiz Flávio Borges D’Urso, afirmou que um reverendo, “orientador espiritual do casal”, teria advertido Marcos de que a presença de Elize em um apartamento com armas – ele era colecionador – era um risco à vida do executivo. Segundo D´Urso, a advertência indica que houve premeditação. Santoro também lembrou o arsenal doméstico do casal. Para ele, as armas “municiadas e preparadas para tiro” eram o “grande problema” da família. Santoro reafirma a tese de crime passional, fruto de “uma sucessão de fatos que levaram ao desfecho trágico”. De acordo com o advogado, Elize disparou contra Marcos depois de uma discussão em que ele ofendeu o “pai falecido”, a humilhou e disse, em tom de ameaça, que revelaria à Vara da Família que Elize havia sido garota de programa, para tentar impedir que ela ficasse com a guarda da filha de 1 ano do casal. Na narrativa de Elize, Marcos também a agrediu com um tapa, diz Santoro. Agora chegou a vez das invenções!!!

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog