Novela política…

Publicado em   10/jan/2012
por  Caio Hostilio

I capitulo

Coitado do ministro Bezerra… Ele será ouvido no Congresso na quinta-feira… Vão apertá-lo…

O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, deve ser ouvido pelos integrantes da comissão representativa do Congresso na próxima quinta-feira,12. Como todos os outros ministros da “esquerda”, Bezerra fez questão dele mesmo ligar para o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e sugerir que fosse ouvido pelos parlamentares.  O Bezerra é super “honesto”, essa comissão do Congresso é constituída em sua maioria por parlamentares de oposição e é preciso muita coragem para enfrentar esses camaradas… Bezerra é muito burro!!! Deixasse tudo quieto… Ninguém já nem estava mais aí para que ele explicasse sobre as três denúncias: a de que transferiu para seu Estado, Pernambuco, 90% dos recursos destinados à prevenção de calamidades; a de que burlou a Lei do Nepotismo, ao manter seu irmão Clementino Coelho na presidência interina da Codevasf por quase um ano e a de que teria favorecido seu filho, o deputado Fernando Coelho (PSB-PE), na distribuição de recursos do ministério para atender às emendas parlamentares.

Capitulo II

Aparece um deputado “esquerdista” para dizer que o “camarada” Bezerra é ético e honesto… Será que ele coloria a mão no fogo?

Assim como aconteceu com Palocci, Orlando Silva e Lupi, não poderia ser diferente com o Bezerra, pois o deputado federal João Paulo Lima (PT-PE), ex-prefeito do Recife, defendeu os repasses de verbas antienchente feitos a seu Estado durante a gestão de Fernando Bezerra no Ministério da Integração Nacional. Em nota divulgada nesta segunda-feira, 9, o parlamentar afirmou que não houve ‘privilégios’ ao Estado, que sofreu com a chuva no ano passado. No texto, Lima manifesta ‘solidariedade ao ministro Fernando Bezerra Coelho e ao governo de Pernambuco’. Bezerra tem base eleitoral em Petrolina, no sertão pernambucano, e foi indicado pelo governador Eduardo Campos (PSB-PE) para o cargo que ocupa em Brasília. ‘Não vamos permitir que a adoção de providências necessários e urgentes, num momento de extrema comoção, seja tratada como um mero privilégio de um Estado em relação aos demais’, escreveu Lima. O parlamentar e ex-prefeito do Recife elogia ainda ‘a eficiência e rapidez dos governos federal e estadual no enfrentamento de situações em que milhares de vidas humanas estiveram em grave risco’. Esse capitulo é igualzinho ao da novela passada…

Capitulo III

Depois que perde a galinha dos ovos de ouro, o “camarada” vira c… de galinha no partido…

O PT anda escondendo Palocci, o PCdoB quer ver se o “baiano” Orlando Silva consegue se eleger a vereador lá por São Paulo, estado onde mais a máfia funcionou e o Lupi reassume PDT sob protesto de dissidentes do partido… Pouco mais de um mês depois de deixar o governo, o ex-ministro do Trabalho Carlos Lupi reassumiu na tarde desta segunda-feira, 9, a presidência nacional do PDT, da qual estava licenciado, sob protestos do grupo Movimento de Resistência Leonel Brizola. Os dissidentes fizeram manifestação em frente ao Instituto Alberto Pasqualini, no centro do Rio, onde Lupi reuniu-se com a executiva nacional do partido. ‘Dilma, eu te amo. Cadê minha boquinha?’, dizia um dos cartazes de protesto, em referência à declaração de Lupi quando ainda estava no ministério e tentava se manter no cargo. Houve princípio de tumulto, logo controlado, entre os manifestantes e aliados do ex-ministro. Lupi deixou o ministério depois de uma série de denúncias de fraudes e irregularidades em convênios com ONGs e da revelação de que o pedetista foi funcionário fantasma da Câmara dos Deputados e da Câmara de Vereadores do Rio. ‘Lupi não pode voltar à presidência do partido porque é uma figura política enxovalhada nacionalmente. Não pode jogar o PDT no chão, se ficar, será o fim do PDT’, protestou o ex-deputado Vivaldo Barbosa, um dos líderes do Movimento de Resistência Leonel Brizola. Vivaldo anunciou que, na reunião do diretório nacional, marcada para 30 de janeiro em Brasília, o grupo levará a proposta de substituição de Lupi e convocação de nova eleição.

Capitulo IV

Todos ficaram impunes e serão felizes para sempre… Voltarão depois como defensores da moralidade e da ética… O povo não se lembrará mais de nada e os elegerão, achando que ali estão os salvadores da pátria… Mas que pátria? Ah!!! A deles!!!

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog