Polícia…

Publicado em   04/out/2011
por  Caio Hostilio

Mais um Quilombola é executado no Maranhão em decorrência de Conflito fundiário

A morte de Valdenilson Borges, 24 anos, trabalhador rural quilombola do Quilombo de Rosário, Serrano do Maranhão, que foi executado barbaramente, em razão de conflitos envolvendo particulares e quilombolas, na manhã do último domingo, dia 02.10.2011, no quilombo de Rosário, com duas facadas no peito. O autor do homicídio foi o sujeito por nome Edvaldo Silva, que se encontra foragido. Espera-se que o assassino seja preso o mais rápido possível, pois um crime desses não pode ficar impune… A CPT e o Movimento Quilombola da Baixada Ocidental Maranhense-MOQUIBOM têm denunciado atos de violência contra quilombolas do Maranhão e espera maior empenho do governo federal do governo do Maranhão para realizar uma política que possa proteger os direitos territoriais dos quilombolas maranhenses.

Polícia Civil prende hackers em Açailândia

Uma investigação feita pela Policia Civil, no município de Açailândia, culminou, nesta segunda-feira (3), na prisão em flagrante delito de Suzane Silva Oliveira, 23 anos, e Rogério Pires de Amorim, 26 anos, suspeitos de hackear contas bancárias em vários estados. De acordo com informações policiais, o casal já vinha sendo investigado há mais de um mês e usava identidades falsas. Eles se passavam por Suzana da Silva Pereira, 27 anos e Rogério da Silva, 28 anos, e mantinham uma loja de Material de Construção como fachada, no distrito de Pequiá,em Açailândia. Segundoo delegado Regional de Açailândia, Vital Rodrigues, o casal emitia vários boletosem uma Agência Bancáriada cidade, e simulava vendas de materiais de construção colocando valores altíssimos nos títulos, assim descontando nas contas dos compradores de outros estados. Os pagamentos eram depositados imediatamente em uma conta que eles tinham em outro banco. O gerente do Banco já desconfiava da movimentação estranha que Rogério vinha fazendo, pois emitiu vários boletos em branco para fazer vendas na sua loja, e quando ia descontar, sempre eram altos. “Já estamos trabalhando na investigação para identificar as vítimas desses criminosos” frisou o delegado Vital.

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog