Recordar é viver!!!

Publicado em   20/mar/2011
por  Caio Hostilio

Ontem (19), passei a tarde pensando na minha adolescência e início da minha fase adulta, isso aconteceu no final dos anos 70 e início dos anos 80. Pensei como deveríamos classificar esse período, visto que os anos 50 ficaram conhecidos como Os Anos Dourados e os anos 60 como Os Anos Rebeldes.

Pelo que eu vivi, poderia classificar como os Anos Românticos, isso por vários aspectos, como na música, na arte, na educação, nos relacionamentos (namoro com paixão) e pela falta de compromisso político, pois vivíamos no Regime Militar. O interesse político voltou a fazer parte do cotidiano dos jovens a partir da abertura total política, em meados do ano de 1984. O carro chefe para o interesse político veio através da música, onde sugiram grandes compositores, como Cazuza, Renato Russo, Gonzaguinha, Raul Seixas e outros que agora me falham a memória, que deram o tom da política através de versos sarcásticos, recheados de metáforas.    

Nos Anos Dourados (década de 50), O Brasil sai do Estado Novo, política progressista proposta pelo então presidente Getúlio Vargas, que comete o suicídio em 1954. O Reino Unido anuncia a posse de uma bomba atômica, alguns anos antes de os Estados Unidos divulgarem que tinham a bomba H. Começa a guerra do Vietnã. É realizada a primeira reunião da ONU (Organização das Nações Unidas). Os brasileiros passam a consumir hambúrguer com a inauguração do Bob’s, a primeira lanchonete do país, no Rio de Janeiro. A heroína era a droga mais utilizada por músicos. Surge o LSD.

Surge a pílula anticoncepcional, que marca o começo da liberdade sexual dos jovens. Marilyn Monroe revoluciona a moda, deixando o corpo em evidência com tecidos transparentes. Ela também foi uma das precursoras dos biquínis de duas peças, que tinha surgido em 1946. Embora ainda grandes, eram considerados roupa de strippers. Elvis conquista jovens do mundo todo com seu rock dançante e rebolado. As gírias da época: Paquera, uva (mulher bonita), fuzarca (farra), galinha (mulher que sai com todo mundo), mandraque (afeminado), mão-boba, roxinha (negra bonita), tipão. O ídolo é Martin Luther King. Na ciência é descoberta a estrutura do DNA. 

Nos Anos Rebeldes (década de 60) O mundo vive um momento conservador, mas os ideais esquerdistas e anarquistas fazem a cabeça dos jovens do mundo todo. O Muro de Berlim é construído em 1961. Em 1964, começa a ditadura militar no Brasil, que dura por 21 anos. O ano mais agitado é 1968, com o emblemático mês de maio, das barricadas e greves estudantis. O líder Martin Luther King é assassinado. Inicia a geração Coca-Cola. Esses foram os anos que cresceu o consumo de LSD e maconha. O amor livre pregado pelos hippies, somado à descoberta na década anterior da pílula anticoncepcional, causa uma revolução sexual.

Para completar, a psicanálise propunha uma teoria de que alguns problemas psicológicos estariam relacionados à repressão sexual. O biquíni explode nas praias cariocas e o presidente Jânio Quadros proíbe o uso da peça. Uma das frases famosa da época: ‘É proibido proibir’, um dos slogans de 68. Em 1969, ocorre o festival de música Woodstock, nos Estados Unidos, máxima representação do movimento hippie e da contracultura. No Brasil, a tropicália rompe com o nacionalismo e propõe a mistura da cultura brasileira a elementos estrangeiros, como forma de criticar a ditadura. As giras da época: ‘É uma brasa, mora!’, fossa, gamar, pé-de-chinelo, ‘pode vir quente que eu estou fervendo’, ‘pra frente’, quadrado. Começa as pesquisas com transplante de órgãos.

Na década de 70, conhecida como a era Disco, por isso acho que foi o período romântico. A crise do petróleo leva os Estados Unidos à recessão. Os americanos marcham contra a guerra do Vietnã, que acaba em 1975. No Brasil, governaram os presidentes Emílio Médici e Ernesto Geisel, ainda na gestão militar. Surge o movimento em defesa do meio ambiente. Os jovens só queriam balada, namorar, hambúrgueres, refrigerantes e milk-shakes. Não estavam nem aí para a política, visto que naquela época o SNI se infiltrava em tudo.

Os jovens continuam fascinados pelas drogas, principalmente a cocaína, que indica status. O ecstasy começa a ser usado como entorpecente nos Estados Unidos. No final dos anos 70, mais precisamente os anos de 77, 78 e 79, com as discotecas, o ‘amor livre’ tomou conta, anos que não se tinha informação a respeito de doenças sexualmente transmissíveis, como a Aids. Com o slogan “Paz e Amor”, o topless vira febre entre as mulheres mais ousadas. Frase marcante: ‘Faça amor, não faça guerra’. Era a era das discotecas, do filme ‘Os Embalos de Sábado à Noite’. Todo mundo queria copiar o visual e o jeito como dançava John Travolta. Gírias: Babado, barra, bicho, bicho-grilo, chocante, pornô, transa. Em 1977, é promulgada a lei do divórcio. Geisel revoga o AI-5. Em 1978, nasce Louise Brown, o primeiro bebê de proveta do mundo.

A década de 80 ficou conhecida como a década perdida, mas em minha opinião, os primeiros anos da década de 80, os jovens continuaram a curtir as boas músicas, a baladas, o namoro, por isso acho que continuou o período romântico. Contudo, os jovens começaram a se interessar mais pelas questões políticas. A eleição de Ronald Reagan como presidente dos Estados Unidos, em 1981, e de Margaret Thatcher como primeira-ministra do Reino Unido, em 1979, dão rumo neoliberal à economia, coisa que não deu certo até no Chile, mas FHC implantou o neoliberalismo na década de 90 no Brasil (esse foi o fiasco de seu governo). No Brasil, em 1984, surge o movimento civil Diretas Já, que reivindicava eleições por voto direto. No ano seguinte, termina a ditadura militar. Em 1986, surge a primeira delegacia da mulher, e Iolanda Fleming torna-se a primeira mulher brasileira a governar um estado – o Acre. Em 1989, Fernando Collor de Mello é o primeiro presidente eleito por voto direto após o golpe militar. No mesmo ano, cai o Muro de Berlim, que marca a reunificação da Alemanha.

Para algumas pessoas, o momento é considerado como o fim da Guerra Fria. A venda e o consumo de maconha são liberados na Holanda. A cocaína e o ecstasy ganham as ruas, e várias outras drogas sintéticas são criadas, inclusive o Ice, uma das mais perigosas até hoje. Em 1986, a descoberta do vírus HIV tem um grande impacto no comportamento sexual liberal construído desde a década de 60. Isso dá início a uma intensa campanha a favor do uso da camisinha. Na moda, os modelos de biquínis eram bem ousados, como o fio dental, o asa-delta e o de crochê, que enrolava quando molhado (um desses foi usado pelo jornalista e ex-exilado Fernando Gabeira na praia de Ipanema, num episódio histórico). A época foi marcada pela irreverência de compositores que contestavam a política e a sociedade da época, como Cazuza, Raul Seixas e Barão Vermelho.

Em 1982, Michael Jackson lança o álbum ‘Thriller’, que tem grande influência não apenas na música, mas na dança, na moda e na televisão. Gírias: Brega, ‘dar um tapa’ (fumar maconha), encanar, economês, ficar, fio dental (biquíni), maneiro, massa, ‘pega leve’, rolar (acontecer), ‘tomou doril’ (sumiu), ‘viajar na maionese’ (delirar). Os ídolos: Ayrton Senna, Cazuza, Renato Russo, Michael Jackson.

Em 1988, é promulgada a sétima Constituição do Brasil, que tornava o país mais democrático, com eleições diretas, maior responsabilidade fiscal e ampliação dos poderes do Congresso.

Cientistas identificam o buraco na camada de ozônio. Em 1987, a comissão Brundtland, que investigava as mudanças climáticas, divulga um relatório chamando atenção para a deterioração do planeta causada pelo ser humano. Começam a ser comercializados os primeiros microcomputadores no Brasil.

Em 1990, eu estava com 29 anos e três filhos, mas ainda sentia as mesmas sensações do final dos anos 70 e da década de 80, ou seja, tudo ainda era “Paz e Amor” e a geração Coca-Cola toma conta do pedaço. Mais isso é outra etapa, assim como os anos 2000, que poderei contar numa outra oportunidade.

  Publicado em: Governo

4 Responses to Recordar é viver!!!

  1. I simply want to say I am just all new to blogging and certainly enjoyed you’re web-site. Very likely I’m planning to bookmark your site . You absolutely come with fantastic article content. Bless you for revealing your web page.

  2. Leon Chambley disse:

    I just want to mention I am just all new to weblog and really liked this web-site. Most likely I’m likely to bookmark your blog . You absolutely have very good writings. Thank you for revealing your website page.

  3. I just want to say I am just all new to blogs and truly savored you’re web blog. Very likely I’m planning to bookmark your website . You actually have outstanding writings. Kudos for sharing with us your blog site.

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog