Eu estou cansado do cotidiano, do ser humano, do egoísmo, da mentira, de mim mesmo… PQP!!!

Publicado em   20/mar/2012
por  Caio Hostilio

Pior do que se sentir perdido é perder-se em si mesmo. No emaranhado do que você acredita misturado ao que você é ou era. O que você acredita, apostando corrida com o que você mais detesta. O que você tem, jogando palitinhos com o que você quer. Seu amor e suas dores na linha de chegada e o coração de juiz em dia de clássico.

“Estamos acostumadas à idéia de que os homens são insensíveis, egoístas e não se importam com nossos sentimentos. Na verdade, muitas coisas que imaginamos não são tão verdadeiras assim. São rótulos que foram colocados ao longo dos anos pela sociedade.”. Eu já li isso em algum lugar!!! Acho que é de… Esqueci!!!

Eu não sei se você entende o raciocínio de quem não tem raciocinado ultimamente ou se entende o porquê de certas coisas que não se explicam.

Quando a cabeça não pensa o corpo padece. Mas quando a cabeça pensa demais será que nossa alma enriquece? Aí eu começo a me preocupar!!!

Você cheio de indagações e de táticas que não fazem o menor sentido. (pelo menos para você ou pelo menos naquele momento).

Suas certezas mudam, suas prioridades deixam de ser prioridades já que você nem sabe mais o que deseja. Até sabe, mas está tão longe e você tão cansado que o mais fácil é deixar que as prioridades te encontrem e você pode fugir do que não interessa. Seus princípios enfraquecidos te cobram uma atitude e você cobra a coragem.

Seus olhos pesam e seu coração já bate fraco. De tanto que bateu a vida inteira. De tanto chorar amor e fracassos. De tanto chorar pelo leite derramado você decide que se entender é complicado demais. O quente queima e o frio é gelado demais, vai o morno mesmo que não causa sensação alguma e no momento você não tem sequer condições de sentir algo. Sentir dá trabalho e trabalho acarreta uma série de responsabilidades. Responsabilidade é chato demais e não aquece seus pés nos dias frios.

Você enfim, opta por decidir somente pelo necessário. Pelo que realmente vai fazer alguma diferença em sua vida e desiste de tentar equilibrar-se, isso é para artista circense e você nem gosta tanto de circo. Melhor deixar assim.

Uma porta de saída e uma de entrada. O que vale fica e o que não vale que valesse. Nada de culpa ou de noites mal dormidas, nada de coração na boca em de frio na barriga.
Certas coisas não se explicam. Não existem palavras que as descrevam ou soluções que as resolva. Sentimentos, gestos, sonhos e sorrisos. A alma entende e a boca cala…

Às vezes a solidão é tão bom!!! Ficar longe da hipocrisia, da mentira alheia, da falsidade alheia… Melhor ficar somente com as suas!!! Como já é difícil suportar as nossas próprias hipocrisias, mentiras, falsidades, falsas moralidades, falsas éticas… Odeio duas coisas, tirar fotos e me ver refletido no espelho, pois estou diante de uma figura repugnante e com todas essas falhas existentes no DNA dos seres humanos…

A falsidade é asquerosa e o pior é que geralmente a falsidade vem acompanhada do egoísmo e faz o falseador a se transformar num manipulador. A falsidade leva a dissimulação, cujo individuo consegue disfarçar muito bem e quando não consegue manipular fica com raiva, chateada e com falso moralismo.

Eu já não consigo assistir televisão… Tornou-se um meio idiota de persuasão… Jornais? Leio somente algumas colunas… Internet? Alguns sites e blogs… Livros? Literaturas cientificas e espirituais… Rádio? Alguns programas…

Desculpem o desabafo… Estava precisando!!!

  Publicado em: Governo

2 Responses to Eu estou cansado do cotidiano, do ser humano, do egoísmo, da mentira, de mim mesmo… PQP!!!

  1. Yuri disse:

    Sempre leio os textos de Fernanda Mello, esse texto dela é um dos melhores. Caio, você deveria ter colocado no final os créditos, ou você deixou assim pra pensarem que é da sua autoria? Belos textos devem ser compartilhados, mas nunca devemos esquecer de colocar os créditos.
    Sou leitor assíduo do seu blog.
    Abraço!

    • Caio Hostilio disse:

      Prezado Yuri, não deixei assim para que pensassem que era meu, pois fiz várias analogias e o texto todo não é dela não…“Estamos acostumadas à idéia de que os homens são insensíveis, egoístas e não se importam com nossos sentimentos. Na verdade, muitas coisas que imaginamos não são tão verdadeiras assim. São rótulos que foram colocados ao longo dos anos pela sociedade.”. Eu já li isso em algum lugar!!! Acho que é de… Esqueci!!!
      Aí eu começo a me preocupar!!!
      Às vezes a solidão é tão bom!!! Ficar longe da hipocrisia, da mentira alheia, da falsidade alheia… Melhor ficar somente com as suas!!! Como já é difícil suportar as nossas próprias hipocrisias, mentiras, falsidades, falsas moralidades, falsas éticas… Odeio duas coisas, tirar fotos e me ver refletido no espelho, pois estou diante de uma figura repugnante e com todas essas falhas existentes no DNA dos seres humanos…
      A falsidade é asquerosa e o pior é que geralmente a falsidade vem acompanhada do egoísmo e faz o falseador a se transformar num manipulador. A falsidade leva a dissimulação, cujo individuo consegue disfarçar muito bem e quando não consegue manipular fica com raiva, chateada e com falso moralismo.
      Eu já não consigo assistir televisão… Tornou-se um meio idiota de persuasão… Jornais? Leio somente algumas colunas… Internet? Alguns sites e blogs… Livros? Literaturas cientificas e espirituais… Rádio? Alguns programas…
      Desculpem o desabafo… Estava precisando!!!

      toda essa parte é minha e não do texto da fernanda, o usei parte como analogia para o pensamento que queria transmitir nesses últimos parágrafos, cujo climax do texto está exatamente neles, por isso não vejo a necessidade de citação… Por outro lado, não se tratava de uma matéria, mais sim de um desabafo pessoal, cujo sentimento de minha alma está transcrito nos paragrafos de minha autoria…

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog