Flávio Dino: Demorou a decidir o que queria de fato para sua vida!!!

Publicado em   26/jan/2012
por  Caio Hostilio

Vale ressaltar que errar é humano. Quem nunca ouviu esse ditado popular? Mas, se você for orientado, há uma grande chance de evitar o erro. Principalmente quando o que está em jogo é a escolha correta a ser seguida.

Flávio Dino parece que na sua juventude tinha o tino para a política, porém se espelhou no irmão, o juiz Nicolau Dino, que tem o tino e dom para a magistratura, assim como o Sávio Dino.

Por questões meramente psicológicas, coisa totalmente particular ao ex-juiz, ele demorou muito a tomar a decisão de retomar sua vocação, esquecendo, com isso, que o tempo é a razão e que ele não retroage como gostaríamos… Isso causa angustia, desespero, querer que as coisas aconteçam…

Aristóteles já dizia: A virtude relaciona-se com paixões e ações, mas, um sentimento ou uma ação pode ser voluntária ou involuntária. Às paixões ou ações voluntárias dispensa-se louvor e censura, enquanto as involuntárias merecem perdão e, às vezes, piedade; por isso, é necessário distinguir entre o voluntário e involuntário. São involuntárias aquelas ações que ocorrem sob compulsão e ignorância, é compulsório ou forçado aquilo em que o princípio motor está fora de nós e para tal em nada contribui a pessoa que age ou sente a paixão. Há atos praticados para evitar males maiores.

Flávio Dino sabe que sua idade não ajuda e que não há mais tempo para esperar… Entrouem parafuso… Apolítica é algo mutante, que pode mudar em meia hora… Partiu prematuramente para duas disputas majoritárias e em ambas foi derrotado… Hoje está sem mandato… Deixou a magistratura em 2005 e teve apenas um mandato de deputado federal, isso a custa da benevolência de José Reinaldo, Humberto Coutinho e, principalmente, de Tema, prefeito de Tuntum, município que Flávio não pisara os pés durante a campanha em 2006 uma única vez.

Sem bons orientadores políticos, Flávio deixou de ser senador, onde estaria representando bem o Maranhão… Errou feio, tudo por um capricho idiota para um político… Errou novamente ao demorar em dizer que disputaria a prefeitura de São Luís em 2012, com isso levou uma chibatada política, que lhe deixou sem eira nem beira…

Pensa em 2014, quando estará com o peso dos seus 46 anos, sem nenhum mandato e sem perspectivas que o possa levar ao poder, visto que muitos opositores poderão está com o candidato do grupo que aí está.

O seu desespero de ter visto sua escolha errada quando jovem, suas decisões políticas mal traçadas, sua idade avançando, um político de um mandato só – que para muitos é duvidoso -, tendo como orientador político José Reinaldo, só resta a Flávio Dino tentar a derrubada de Roseana no TSE.

Contudo, tanto ele quanto os advogados de acusação sabem que será preciso uma prova substancial, como o vídeo mostrado que levou a cassação de Jackson Lago… Eles sabem que oitivas, vereadores dando entrevistas agora dizendo que a governadora garantiu lhes dar isso ou aquilo não tem valor nenhum se não tiver um prova substancial, pois fica claro a existência apenas das palavras deles… Convênios se foram assinados dentro das prerrogativas legais, sem que a governadora tenha se utilizado deles em palanque ou na sua campanha como forma de propaganda, não tem o que reclamar, visto que a gestão do estado não para… Tem que ter provas substanciais…

O que se ver é o Flávio Dino e seus cupinchas fazerem terrorismo nas redes sociais, como se essa oitiva fosse algo que desse o rumo e determinasse a cassação de Roseana… Ora bolas!!! Caso fosse assim, o Flávio Dino estaria cassado, pois na oitiva de Jackson Lago, o Louro de Caixas, contou como se deu a compra de votos naquele município, tanto para Jackson Lago quanto para Flávio Dino e outros… Nenhum daqueles depoimentos serviu para nada… O que cassou Jackson Lago foi o Vídeo onde José Reinaldo declara os seus candidatos ao governo do Estado e garante mais convênios… Existe algum assim com Roseana?

Porém ultimamente a sede pelo poder saiu da roda meritocrata e se espala cada vez mais pelos perfis “menores”, capazes de se humilhar por um follow, pra fazer uma “ponta” em algum podcast ou ganhar um RT de alguém. Como se já não bastasse os inúmeros links de favstar brotando na timeline todos os dias como se a cada RT+100 houvesse um prêmio especial. O próprio favstar é mais uma maneira de quantificar a popularidade, sendo ele mais um motivo do circo que virou o twitter.

A grande realidade é que o twitter virou um lugar chato, onde a zuera é “profissional” e o “reconhecimento” é mais importante que a diversão. Onde antigamente a galera só queria curtir, hoje virou um espaço pra propaganda pessoal e inchaço de egos. E é disso que o sistema meritocrata se alimenta: da própria merda (nadando numa piscina cheia de lama).

Que ao menos falem a verdade… Não passando para a população coisa inverídicas sobre o andamento de um processo que ainda terá que passar por vários pedidos de liminares, pareceres, retorno ao MP… Até chegar ao presidente do TSE, que é quem coloca em pauta de julgamento…

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog